Guia do Investidor
Arte: GDI
Notícias

Ibovespa recua para mínimo anual em meio a tensões fiscais

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • O Ibovespa encerrou o dia em baixa de 0,44%, atingindo 119.137,86 pontos, o menor nível de 2024. Desde 17 de maio, o índice acumula uma perda de 9 mil pontos.
  • A fala da equipe econômica do governo após reunião com o presidente Lula indicou preocupação com o aumento dos subsídios e a renúncia tributária, o que levou a uma recuperação parcial do índice.
  • A Vale (VALE3) contribuiu para a queda do Ibovespa com uma redução de 0,40% em suas ações, influenciada pela desvalorização do minério de ferro e um incêndio em uma de suas plantas no Pará.
  • Por outro lado, a Petrobras (PETR4) apresentou alta de 0,37%, beneficiada pelos preços internacionais do petróleo e pela decisão do Conselho de Administração da empresa de pagar R$ 20 bilhões à Receita Federal para encerrar litígios fiscais.
  • Os bancos tiveram um desempenho positivo: Itaú (ITUB4) valorizou 2,44% após revisão positiva pelo Morgan Stanley, e Bradesco (BBDC4) teve alta de 1,09%, sendo a mais negociada da sessão.
  • Hapvida (HAPV3) e Sabesp (SBSP3) registraram quedas de 2,40% e 0,91%, respectivamente, apesar das perspectivas positivas para Hapvida e o processo de privatização da Sabesp ainda em curso.
Leia mais  No dia do "não fico" de Bolsonaro, Ibovespa fecha em leve alta de 0,77%

O Ibovespa encerrou o dia em baixa de 0,44%, atingindo 119.137,86 pontos, o menor nível de 2024. Desde 17 de maio, o índice acumula uma perda de 9 mil pontos.

A fala da equipe econômica do governo após reunião com o presidente Lula indicou preocupação com o aumento dos subsídios e a renúncia tributária, o que levou a uma recuperação parcial do índice.

A Vale (VALE3) contribuiu para a queda do Ibovespa com uma redução de 0,40% em suas ações, influenciada pela desvalorização do minério de ferro e um incêndio em uma de suas plantas no Pará.

Por outro lado, a Petrobras (PETR4) apresentou alta de 0,37%, beneficiada pelos preços internacionais do petróleo e pela decisão do Conselho de Administração da empresa de pagar R$ 20 bilhões à Receita Federal para encerrar litígios fiscais.

Os bancos tiveram um desempenho positivo: Itaú (ITUB4) valorizou 2,44% após revisão positiva pelo Morgan Stanley, e Bradesco (BBDC4) teve alta de 1,09%, sendo a mais negociada da sessão.

Hapvida (HAPV3) e Sabesp (SBSP3) registraram quedas de 2,40% e 0,91%, respectivamente, apesar das perspectivas positivas para Hapvida e o processo de privatização da Sabesp ainda em curso.

Confira os principais destaques do pregão desta segunda-feira:

Mais Negociadas

BBDC4.SA+1,09%R$ 12,97
HAPV3.SA-2,4%R$ 3,66
CIEL3.SA+0,18%R$ 5,65
PETR4.SA+0,37%R$ 34,81
B3SA3.SA+1,83%R$ 10,56
Fonte: Google Finanças

Maiores Altas

ITUB4.SA+2,44%R$ 31,90
B3SA3.SA+1,83%R$ 10,56
SANB11.SA+1,44%R$ 27,47
SMTO3.SA+1,33%R$ 31,15
BBDC4.SA+1,09%R$ 12,97
Fonte: Google Finanças

Maiores Baixas

QUAL3.SA-11,49%R$ 1,54
BHIA3.SA-5,76%R$ 5,75
RDOR3.SA-5,38%R$ 25,67
BRKM5.SA-5,11%R$ 17,47
LWSA3.SA-4,29%R$ 4,02
Fonte: Google Finanças

Outras Moedas

Dólar Turismo+0,82%R$ 5,624
Libra+1,42%R$ 6,889
Peso Argentino+1,11%R$ 0,006
Bitcoin+0,06%R$ 361.027,000
Fonte: Valor Econômico
Leia mais  Ibovespa opera em forte alta na manhã desta quinta; confira os destaques

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ibovespa abre em alta com principais ativos em ganhos curtos

Paola Rocha Schwartz

Vale e BHP firmam acordo sobre reclamações no Reino Unido e Holanda

Márcia Alves

Ibovespa inicia com alta com maioria dos ativos em ganhos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em alta significativa, registrando amplos ganhos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em alta impulsionado por Petrobras e Bancos

Paola Rocha Schwartz

Vale resgata US$ 500 mi em títulos com vencimento em 2036

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário