Guia do Investidor
Arte: GDI
Notícias

Selic deve parar de cair e encerrar ano a 10,5%, prevê mercado

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • Copom mantém Selic: Taxa básica de juros fica em 10,5% ao ano.
  • Fim do ciclo de cortes: Iniciado em agosto de 2023, com sete reduções totalizando 3,25 pontos percentuais.
  • Inflação em alta: Projeções do Boletim Focus indicam aumento nas expectativas de inflação para os próximos anos.
  • Meta de inflação: Governo Lula estabelece meta contínua de 3%, com tolerância de 1,5% a 4,5%.
  • Crítica política: Presidente Lula critica jantar em homenagem ao presidente do BC, sugerindo benefício dos altos juros para os convidados.

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) decidiu manter a taxa básica de juros, a Selic, em 10,5% ao ano. Com essa decisão, anunciada na quarta-feira (19.jun.2024), o BC finaliza um ciclo de reduções que teve início em agosto de 2023, quando a taxa passou de 13,25% para 12,75%. Desde então, a Selic sofreu sete cortes consecutivos, totalizando uma diminuição de 3,25 pontos percentuais.

Leia mais  Copom deve sinalizar redução da selic em agosto, afirma estrategista

A expectativa de manutenção da taxa se deve ao aumento das projeções de inflação para os próximos anos. Segundo o Boletim Focus de maio, a inflação estimada para 2024 era de 3,72%, subindo para 3,90% nas projeções mais recentes. Para 2025 e 2026, as expectativas também aumentaram.

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva estabeleceu uma meta inflacionária contínua de 3%, com margem de tolerância entre 1,5% e 4,5%. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, reforçou o compromisso do governo em manter essa meta rigorosa.

Em um contexto político relacionado, o presidente Lula criticou um jantar oferecido pelo governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, ao presidente do BC, Roberto Campos Neto. Lula sugeriu que os participantes do evento se beneficiam das altas taxas de juros. O jantar ocorreu após Campos Neto receber uma medalha de Honra ao Mérito Legislativo do Estado de São Paulo.


Leia mais  Copom demonstrou ser vigilante ao manter taxa Selic
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Sob Lula, economia brasileira piorou, aponta pesquisa

Márcia Alves

Sob Lula, Amazônia bate recorde de queimadas em 20 anos

Márcia Alves

Falas de Lula fizeram gasolina subir

Márcia Alves

Depois de cortar R$ 25 bi, Lula libera R$ 22 bi para prefeituras

Márcia Alves

Lula, por que não te calas?

Autor Convidado

Lula quer aumentar imposto da picanha, beneficiando JBS

Márcia Alves

Deixe seu comentário