Guia do Investidor
Notícias

Santander recomenda compra de dólar contra tensão da reforma

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Segundo o banco, diante dos períodos de alta volatilidade que há de vir, é importante agir com cautela.

Por meio de comunicado enviado aos seus clientes o Santander recomenda a compra de dólar como uma for de precaução. Então segundo os seus analistas é necessário ter cautela diante do cenário político interno atual. Veja mais.

A Recomendação é de compra

Então as recomendações do banco Santander é o conhecido jargão overweight, que significa comprar. Logo a ordem se refere a aquisição de compra dólar e investir em neutra bolsa.

Contudo para investimentos em renda fixa, os analistas visão que se mantenha a alocação com o nível abaixo da média. Visto que, mesmo com o aumento das taxas influenciadas pelos fatores políticos, o índice oficial de inflação evoluiu. Assim os analistas dizem que houve melhora na matiz das recomendações em juros reais.

Assim a equipe de analistas do Santander, se posicionou dizendo que essa recomendação acontece por uma visão de longo prazo construtiva. Entretanto, a instituição acredita que o cenário político atual pede que se aja com cautela.

Contudo mesmo que as metas no Ibovespa com a reforma da previdência seja de que haja economia de cerca de R$800 a R$ 900 bilhões. Os Analistas acreditam que isso possa ser muito acima do que é realmente possível.

Logo alertam que mesmo que o chegue próximo a R$ 500 ou R$ 600 bilhões. Ainda assim não é sinal de que haverá uma nova alta, mesmo sendo um resultado consideravelmente alto.

Atenção com a reforma

De olho no desenvolvimento da reforma da previdência, os analistas do Banco Santander chamam atenção pela importância do papel do Presidente da Câmara Rodrigo Maia. Visto que sua desenvoltura e empenho para que o desenrolar das negociações fossem ágeis foi de extrema importância.

Assim como também é visto de forma positiva pelo time do Santander a instalação de uma comissão especial para o caso. Sobre tudo a recomendação do banco é sempre que haja cautela.

Segundo os analistas é preciso aprender a se adaptar a natureza do Presidente Jair Bolsonaro, uma vez que não é possível mudar as suas características.

Assim de acordo com o banco Santander é necessário desenvolver uma compreensão maior de “palavras tortas”, referindo se as ações do presidente.

Concluindo o comunicado e as recomendações do banco Santander aos seus clientes. Assim como outras corretoras visa estar se preparando para um período de alta volatilidade, de um mercado sensível a influência política.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Defesa de Bolsonaro requer afastamento de Moraes em investigação

Guia do Investidor

Bolsonaro sobre “importunação” a baleia jubarte: “A única baleia que não gosta de mim é aquela que está no ministério”

Guia do Investidor

Conta Digital Santander é boa? Descubra se é gratuita e se vale a pena

Karine Freitas

“Não é minha prioridade”, afirma Bolsonaro sobre retorno à Presidência

Guia do Investidor

Novos nomes da direita bolsonarista disputam protagonismo para eleições de 2026 após inelegibilidade de Bolsonaro

Guia do Investidor

Bolsonaro se manifesta sobre condenação e afirma que decisão enfraquece a democracia

Guia do Investidor

Deixe seu comentário