Guia do Investidor
Free Freepik@xb100 2
Notícias

Inflação americana dispara e serviços caem no Brasil: a receita por trás da Ibovespa hoje

Estamos entrando em mais um pregão do mercado, e o Guia do Investidor traz para você uma rápido resumo com tudo que está afetando o mercado de capitais nesta terça-feira! Confira agora mais detalhes!

O mercado americano e a

Os dados da inflação americana foram divulgados, e realmente vieram acima da expectativa do mercado. Chegando a +8,5%, na base anual, de +7,9% em fevereiro, acima do consenso de 8,4%. Já o núcleo do CPI de março fecha em +0,3%, projeção era de +0,5%; na base anual, +6,5%, como previsto. É a maior inflação nos Estados Unidos desde 1981.

📊 Cotações (10h10):  
S&P 500: +1,11%  
Nasdaq: +0,63%  
Dow Jones: +1,89%

Assim, como no , a inflação americana sofre com a alta do Petróleo, que impactou negativa o preço dos , inflacionando toda a cadeia produtiva.

Já no Brasil, o Ibovespa subia 0,075% na abertura do pregão desta terça-feira (12), aos 117 mil pontos, após recuo de 1,16% do dia anterior. O índice, dizem gráficos, encontra resistência em 121,5 mil pontos – ou seja, seria preciso romper esse patamar para subir ainda mais.

Leia mais  Ibovespa opera em queda; setor de serviços cresce 2,4% em novembro

A quebra do patamar de 121,5 mil pontos abriria espaço para tentar a próxima projeção de objetivo de sua “onda 5” que aponta para a região dos 123 mil pontos, disse a Ágora Investimentos, em relatório assinado por Maurício Camargo e equipe.

Os analistas lembram que o Ibovespa ensaiou a perda dos 118,2 mil pontos na segunda e recuou em direção aos 115,900 mil pontos, “topo anterior que passou a atuar como suporte que ampara a formação de alta para o curto prazo”.

image 43

O indicador passa pelo receio com os serviços. Afinal, o volume de serviços no Brasil variou -0,2% em fevereiro frente a janeiro, na série com ajuste sazonal. Com isso, o se encontra 5,4% acima do nível de fevereiro de 2020 (pré-pandemia). O volume vem abaixo do consenso esperado pelos analistas.

Altas e Baixas

Ademais, confira abaixo as principais movimentações da no pregão até o momento:

ALTAS VAR. DIA (%) BAIXASVAR. DIA (%)
BRKM5+1,88BRFS3-7,11
ABEV3+1,81COGN3-5,65
CIEL3+1,46WEGE3-4,66
ENBR3+1,46B3SA3-4,62
CRFB3+1,12SOMA3-3,93

Nossas redes:

Leia mais

B3 (B3SA3) aprova redução de percentual mínimo de ações da Mater Dei (MATD3)

Ruan Sousa

Alta dos juros e dos combustíveis: Entenda a receita que levou o Ibovespa abaixo dos 100 mil pontos

Leonardo Bruno

Volume de negociações da B3 cai em Maio

Leonardo Bruno

Após liquidações, Ibovespa volta a subir com Super-Quarta no radar

Leonardo Bruno

Braskem Idesa, controlada da Braskem (BRKM5) firma acordo para venda de 50% da Terminal Química Puerto México

Ruan Sousa

Após segunda “sangrenta”, Ibovespa volta a crescer nesta manhã

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário