Guia do Investidor
Bolsa
Notícias

Ibovespa opera em queda à espera do Copom

O principal indicador da brasileira encontra dificuldades para manter o patamar dos 103 mil pontos nesta quarta-feira, que antecede a definição do Copom da nova taxa básica de juros da economia do .

image 18

O índice opera descolado do externo, que acalma as tensões da visita da presidente da Câmara dos a Taiwan e monitora novas defesas de integrantes do Fed ao aperto.

Por aqui, as commodities pesam com a queda do minério, enquanto limita perdas que poderiam ser maiores com o petróleo volátil. A petroleira é puxada pela forte alta da 3R Petroleum (RRRP3), em +1,55% (R$ 33,45), após comprar 100% do que a estatal detinha no Polo Peroá, incrementando sua produção de gás. Petrobras ON (PETR3) +0,49% (R$ 36,70); Petrobras PN () +0,27% (R$ 33,92). Antes do balanço, Petrorio (PRIO3) +0,13% (R$ 23,42).

Preocupações com a retomada da economia chinesa, além da crise imobiliária no país, voltam ao centro das atenções, derrubando o minério de ferro na China. Em Qingdao o recuo foi de 4,49% (US$ 109,07 a tonelada), enquanto em Dalian, o contrato para setembro teve baixa de 0,82% (786,50 iuanes ou US$ 116,47 a tonelada). Vale (VALE3) registra perda de 1,10% (R$ 69,48) e CSN Mineração (CMIN3) -0,85% (R$ 3,52).

Olho nos resultados

Leia mais  Bolsa: Ibovespa cai arrastado por Vale e Petrobras. Cielo, Braskem e Gol disparam

A temporada de resultados também afeta o mercado neste início de tarde. A Engie Brasil (EGIE3) está na ponta negativa, em baixa de 2,45% (R$ 43,07). registrou lucro líquido de R$ 514 milhões no 2TRI, alta de 20,4% na base anual, resultado abaixo do esperado pelo Citi.

Por fim, confira demais que divulgaram nas últimas 24 horas seus resultados operacionais:

image 19

LULA OU ? Não corra o risco das eleições no Brasil: abra sua conta no e proteja seu patrimônio

Recomendações no seu e-mail

Nossas redes:

Leia mais

Refletindo na “chuva de resultados”, Ibovespa recupera os 110 mil pontos nesta manhã

Leonardo Bruno

Fim da Euforia? Ibovespa volta a fechar no vermelho após 7 sessões em alta

Leonardo Bruno

Ibovespa segue disparando e bate os 111 mil pontos

Leonardo Bruno

De volta aos 110 mil pontos: Confira os destaques da Bolsa hoje

Leonardo Bruno

Com deflação e resultados no Radar, Ibovespa começa a flertar com os 110 mil pontos

Leonardo Bruno

Em dia histórico de deflação, Ibovespa testa 109 mil pontos

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário