Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

De olho no COPOM, Ibovespa volta a abrir em alta

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O Ibovespa opera em alta nesta terça-feira, primeiro dia das reuniões de polícia monetária tanto do Comitê de Mercado Aberto do Banco Central americano (Fomc, na sigla em inglês) quanto do Comitê de Política Monetária do BC brasileiro (Copom).

image 139

No geral, os investidores demonstram melhora da disposição por risco em meio a novas medidas para a turbulência bancária. As bolsas fecharam em alta na Ásia e operam no azul na Europa e nos EUA e o Ibovespa sobe 0,65% (101.579,11 pontos). A maior parte dos participantes do mercado aposta em aumento de 0,25 p.p. na taxa de juros norte-americana.

Por aqui, a expectativa é a de manutenção da Selic em 13,75%. O presidente Lula, que tem criticado bastante o nível dos juros concede entrevista nesta manhã à TV 247 e mantém o tom. A expectativa da divulgação de que o novo arcabouço fiscal seria divulgado antes da reunião do Copom não se concretizou. O documento foi apresentado ontem para os presidentes da Câmara e do Senado pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Segundo o Broadcast Político, a proposta foi bem recebida pelos dois

Leia mais  Ibovespa fecha em alta pela 1ª vez em 2024

Os destaques da bolsa

Os papéis do setor petroleiro acompanham os preços da commodity e sobem nesta manhã. Petrobras ON (PETR3) avança 1,52% (R$ 26,13); Petrobras PN (PETR4) +1,48% (R$ 23,27); Prio (PRIO3) registra valorização de 0,19% (R$ 31,05) e 3R Petroleum (RRRP3) +0,94% (R$ 31,10). Já o minério de ferro teve um dia de baixa na China. Em Dalian, o contrato para maio teve queda de 2,22% (US$ 127,81 a tonelada); no mercado à vista de Qingdao, o recuo foi de 1,61% (US$ 124,71 a tonelada), mas em Cingapura, há pouco, o produto subia 0,24% (US$ 123,65).

Por aqui, os papéis do setor operam majoritariamente em queda: Vale (VALE3) tem baixa de 1,01% (R$ 82,57); CSN Mineração (CMIN3) cai 0,64% (R$ 4,66); Usiminas (USIM5) avança 0,29% (R$ 6,87); CSN (CSNA3) perde 0,35% (R$ 14,28); Gerdau (GGBR4) +1,70% (R$ 25,78) e Metalúrgica Gerdau (GOAU4) +0,97% (R$ 11,48). Após encerrarem mistos ontem, os bancos sobem em bloco nesta terça-feira. Bradesco ON (BBDC3) tem alta de 0,60% (R$ 11,69); Bradesco PN (BBDC4) +0,99% (R$ 13,23); Banco do Brasil (BBAS3) tem valorização de 67% (R$ 37,34); Itaú (ITUB4) sobe 1,45% (R$ 23,74); Santander (SANB11) +1,87% (R$ 26,09). Qualicorp (QUAL3) lidera as altas do Ibovespa, subindo 3,37% (R$ 3,99).

Leia mais  Ibovespa abre em alta impulsionado por Petrobras e Bancos

Na ponta oposta, BRF (BRFS3) registra o pior desempenho, em queda de 2,05% (R$ 6,68). Fora do índice, Americanas (AMER3), está entre as maiores altas do mercado, com valorização de 6,48% (R$ 1,15). O conselho de administração da varejista aprovou o plano de recuperação judicial, mas os credores da empresa ainda não deram o seu aval para o projeto.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ibovespa abre novamente com alta e ativos continuam subindo

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em alta com principais ativos em ganhos curtos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa inicia com alta com maioria dos ativos em ganhos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em alta significativa, registrando amplos ganhos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em alta impulsionado por Petrobras e Bancos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em queda com oscilações de Petrobras e Eletrobras

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário