Guia do Investidor
aliansce sonae brmalls
Resultados 1T22

Aliansce Sonae (ALSO3): lucro alcança R$ 55,9 milhões; Ebitda sobe 27%

A (ALSO3) registrou lucro líquido de R$ 55,9 milhões no primeiro trimestre de 2022. Isto é, um desempenho 33,6% superior ao reportado no mesmo trimestre de 2021.

Assim, o lucro antes juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado da Aliansce Sonae cresceu 27,8% no . Isto é, totalizando R$ 184,9 milhões.

Dessa forma, a companhia atribui o desempenho à redução de descontos, eficiência na gestão de custos e despesas e captura de sinergias.

Já a margem Ebitda ajustada da Aliansce Sonae atingiu 72,3% nos três primeiros meses do ano. Ou seja, alta de 11,8 p.p. frente a margem registrada em 1T21.

Desse modo, a receita líquida somou R$ 253,1 milhões entre janeiro e março deste ano. Ou seja, alta de 32,4% na comparação com igual etapa de 2021.

Impulsionado pela receita de locação, com maior redução de descontos, esse desempenho confirma a tendência de aceleração de crescimento.

Mais sobre resultados da Aliansce Sonae

Em relação aos aluguéis mesmas lojas (SSR, na sigla em inglês) cresceram 39,2% no primeiro trimestre de 2022. Isto é, contra queda de 14,4% do primeiro trimestre de 2021.

Leia mais  CBA (CBAV3) sai do vermelho e lucra R$ 133 milhões no resultado 1T22

Assim sendo, o resultado financeiro líquido recorrente da Aliansce Sonae foi negativo em R$ 56,3 milhões no primeiro trimestre de 2022. Isto é, um crescimento de 89,1% das perdas financeiras em relação ao mesmo trimestre de 2021.

Desse modo, o fluxo de caixa provenientes de operações (FFO) ajustado atingiu a cifra de R$ 112,4 milhões no primeiro trimestre de 2022. Ou seja, um aumento de 176,6% na comparação com igual etapa de 2021.

Dessa forma, a margem FFO ajustada foi de 44,1% no 1T22. Isto é, alta de 18,2 p.p. frente a margem do 1T21.

Logo, a dívida líquida da da Aliansce Sonae ficou em R$ 586,4 milhões no final de março de 2022. Isto é, mantendo-se estável em relação ao mesmo período de 2021.

Portanto, o indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em 0,8 vez em março/22, queda de 0,4 vez em relação ao mesmo período de 2021.

Conhece o calendário de RESULTADOS do 1T22 do GDI?

Por fim, se você quer se organizar para acompanhar as datas dos Resultados do 1T22? Então, não deixe para depois e confira a Agenda de Resultados do Guia do Investidor.

Leia mais  Boa Vista (BOAS3): lucro decola 224% no 1T22, na base anual

No calendário estão reunidas todas as datas da divulgação dos Resultados do 1T22 das empresas listadas na bolsa de valores brasileira. Claro que sempre de formas simples e prática. Dessa forma, basta acessar clicando aqui!

Avalie este post:
[Total: Média: ]

NÃO DURMA NO PONTO!
Receba as mais quentes do em primeira mão no seu Telegram:
ATIVAR AGORA!

Nossas redes:

Leia mais

Enauta (ENAT3) multiplica prejuízo por seis no 1T22

Ruan Sousa

Prejuízo da Tecnisa (TCSA3) cai 73,3% no 1º trimestre, para R$ 7 milhões

Ruan Sousa

BK Brasil (BKBR3) reduz prejuízo no 1T22

Ruan Sousa

JHSF (JHSF3) reporta lucro líquido 13% menor no 1º trimestre de 2022, indo a R$ 166,5 milhões

Ruan Sousa

Energisa (ENGI11) tem queda de 33,5% no lucro no 1º trimestre, para R$ 580,7 milhões

Ruan Sousa

Cogna (COGN3): lucro dispara 58,7% no 1T22 e reverte o prejuízo do último trimestre

Ruan Sousa

Deixe seu comentário