Guia do Investidor
700 6126aeb758810
Notícias

Camil Alimentos (CAML3) lança o Café União, consolidando sua entrada na categoria

Empresa atuará também com as marcas Seleto, Bom Dia e Sul de Minas

São Paulo, 9 de maio de 2022 — Visando consolidar-se e ser reconhecida como uma empresa multicategoria de alimentos, a S.A. (B3:CAML3) lança o Café União e consolida sua entrada no segmento de cafés. A marca começa a ser vendida agora em maio nos principais pontos comerciais de São Paulo e Rio de Janeiro. A multinacional de origem brasileira atua nas categorias de grãos (arroz, feijão e outros grãos), adoçados, pescados enlatados e massas no , além de ter operações no Uruguai, Chile, Peru e Equador; e anunciou sua entrada em cafés em 2021, quando adquiriu a marca Seleto e realizou um na Café Bom Dia e Agrocoffee de aproximadamente R$63 milhões, que incluiu a planta industrial de café em Varginha (MG), uma das principais regiões de café do país.
 

“A volta do Café União e a entrada na categoria eram um grande objetivo da Alimentos. A companhia almeja ser reconhecida como empresa multicategoria de alimentos e estar cada vez mais presente na mesa dos brasileiros em diferentes momentos do dia, do café da manhã ao jantar, no prato principal à sobremesa, temos um portfólio completo para marcar presença no dia a dia da população”, afirma Luciano Quartiero, Diretor Presidente da Camil Alimentos. “ que tenham sinergia com nossas operações são parte de nossa estratégia de negócios, pautada também pela diversificação, lançamento de produtos e para novos mercados”, completa Quartiero.
 

Leia mais  Veja o que 4 corretoras recomendam para a semana

A Camil atuará com quatro marcas de café no brasileiro: União, Seleto, Bom Dia e Sul de Minas. Com elas, a empresa busca atender aos diferentes perfis de consumidores. A volta do Café União tem grande afinidade com a categoria de adoçados, em especial com o açúcar refinado União, marca líder de mercado e Top of Mind.

Os cafés serão produzidos em Varginha (MG), uma das principais regiões cafeeiras do País e com localização geográfica que favorece a distribuição para diferentes mercados, em uma fábrica com capacidade produtiva de 36 mil toneladas de café ao ano com área construída de 4.000m² em parque industrial de 65.000m². Está nos planos da Camil Alimentos investir R$ 20 milhões na fábrica para ampliação da capacidade de produção para 60 mil toneladas de café ao ano. “A planta tem hoje um potencial de produção de 36 mil toneladas por ano, e já iniciamos nosso projeto de expansão para 60 mil toneladas para que possamos alçar voos ainda maiores”, diz Luciano.
 

Com fortes marcas e posicionamento de liderança, a Camil Alimentos possui múltiplas oportunidades de crescimento orgânico e inorgânico, com desenvolvimento de novos mercados e entrada em outras categorias. “Temos a intenção de replicar a nossa comprovada capacidade de identificar, adquirir e integrar operações e ativos estratégicos na expansão de nosso portfólio de marcas e produtos na América Latina, seja por aquisições, lançamentos ou aquisições de marcas. Iniciamos um novo ciclo este ano com a chegada do café e integração das aquisições realizadas em 2021, reforçando a nossa responsabilidade, agilidade e confiança de que a companhia está no caminho para antecipar tendências e fortalecer nossa posição de consolidador no setor de alimentos da América Latina”, afirma Luciano Quartiero.
 

Histórico recente de aquisições

Leia mais  Carteira recomendada para dezembro 2019 + dividendos

Além das aquisições feitas em café, em 2021 a Camil Alimentos adquiriu a Dajahu, que marcou sua entrada no mercado equatoriano de arroz; a Santa Amália, com anúncio da entrada da empresa na categoria de massas no Brasil, e a Silcom, que atua no ramo de frutas secas, sementes, molhos e azeites no Uruguai.
 

O foco da estratégia de aquisições da companhia é na extensão de linha de nossos produtos mediante aquisições de empresas, ativos ou marcas que atuem em mercados de produtos alimentícios de mercearia seca não-perecíveis, com potencial de crescimento que apresentem sinergia com aquelas do atual portfólio e agreguem ganhos de escala ao modelo de negócio, além de novas regiões para expansão da Companhia em novos países na América Latina.
 

Marca memorável

A história de União na categoria de cafés começou em 1910, junto com a sua fundação, e levava o slogan “A União que a todas satisfaz”. Foi só em 2000 que a marca – até então pertencente à Coopersucar – decidiu seguir apenas com adoçados, incluindo açúcares variados, do refinado ao mascavo. A Camil Alimentos adquiriu a União em 2012 e lançou sucralose em 2016 e a ampla linha de misturas para bolo em 2018. Em 2021, a marca ganhou o reconhecimento de alto renome no mercado e, agora em 2022, a empresa celebra o retorno do Café União.

O Café União traz grãos selecionados e torrados uniformemente em duas versões: Tradicional, para quem prefere um café com aroma e sabor marcantes, e o Extraforte, um café com sabor e aroma mais intensos.
Para saber mais sobre novidades, receitas e produtos de União, acesse o perfil da marca no Instagram ou o site da marca. E para conhecer os demais produtos da Camil Alimentos, acesse o site da empresa.

Avalie este post:
[Total: 1 Média: 5]

Nossas redes:

Leia mais

Sem ideias para a carteira? Confira as indicações de duas corretoras para a semana!

Leonardo Bruno

Camil (CAML3) confirma programa de recompra de até 10 milhões de ações

Ruan Sousa

Camil Alimentos (CAML3) conclui aquisição da Silcom, do Uruguai

Ruan Sousa

Camil (CAML3) anuncia pagamento de R$ 25 milhões em JCP

Ruan Sousa

Quais as melhores ações de Dividendos para Janeiro?

Leonardo Bruno

Camil (CAML3) vai emitir R$ 150 milhões em debêntures sustentáveis

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário