Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Banco Central matou os pagamentos pelo WhatsApp

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O WhatsApp é uma plataforma extremamante popular aqui no Brasil. De fato o aplicativo de mensagens conta com mais de 120 milhões de usuários. O que o torna a segunda maior base de usuários do aplicativo depois da Índia. 

O novo sistema de pagamento do WhatsApp permitiria os usuários enviar dinheiro para indivíduos ou empresas via mensagem. Contudo pouco mais de uma semana depois lançado, o novo sistema foi suspenso pelo Banco central.

De fato ontem o Banco Central do Brasil suspendeu o sistema de pagamentos. E além disso encaminhou um comunicado a Visa e a Mastercard para não realizar as transferências através do whatsapp. O descumprimeto da solicitação é passível de multas.

Segundo o comunicado do banco o motivo para o bloqueio do sistema de pagamento do WhatsApp, tem o intuito de “preservar um ambiente competitivo adequado, que garante o funcionamento de um sistema de pagamento intercambiável, rápido, seguro, transparente, aberto e barato”. 

Em seu comunicadeo o banco também explicou que permitir o novo sistema de pagamentos via WhatsApp pode causar “danos irreparáveis ​​ao sistema, especialmente no que diz respeito à concorrência, eficiência e privacidade de dados”.

Leia mais  Enviar e receber dinheiro pelo WhatsApp é seguro?

Resposta do Whatsapp

Segundo a Bloomberg, uma fonte familiarizada com o assunto relatou que a decisão do banco central pegou os representantes do Whatsapp de surpresa. Mas ainda assim uma porta-voz do Whatsapp, divulgou o seguinte comunicado:

“Estamos empolgados com o feedback positivo de nossos usuários no Brasil sobre o lançamento do sistema de pagamentos via WhatsApp na semana passada. Proporcionar às pessoas a capacidade de enviar dinheiro de forma simples e segura pode ajudar a manter as pessoas seguras durante esse período crítico e apoiar a recuperação das pequenas empresas”.

“Nosso objetivo é usando um modelo aberto fornecer pagamentos digitais a todos os usuários do WhatsApp no ​​Brasil. Por isso continuaremos trabalhando com parceiros locais e o Banco Central para tornar isso possível”.

Segundo a porta-voz a equipe do WhatsApp trabalhará na integração do sistema de pagamentos instantâneos proposto pelo Banco Central. “Apoiamos o projeto PIX do Banco Central sobre pagamentos digitais. E em conjunto com nossos parceiros, estamos comprometidos em trabalhar com o Banco Central para integrar nossos sistemas quando o PIX estiver disponível”.

Leia mais  BB (BBAS3) participa de campanha nacional para renegociar dívidas de pequenos empresários

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Airbnb agora aceita PIX para pagamento de reservas

Fernando Américo

Inovação do setor financeiro, Drex será o Pix dos investimentos

Fernando Américo

“PIX dos Investimentos”: entenda mudança em norma da CVM

Guia do Investidor

Campos Neto, alvo de Lula, sai de férias

Márcia Alves

Governo ordena Meta a parar uso de dados de usuários para IA

Paola Rocha Schwartz

Governo tem rombo de R$ 61 bi em Maio, pior resultado em 04 anos

Márcia Alves

Deixe seu comentário