Guia do Investidor
8432
Guias

Bonificação de Ações: o que é? Aprenda tudo sobre

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Há mais de um meio de se remunerar os investidores, como através de proventos, mais conhecidos como dividendos e juros sobre capital próprio (JCP), por exemplo, mas também existe outro tipo não tão conhecido assim: a bonificação de ações.

Alguns investidores, tem uma noção sobre os dividendos e JCP, mas ficam perguntando o que é bonificação de ações?

O artigo é sobre bonificação de ações, mas vamos abordar resumidamente os dividendos e JCP.

O que são dividendos?

Os dividendos são parte do lucro líquido da empresa distribuído entre os acionistas. Confira a agenda de dividendos de 2021, clicando aqui!

O que é JCP?

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Os juros sobre capital próprio é uma das formas para distribuir os lucros da empresa. Entretanto, os JCP incidem um imposto de renda de 15% para quem recebe, isso porque beneficia uma redução no imposto da empresa.

Agora que vocês já sabem o que é os proventos mais utilizados, vamos agora te explicar o que é bonificação de ações.

O que é Bonificação de Ações?

As bonificações de ações são, basicamente, a distribuição de novas cotas aos acionistas de uma empresa de capital aberto. Nesse sentido, a quantidade de bonificações de ações distribuídas aos acionistas, depende da participação do acionista na empresa.

Leia mais  Rico Corretora é boa? Confira avaliação

Normalmente, esse tipo de bonificação é divulgado por meio de fato relevante.

Entretanto, vale lembrar que não há entrada de novos recursos na empresa, apenas acontece um aumento na base acionária da empresa.

Portanto, com esse aumento de ações, o movimento natural é que o preço da ação recue no mercado, pelo fato que quanto mais unidades das ações, ela vale menos, então esse movimento é muito normal que aconteça essa oscilação de preço. Entretanto, vale destacar que apenas o preço da ação sofre alteração, mas o patrimônio da empresa não se altera.

Dessa forma, os fundamentos da empresa e o patrimônio não se alteram.

As bonificações é um tipo de provento. Entretanto, também pode existir bonificações pagas em dinheiro, caso seja favorável a empresa.

O que é desdobramento de ações?

O desdobramento de ações é o oposto de bonificação de ações, consiste na divisão do número de ações em circulação de uma empresa, com o objetivo central de reduzir o preço dos ativos e aumentar a liquidez no mercado acionário. Dessa forma, se uma ação custava R$ 20 e é dividida de 1 para 4, ela passa a valer R$ 5 (R$ 20/4), e cada acionista passa a ter quatro vezes mais ações. Entretanto, vale ressaltar que o valor total do investimento não é alterado.

Nesse sentido, é importante destacar que pelo menos na teoria, o evento de desdobramento nunca geral valor. Ou seja, a proporção é mantida, a empresa não passa a valer mais ou menos a partir desse evento. Entretanto, a ação passa a ter maior liquidez, com isso vem trazendo segurança para os investidores pode trazer mais investidores para a companhia.

O que ocorre depois da bonificação de ações?

A sua posição financeira permaneça inalterada ao receber novas ações, existe uma necessidade de ajustar o valor das ações. Dessa forma, como saber o novo preço do ativo após este evento? Nesse sentido, vamos imaginar que você tem 100 ações da MGLU3 e o preço de fechamento dela foi de R$ 16,26.

Dessa maneira, observe agora na tabela a mudança da quantidade de ações e do preço de acordo com o percentual da bonificação.

Bonificação Nova Quantidade Novo valor
10% 110 R$ 14,78
20% 120 R$ 13,55
30% 130 R$ 12,51
40% 140 R$ 11,61
50% 150 R$ 10,84

O primeiro é a bonificação de 10%. Nesse caso, você passará a ter 10% a mais de ações que antes. Ou seja, ficará com 110 ações da empresa. Entretanto, por outro lado, o preço da ação será reduzido a R$ 14,78.

Segundo a bonificação de 20%, isso foi caso da DTEX3 no começo da última década, que foi no dia 29 de abril de 2011. Nesse sentido, você passará a ter 120 ações, ou seja, 20% mais de ações que você tinha antes. Dessa forma, após o novo preço de fechamento, foi reduzido para R$ 13,55, referência para abertura do pregão seguinte.

Leia mais  Intelbras (INTB3) anuncia pagamento de dividendos e JCP

Em conclusão, repare na tabela outros valores de bonificação e quais seriam as alterações na quantidade e preço de ações. Entretanto, para negociar as novas ações no pregão seguinte após a bonificação será necessário entrar em contato com a mesa de operações da sua corretora. No home broker, será necessário aguardar a Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC), creditar as suas novas ações na sua conta no prazo de D+3.

Como funciona a Bonificação de Ações?

A bonificação de ações é uma operação contábil na qual a empresa incorpora parte da reserva de lucros no seu capital social a fim de aumentá-lo.

Entretanto, o patrimônio líquido da empresa continua o mesmo e a taxa de participação do acionista também. A bonificação é um sinal importante, pelo fato que a empresa está gerando lucro suficiente para remunerar os acionistas e ainda pretende transferir parte deste montante para o capital social.

Portanto, como dito anteriormente o acionista receberá um comunicado por meio de um fato relevante detalhado como ocorrerá a bonificação.

A bonificação de ações funciona da mesma forma como dividendos, sendo negociados até como a data de ex-bonificação, dessa forma os investidores que compraram antes têm o direito de receber as bonificações de ações. Entretanto, segue a mesma linha dos dividendos, que na data ex-bonificação o preço da ação é ajustado de modo que o valor de mercado não se mude.

Em seguida, ocorre um processo de Leilão quando no outro dia se inicia o pregão.

As frações de ações dos diversos investidores serão agrupadas e vendidas posteriormente em leilões.

Como ganhar a bonificação de ações?

Os investidores de uma empresa que anunciou a bonificação de ações não precisa fazer nenhum processo. Dessa forma, isso porque o procedimento ocorre de forma automática, sendo processado pela bolsa de valores brasileira (B3) sem a intervenção do acionista.

Em resumo, após à data da bonificação, as novas ações serão incluídas na carteira do investidor. Portanto, o investidor poderá negociá-las normalmente na bolsa de valores brasileiros juntamente com as demais que possui. Entretanto, você não necessariamente não precisa vender as ações, você também pode mantê-las no portfólio — visando o recebimento de maiores proventos no futuro.

Como calcular a bonificação de ações?

O cálculo das novas ações, depende muito do fato relevante, para sabermos qual será a proporção.

Dessa forma, imagine que você tem 100 ações de uma empresa e a assembleia aprovou a bonificação de ações com uma proporção de 20%.

Dessa forma, você irá ganhar 20 ações, registrando 120 ações no total.

Leia mais  Acionistas da NotreDame Intermédica receberão R$5,16 por ação

Entretanto, digamos que outro investidor possua 66 ações dessa empresa, continuando com os mesmos 20% ele iria ganhar 13,2 ações. Mas como aqui na bolsa de valores brasileira (B3) não tem como pegar fração de ação, ele receberá as 13 ações normalmente. Dessa forma, o restante de 0,2 ações será pago equivalente em dinheiro na conta da corretora que você tem a ação da custódia.

Por isso, como dito anteriormente a bonificação de ações, ocorre também logo em seguida o leilão de fracionárias.

Como declarar no Imposto de Renda?

A bonificação de ações possui o benefício da isenção fiscal, portanto não incidirá imposto sobre ela. Contudo, o investidor que receber bonificações deverá declarar o recebimento no seu Imposto de Renda Pessoa Física.

Apesar que mesmo não recaindo em imposto, tem um custo.

As bonificações devem ser declaradas na ficha “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis” com o código 18 – Incorporação de reservas ao capital / Bonificação em ações.

O valor informado deverá ser o preço médio das ações bonificadas. Depois disso, a posição acionária deverá ser acertada na ficha “Bens e Direitos” com o código 31 – Ações. E especificando o número total de ações e a quantidade recebida por bonificação.

Entretanto, para não erros comuns. É muito importante consultar um contador na hora de fazer o seu Imposto de Renda.

A bonificação vale a pena?

A bonificação consiste no pagamento de proventos em ações para os acionistas. Em resumo, a empresa que faz a bonificações em ações decide por incorporar parte da reserva de lucros no capital social. Assim, novas ações são distribuídas gratuitamente para os atuais acionistas na proporção de ações já possuídas.

Em conclusão, o investidor terá mais ações da empresa sem precisar colocar mais dinheiro e terá direito de receber mais dividendos.

De maneira geral, quando uma empresa anuncia, normalmente é um importante fator de que o negócio tem tido ótimos resultados.

Portanto, da próxima vez que você observar uma divulgação de bonificações de ações olhe com bons olhos essa companhia. Pois, normalmente isso demonstra a força do crescimento da empresa bem como a saúde financeira da mesma.

Conclusão

De maneira geral, quando uma empresa anuncia esse tipo de evento, normalmente é um importante indício de que o negócio tem tido ótimos resultados e que parte desses estavam sendo acumulados na linha de lucros retidos.

Portanto, da próxima vez que você observar uma divulgação de bonificações de ações olhe com bons olhos essa companhia, pois normalmente isso demonstra a força do crescimento da empresa bem como a saúde financeira da mesma.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

CEMIG paga mais de R$300 milhões em dividendos

Rodrigo Mahbub Santana

Tegma (TGMA3) e Telefônica (VIVT3): empresas anunciam pagamento de bonificação aos acionistas

Ruan Sousa

A Schulz (SHUL4) aprovou em Assembleia, que será efetuado uma bonificação na proporção de 100%

Ruan Sousa

Kepler Weber (KEPL3) anuncia pagamento de R$ 75,5 milhões em dividendos

Ruan Sousa

Indústrias Romi (ROMI3) anuncia o pagamento de R$ 12,4 milhões em JCP

Ruan Sousa

Intelbras (INTB3) anuncia pagamento de dividendos e JCP

Ruan Sousa

Deixe seu comentário