Guia do Investidor
Mashup Localiza Unidas
Notícias

Fusão entre Localiza (RENT3) e Unidas é elogiada por bancos

Após anúncio da fusão entre as (RENT3) e (LCAM3), instituições como Banco , agência de rating Moody’s, Ativa , e publicaram análises nesta quarta-feira (23).

De acordo com o Banco UBS, a incorporação das companhias irá gerar ganhos de sinergia, que irão catapultar o lucro da nova empresa.

Nesse sentido, os ganhos de sinergia estimados pelo banco foram entre R$ 140 e R$ 420 milhões. Inclusive, metade dos ganhos seriam da melhoria operacional da Unidas (LCAM3), aliado à com despesas gerais e administrativas da Localiza (RENT3).

Logo, baseado nesses , ficou estimado que o negócio pode disparar uma alta de 12% a 36% no lucro líquido.

Mesmo assim, o documento assinado pelos analistas Rogério Araújo, Nahan Silva e Andressa Varotto também apresenta cautela quanto aprovação do negócio pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

Nesse caso, eles levam em consideração que companhias somariam 47,5% de participação no mercado, sendo 31% de contribuição da Localiza e 16,5% da Unidas. Inclusive, juntas deteriam 66% do mercado de locação de veículos e 30% do setor de gestão de frotas.

Leia mais  14 ações para renovar sua carteira na semana

Segundo relatório da Moody’s, a fusão seria positiva para o crédito da Localiza (RENT3) a longo prazo, devido maior escala das empresas unidas.

“A combinação de negócios não alteraria significativamente as atuais métricas de crédito da Localiza, como alavancagem, dívida total e perfil de amortização de dívida. Mas aumentaria exposição da empresa ao mercado de gestão de frotas, que conta com modelo de negócios menos flexível que o de aluguel de carros”

avalia Carolina Chimenti, vice-presidente assistente da Moody’s

Por outro lado, para o curto prazo, Carolina Chimenti destaca dois desafios que a Localiza (RENT3) enfrentará nessa fusão com a Unidas (LCAM3). Primeiramente, os prováveis desafios serão as despesas e integração dos negócios, além da deliberação pelo CADE.

Ativa e Banco destacam que nova empresa tem futuro positivo

Pedro Serra, gerente de research da Ativa, destacou que a nova empresa fruto da incorporação passaria a deter parcela relevante da demanda. Por conta disso, seria ampliado o já forte poder de negociação com fornecedores, reduzindo depreciação da demanda.

Leia mais  Vale (VALE3) poderá pagar até 24% em dividendos

Considerando o valuation, a fusão dos negócios geraria uma companhia de EV/EBITDA aproximado de 19x, sendo um indicador inferior ao da Localiza (RENT3), porém superior ao da Unidas (LCAM3).

Ademais, o relatório da corretora destaca que a nova empresa estaria bem posicionada para a perspectiva futura das mudanças no setor e destaca preocupação quanto aprovação do CADE.

Finalmente, o Banco Inter disse que a combinação de know-how e tecnologia formam uma Localiza ainda mais completa e competitiva.

“A companhia já reconhecida pela eficiência em RAC e Seminovos agora passa a contar com uma estrutura mais robusta em Gestão de Frotas, segmento de grande exposição em Unidas. Localiza ainda poderá capturar sinergia operacional através de melhorias na estrutura e custo de capital, alavancando ainda mais os resultados”.

Por conta desses fatores, o Banco Inter recomendou compra, com preço-alvo de R$ 54 para Localiza (RENT3).

Nossas redes:

Leia mais

Para CEO do Inter, queda de 15% das ações foi “timing perfeito”

Leonardo Bruno

Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3): Cade dá aval para Brookfield comprar ativos e fusão será concluída em julho

Ruan Sousa

Ações do Banco Inter derretem 7% em estreia nos Estados Unidos

Leonardo Bruno

Em seu primeiro dia em Wall Street, ações do Banco Inter (INBR31) operam em alta

Leonardo Bruno

Choro de viúva? Banco Inter se despede da B3 nesta sexta acumulando quedas

Leonardo Bruno

Venda de ativos da Unidas (LCAM3) é positiva para perfil de crédito da Localiza (RENT3), diz Moody’s

Ruan Sousa

Deixe seu comentário