Guia do Investidor
image 750x 5f9c74d610cb9
Notícias

Petrobras e Raízen firmam parceria para fortalecer segmento de Biometano

  • anuncia parceria com a ;
  • Assim, as companhias estão firmando acordo para fortalecer as operações no Biometano.

A Petrobras (PETR3; PETR4) e a Raízen (RAIZ4) assinaram um acordo para avaliar conjuntamente potenciais negócios envolvendo produção, compra e venda de biometano, combustível 100% renovável e produzido pela Raízen a partir de resíduos da cana-de-açúcar (vinhaça e torta de filtro), gerados na operação agroindustrial dos Bioparques de Energia da companhia.

A parceria prevê também estudos para o desenvolvimento de soluções de logística de entrega do biometano, que viabilize sua utilização nas operações de refino da Petrobras. Com características semelhantes ao , o produto integra uma nova geração de sustentáveis (como o diesel R5, com conteúdo renovável, e o BioQAV).

De acordo com a Petrobras, o biometano tem o potencial para reduzir em mais de 90% as emissões diretas de gases de efeito estufa ao substituir combustíveis fósseis.

Já para a Raízen, a produção de biometano amplia o portfólio de soluções renováveis da companhia, garantindo e sustentabilidade para seus clientes.

“Somos uma das pioneiras no uso de resíduos de processos industriais para a produção de energia renovável em escala comercial, aplicando o modelo de economia circular em nossos 35 parques de bioenergia. Acreditamos no potencial da cana para a geração de inúmeras soluções em energia e a produção de biometano é um importante passo para acelerar a transição energética no país”.

Explicou o CEO da Raízen, Ricardo Mussa

Nossas redes:

Leia mais

Comitê da Petrobras aprova nome de Caio Andrade para presidência

Agência Brasil

STF prorroga prazo para Petrobras (PETR4) prestar informações sobre preço dos combustíveis

Ruan Sousa

Diretoria da Petrobras (PETR4) aprova venda de participação nos campos Golfinho e Camarupim à BW Energy

Ruan Sousa

Com crise interna, é o momento de comprar ações da Petrobras?

Leonardo Bruno

Em dia complicado, ações de Petróleo derretem na bolsa

Leonardo Bruno

Comitê avaliará indicação para presidência da Petrobras (PETR4) na sexta-feira

Ruan Sousa

Deixe seu comentário