Guia do Investidor
fiis 2
Carteiras Fundos Imobiliários Carteiras Recomendadas Dezembro de 2021 Recomendações

Os melhores Fundos Imobiliários para comprar em 2022

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Estamos entrando nos finalmentes do ano de 2021, e muitos investidores (pelo menos a maioria) já está se perguntando: quais as melhores ações para 2022? A resposta pode parecer complicada, mas utilizando as técnicas certas de análise, você não vai precisar de uma bola de cristal e nem de um gênio da lampada para adivinhar o futuro. Assim, os principais analistas do mercado estão atentos as tendências da economia global e estão de olho em fundos Imobiliários para o ano de 2022! Portanto, confira agora os detalhes!

O que esperam os analistas?

Assim, o time de analistas da Toro Investimentos identificou 5 fundos de investimentos imobiliários (FIIs) com preços “bastante interessantes após uma sequência de quedas no mercado” para começar 2022 com exposição ao setor.

A valorização dos FIIs ainda depende de uma retomada mais completa da economia. O que acontecerá especialmente com o avanço da vacinação contra o coronavírus, mas a corretora entende que muitos estão negociando com desconto.

Desse modo, nos três tipos de alocação há oportunidades.

Papel: “Já com o cenário de alta da Selic previsto para o ano, alguns fundos imobiliários de papel devem se beneficiar do aumento das taxas de juros, pois têm produtos atrelados ao CDI nas suas carteiras”.

RBR Alpha Fundo de Fundos (RBRF11) – Assim, a estratégia de investimentos tem o objetivo de adquirir cotas de outros fundos de investimento imobiliário. Que, por sua vez investem diretamente em imóveis prontos com potencial de valorização e ativos financeiros com lastro imobiliário (CRIs, LCIs e LHs).

Recebíveis: “Os FIIs de recebíveis também podem ser uma proteção contra a inflação, caso a mesma continue pressionada, pois alguns títulos possuem indexadores como o IPCA ou o IGP-M”.

Indicações: FII VBI CRI (CVBI11) – Portanto, o fundo possui processos rigorosos de análise de crédito e de garantias para selecionar ativos de crédito de alta qualidade indexados ao CDI ou à inflação, além de cotas de outros FIIs de papel.

Tijolo: Nos imóveis físicos, a Toro ressalta que, ainda que tenha ocorrido uma queda generalizada no setor em 2021, há boas oportunidades no médio e longo prazo, como, por exemplo, os que atuam nos ramos de logística, shopping centers e industrial, que são favorecidos pelo crescimento do comércio eletrônico, pela volta da circulação de pessoas e pela retomada da indústria.

Indicações:

Bresco Logística (BRCO11) – Assim, o (BRCO11) é um Fundo com mais de 10 imóveis logísticos e com foco em imóveis de alto padrão e localização privilegiada próxima aos grandes centros urbanos.

CSHG Real Estate (HGRE11) – Possui participação em cerca de 20 ativos imobiliários com diferentes teses de investimentos e a gestão ativa tem liberdade para reciclar e posicionar o portfólio de acordo com os ciclos imobiliários.

Malls Brasil Plural (MALL11) – Com participação em 7 ativos, o objetivo do fundo é obter rendimentos mensais em shopping centers performados, desse modo, foca em operações resilientes e com dominância regional.

Por fim, confira abaixo a relação completa dos melhores FIIs para 2022:

FIIsTicker
RBR Alpha Fundo de FundosRBRF11
FII VBI CRICVBI11
Bresco LogísticaBRCO11
CSHG Real EstateHGRE11
Malls Brasil PluralMALL11
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ibovespa avança e ultrapassa os 130 mil pontos; Weg lidera altas

Fernando Américo

Bolsas em NY fecham mistas após Ata do Fed; Nvidia pressiona Nasdaq

Fernando Américo

Vendas da Braskem caem 9% no 4T23

Mateus Sousa

Gerdau (GGBR4) lucra R$ 732 milhões no 4T de 2024

Mateus Sousa

Ibovespa avança 0,68% sustentado por Bancos e salto do Carrefour

Guia do Investidor

Ibovespa atinge 129 mil pontos com baixa liquidez; CVC lidera ganhos

Guia do Investidor