Guia do Investidor
positivo padrao2024
Notícias

Positivo com alta de quase 30% no ano após mudança estratégica

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • A Positivo têm apresentado altas de quase 30% ao ano, isto após realizar mudanças estratégicas
  • Estão começando a mostrar resultados, com uma maior diversificação de seus negócios
  • Está focando, portanto, menos em produtos e mais em serviços e soluções

Por um tempo, a Positivo (POSI3) foi reconhecida não apenas como a pioneira na fabricação do primeiro computador brasileiro.

Sempre competiu em uma faixa de preços acessíveis contra marcas estrangeiras como Dell, Lenovo e HP.

Uma mudança significativa foi a alteração do nome de Positivo Informática para Positivo Tecnologia. Essas mudanças estratégicas estão começando a mostrar resultados, com uma maior diversificação de seus negócios. Além dos computadores, como notebooks e desktops, a empresa está ganhando relevância nos setores corporativo e governamental. Além disso, está focando menos em produtos e mais em serviços e soluções.

O mercado está claramente reconhecendo essa transformação. Após um declínio em 2023, as ações da empresa estão agora em alta de quase 30% neste ano. Somente em julho, registraram um aumento superior a 10%, indicando um período favorável para a companhia, segundo analistas.

Desde o início, a empresa percebeu os riscos da dependência das vendas de produtos, conforme destacado por Ivair Rodrigues, especialista da consultoria IT Data. Esse cenário se intensificava ainda mais devido à competição com gigantes internacionais. Assim, a Positivo iniciou uma estratégia de diversificação de receitas.

“Aqui a gente não está falando mais de vender produto. Estamos falando de vender soluções, vender o serviço e tudo mais”, comenta o especialista.

Expansão

As novas estratégias focaram em expandir para produtos como smartphones, através da parceria com a empresa chinesa Infinix, e no setor de servidores. Rodrigues também menciona a aquisição de uma empresa de segurança da informação e a virada com a compra do braço de TI da Algar Tech.

Leia mais  Real cai 9,5% só em 2024, devido a preocupações com risco fiscal

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Segundo Felipe Moura, analista da Finacap, a dependência do varejo causava volatilidade nas receitas da empresa. Ele observa que houve uma alta significativa nas ações durante a pandemia, quando as vendas no varejo tiveram um aumento expressivo. Entre 2020 e meados de 2022, Moura destaca que a Positivo registrou, contudo, receitas recordes nesse segmento, impulsionadas pelo investimento em infraestrutura tecnológica pessoal.

“A companhia teve uma decisão extremamente acertada. E eles já vinham fazendo isso desde a época da pandemia, ao migrar a demanda deles justamente para o cliente corporativo, que tem uma procura muito mais resiliente e sempre precisa renovar a parte tecnológica e a infraestrutura – porque é o dia-a-dia deste tipo de cliente”, explica Felipe.

Execução com Algar Tech

Apesar de ser reconhecida tanto no varejo quanto em contratos com o governo, como fornecedora de urnas eletrônicas, a Positivo está focada em destacar seus serviços e soluções. Conforme explica Luiz Guilherme Palhares, diretor de relações com investidores da empresa.

“Estamos hoje executando todas essas avenidas, das quais, com mais destaque hoje, é essa parte de serviços. Temos um grau de confiança muito grande, porque nós profissionalizamos, nós trouxemos gente do mercado muito qualificada para assumir essa área corporativa”, afirma o diretor.

“Nós organizamos uma estrutura interna para atender voltada às necessidades dessas empresas, pela da ótica de produto ou de serviços, que a gente hoje consegue customizar”, complementa.

Luiz afirma que a aposta na divisão de serviços também permite a obtenção de receitas recorrentes. E, ainda, explica que a relação com cliente passa a ser em contrato relacional de 3 a 5 anos, garantindo as necessidades em primeira mão.

“Essa receita recorrente tem uma rentabilidade melhor do que a venda simplesmente de dispositivos. E ela exige um capital de giro menor também. Então, a frente de serviços é importante para a estratégia sobre a ótica do desempenho financeiro”, explica.

Leia mais  Após liquidações, Ibovespa volta a subir com Super-Quarta no radar

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

BlackRock lucra US$ 1,5 bi no 2T24 e supera expectativas

Paola Rocha Schwartz

Eletrobras oferta ações da ISA Cteepe e movimenta R$ 3,5 bi

Paola Rocha Schwartz

Inflação na Argentina cai, mas ainda impacta o bolso da população

Paola Rocha Schwartz

Dólar opera em queda nesta sexta, devido à inflação nos EUA

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa inicia com alta com maioria dos ativos em ganhos

Paola Rocha Schwartz

Tenda registra aumento de 34% nas vendas líquidas do 2T24

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário