Guia do Investidor
ibovespa 1 1
Notícias

Ibovespa segue “apanhando” do risco global; Confira destaques

O abriu em leve queda e intensifica as perdas no início do pregão desta quarta-feira, seguindo os mercados norte-americanos e europeus, com a alta global dos juros, e de olho na reunião que acontece hoje entre governadores e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). O encontro foi marcado para discutir o projeto que fixa em 17% teto ao ICMS de combustíveis e energia.

A agenda do dia está fraca de indicadores e os repercutem expectativas, com reunião de política monetária do Central Europeu nesta quinta-feira e decisão sobre juros pelo Federal Reserve na semana que vem, junto com o BC brasileiro.

image 55

Os futuros em NY recuam após dois dias seguidos de ganhos. O segue aguardando os dados de inflação a serem divulgados na próxima sexta-feira para entender qual caminho será seguido pelo Fed.

Espera-se que o índice de preços ao consumidor de maio nos EUA (a ser divulgado na sexta-feira) seja apenas um pouco mais frio do que abril, e alguns economistas esperam que isso possa confirmar que a inflação atingiu o pico.

Leia mais  BRF (BRFS3) aporta US$ 2,5 mi em startup israelense Aleph

O índice de do consumidor da Universidade de Michigan, também previsto para sexta-feira, também será observado de perto pelos investidores.

O Dow Jones futuro caía 0,37%, enquanto os futuros do S&P 500 e Nasdaq recuavam, respectivamente, 0,31% e 0,23%.

As Bolsas europeias voltam a cair com cautela sobre aperto monetário. O Stoxx 600 cai 0,77%.

Amanhã o Banco Central Europeu anunciará sua decisão sobre juros. O mercado acha improvável que a taxa seja elevada na reunião desta semana, mas acredita que o aperto monetário deve começar em julho, como o próprio BCE já sinalizou.

O comunicado após a decisão de amanhã é bastante aguardado pois deve dar a tônica dos próximos passos da autoridade monetária em um cenário de inflação crescente.

Na Europa, a produção industrial da Alemanha avançou 0,7% em abril ante março, segundo dados publicados nesta quarta-feira, 8, pela Destatis, a agência oficial de estatísticas do país.

A leitura ficou abaixo da alta prevista por consultados pelo The Wall Street Journal, que esperavam ganho de 1,0%.

Leia mais  Mercado financeiro de olho nos imóveis: corretor revela porquê de aumento no investimento imobiliário

O Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro cresceu 0,6% no primeiro trimestre de 2022 ante o quarto trimestre do ano passado, segundo a terceira e última leitura do indicador divulgada nesta quarta-feira pela Eurostat, a agência de estatísticas da Europeia (UE).

Apesar da alta do nos mercados internacionais, as ações do setor caem na bolsa, com exceção de Petrorio (#PRIO3), que tem alta de 0,37% (R$ 27,41). Petrobras ON (#PETR3) recua 0,27% (R$ 33,77); Petrobras PN (#) -0,16% (R$ 30,61) e 3R Petroleum (#RRRP3) tem queda de 0,75% (R$ 46,51).

AltasBaixas
SLCE3: R$ 54,10 (+1,77%)LWSA3: R$ 7,05 (-3,03%)
PRIO3: R$ 27,56 (+0,92%)USIM5: R$ 10,84 (-2,43%)
QUAL3: R$ 11,05 (+0,91%)RENT3: R$ 52,28 (-2,35%)
BBSE3: R$ 25,59 (+0,67%)VBBR3: R$ 18,23 (-2,25%)
ABEV3: R$ 13,81 (+0,58%): R$ 27,44 (-2,14%)

Nossas redes:

Leia mais

Apoiado nas commodities, Ibovespa segue subindo nesta terça

Leonardo Bruno

Bolsa Brasileira é a mais barata entre os países emergentes

Leonardo Bruno

“Não vai dar liga”? Itaú BBA acredita que a bolsa não vai passar dos 110 mil pontos em 2022

Leonardo Bruno

De volta aos 100 mil pontos: Bolsa engata alta apoiada em diminuição das restrições na China

Leonardo Bruno

Bear Market: confira os tipos de quedas do mercado

Leonardo Bruno

Bolsa opera em campo positivo apoiada em mercados internacionais

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário