Guia do Investidor
petropadrao2024
Notícias

Petrobras abre licitação para retomar obras em alvo da lava jato

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • Petrobras anunciou processo de licitação para obras de construção no Comperj (alvo da lava jato)
  • Estima-se que as unidades produzirão 12 mil barris por dia
  • Prevê-se também, a criação de até 10 mil empregos diretos e indiretos

Nesta quinta-feira (2), a Petrobras anunciou o processo de licitação para as obras de construção e conclusão das unidades do Polo GasLub, anteriormente conhecido como Comperj (Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro). O projeto em Itaboraí, RJ, alvo da Lava Jato, teve desenvolvimento comprometido por gestões anteriores.

Segundo a companhia, estima-se que as unidades terão capacidade para produzir aproximadamente 12 mil barris por dia (bpd) de óleos lubrificantes, além de 75 mil bpd de diesel S-10 e 20 mil bpd de querosene de aviação (QAV-1).

“A contratação é um marco para a retomada do Polo GasLub e com ela a companhia volta a investir em um empreendimento de grande importância não só para a Petrobras, mas para o Rio de Janeiro e todo o Brasil”, disse, em nota, Jean Paul Prates, presidente da Petrobras.

Prevê-se a criação de até 10 mil empregos diretos e indiretos durante a execução das obras. O valor final do empreendimento dependerá do resultado da licitação. A retomada do polo, paralisado desde 2015, está alinhada à estratégia da Petrobras de modernizar seu parque de refino e oferecer produtos avançados.

Leia mais  Ibovespa inicia com queda, junto às baixas de Petrobras e B3

Durante o governo Bolsonaro, a estatal abandonou a construção de unidades de refino e de lubrificantes. Sob a gestão de Roberto Castello Branco, a Petrobras decidiu até mesmo renomear o projeto.

“Também conhecido como cemitério da corrupção, o Comperj está mudando de nome. O seu nome ficou manchado pela corrupção”, disse o executivo, ao anunciar que ele seria “renomeado” em GasLub Itaboraí.

Em 2021, Petrobras e governo fluminense firmaram protocolo para atrair empresas, transformando a área em distrito industrial para segmentos de consumo de gás natural.

Com o retorno do presidente Lula, a Petrobras, no entanto, anunciou interesse em retomar outro projeto emblemático, a refinaria Abreu e Lima. Segundo a Folha de S.Paulo, em novembro de 2023, a Petrobras aprovou a retomada dos investimentos em refino no antigo Comperj, conforme seu plano estratégico.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Retomada de investimentos

A retomada dos investimentos no polo era uma promessa de campanha do presidente Lula, visando ampliar a capacidade nacional de produção de combustíveis.

Leia mais  Petrobras solicita reconsideração de licença ambiental para perfuração de poço em águas profundas

Segundo Claudio Schlosser, diretor de Refino, Transporte e Comercialização, as novas unidades de refino do complexo devem começar a operar somente a partir de 2028. A Petrobras, assim, prevê que a demanda por diesel no país continuará crescendo até 2030.

Durante uma teleconferência com analistas no final do ano passado, a direção da empresa enfatizou que os investimentos programados são economicamente viáveis.

Além disso, o plano de negócios da Petrobras também contempla um aumento de quatro vezes na produção de biocombustíveis, um segmento que foi negligenciado em gestões anteriores, como parte da retomada dos investimentos em energias renováveis.

Petrobras aumenta em 2,8% preço de querosene de aviação

Nesta quarta-feira (1), a Petrobras aumentou em 2,8% o preço do querosene de aviação (QAV) vendido para os distribuidores, correspondendo a um acréscimo de R$ 0,11 por litro. No acumulado do ano, o preço do QAV teve uma redução de 1,3% ou R$ 0,05 por litro, conforme comunicado divulgado pela estatal. Em relação a dezembro de 2022, a queda acumulada é de 20,6% ou R$ 1,05 por litro. A Petrobras fornece o produto refinado, seja produzido internamente ou importado, para distribuidoras, que o transportam e o comercializam com empresas de transporte aéreo e consumidores finais nos aeroportos.

Leia mais  Petrobras (PETR4) e Novonor adiam follow-on da Braskem

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Petrobras obtém aprovação de empresas parceiras em consórcios de E&P

Márcia Alves

Ex-diretor da Petrobras nomeado por Lula é condenado a 98 anos de prisão

Márcia Alves

Petrobras anuncia “desprivatização” da Refinaria de Mataripe

Paola Rocha Schwartz

“Erro Petista”: Críticas a Lula por reativação da indústria naval

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa inicia com alta com maioria dos ativos em ganhos

Paola Rocha Schwartz

Petrobras e Yara Fertilizantes exploram oportunidades de parceria

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário