Guia do Investidor
claro1 1200x675 1
Resultados 2T22

Receita da Claro sobe 7,6% e chega a R$ 10,6 bilhões no 2T22

  • A anunciou ao mercado seu resultado operacional referente ao ;
  • Assim, a companhia telefônica apresenta crescimento de 7,6% na receita líquida do período.

Claro, controlada da América Móvil, registrou crescimento de 7,6% na receita líquida total segundo trimestre, totalizando R$ 10,6 bilhões. Excluindo os efeitos da aquisição da , a receita líquida total foi de R$ 10,3 bilhões, acrescenta a companhia. No acumulado do semestre, a receita totalizou R$ 20, 6 bilhões, alta de 5,1% ante os primeiros seis meses do ano passado.

A companhia destacou o desempenho em serviços móveis, que apresentou crescimento de 20,5% na receita.

Entre abril e junho, a Claro registrou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 4,4 bilhões, 7,6% acima do mesmo período de 2022, com margem Ebitda de 41,3%. Excluindo os efeitos da aquisição da Oi o Ebitda soma R$ 4,2 bilhões.

No semestre, o Ebitda da totalizou R$ 8,4 bilhões, com acréscimo de 4,5% no comparativo anual e margem Ebitda de 40,9% — queda de 0,2 ponto percentual frente o informado um ano antes.

Por fim, para conferir todos os detalhes, não se esqueça de conferir os principais destaques operacionais anunciados pela companhia no documento abaixo:

Recomendações no seu e-mail

Nossas redes:

Leia mais

Acabou a luz? Ebitda da Alupar cai R$ 256,9 milhões no resultado 2T22

Leonardo Bruno

Technos (TECN3) ‘dobra’ o lucro no resultado 2T22

Leonardo Bruno

Queda de 1,6% ofusca lucro de R$ 7,436 bilhões no resultado 2T22

Leonardo Bruno

Vale a pena apostar na Renner (LREN3) após o bom 2T22?

Leonardo Bruno

Novo Recorde de Receita: Confira os destaques do Mercado Livre no resultado 2T22

Leonardo Bruno

Ações disparando: “Hype” segue na Hypera após o resultado 2T22

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário