Guia do Investidor
20.05.2020.supermercado rio de janeiro 0520203151
Notícias

De cada 10 brasileiros, 7 cortaram itens de compra no mercado por causa da inflação

A inflação obrigou sete em cada dez brasileiros a mudar os hábitos de consumo e a cortar itens do carrinho de . Pesquisa C6 Bank/Ipec mostra que 72% dos brasileiros das classes ABC com acesso à internet eliminaram algum item da lista de compras do nos últimos seis meses por causa da alta de preços.

Para uma parcela da população, a alta de preços significou a interrupção total do consumo de carne bovina – 72% deixaram de comprar cortes considerados de primeira e 28% interromperam as compras de carne de segunda. Outros tipos de carne também desapareceram da lista de compras: 15% dos entrevistados não colocam mais no carrinho carne suína, de frango ou peixe e 26% deixaram de levar para casa carnes processadas como linguiça e salsicha.

Segundo o levantamento do C6 Bank/Ipec, 46% dos entrevistados que cortaram gastos por causa da estão comendo carne bovina menos de uma vez por semana. Apenas 7% desses brasileiros consomem bovina de cinco a sete vezes por semana, 38% incluem o produto nas refeições de uma a quatro vezes por semana e 9% das ouvidas não comem nunca o produto.

Leia mais  Zro Bank inaugura conselho de administração com Eduardo Gouveia e Silvio Meira

A inflação foi a razão apontada por 82% dos entrevistados para o baixo consumo. Por outro lado, 3% atribuem o baixo consumo à identificação com o estilo de alimentação adotado por vegetarianos e veganos e 4% consomem carne bovina com pouca frequência porque acham que isso é bom para saúde ou para meio ambiente.

Outros itens também foram afetados pela mudança de comportamento dos brasileiros diante da inflação. Os entrevistados também pararam de comprar muçarela (54%), iogurte (44%), leite (37%) e óleo de soja (18%).

A pesquisa ouviu 2000 brasileiros com mais de 16 anos em todas as regiões do país entre os dias 14 e 20 de julho de 2022. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

LULA OU BOLSONARO? Não corra o risco das eleições no Brasil: abra sua conta no exterior e proteja seu

Recomendações no seu e-mail

Nossas redes:

Leia mais

Fim do Hype? Ibovespa volta a cair para os 111 mil pontos nesta segunda-feira

Leonardo Bruno

Acima dos 112 mil pontos: o que explica a alta do Ibovespa?

Leonardo Bruno

Desaceleração da inflação no Brasil e EUA anima investidores

Guia do Investidor

Inflação acumulada em doze meses pode voltar para a casa de um dígito

Guia do Investidor

Emissões nacionais no mercado de capitais somam R$ 317,9 bi em 2022

Guia do Investidor

🚨Urgente: Temores de recessão se afastam com inflação desacelerando nos EUA

Guia do Investidor

Deixe seu comentário