Guia do Investidor
smartfit padrao2024
Notícias

Smart Fit, Odontoprev e Sanepar anunciam pagamento de JCP

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • Na última segunda-feira (17), diversas empresas anunciaram o pagamento de JCP
  • O destaque desta vez, foi da Smart Fit, a rede de academias aprovou o pagamento de JCP no valor bruto de R$ 50 milhões
  • O conselho de administração da Odontoprev, contudo, aprovou o pagamento de JCP no valor total bruto de R$ 21,6 milhões

Nesta segunda-feira (17), diversas empresas anunciaram o pagamento de Juros sobre Capital Próprio (JCP), destacando-se a Smart Fit (SMFT3).

Smart Fit (SMFT3)

A rede de academias aprovou o pagamento de JCP no valor bruto de R$ 50 milhões, equivalente a R$ 0,0852889683 por ação. A empresa efetuará o pagamento em parcela única no dia 31 de julho. A data base para o direito ao recebimento do JCP será 21 de junho.

Odontoprev (ODPV3)

O conselho de administração da Odontoprev (ODPV3) aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio no valor total bruto de R$ 21,6 milhões, correspondentes a R$ 0,0395338110 por ação.

Leia mais  Emissões nacionais no mercado de capitais somam R$ 317,9 bi em 2022

Os detentores de ações da companhia em 24 de junho de 2024 terão direito ao recebimento. As ações serão negociadas ex-direito a partir de 25 de junho de 2024.

O pagamento, contudo, está programado para o dia 29 de janeiro de 2025.

Sanepar (SAPR11)

A Sanepar (SAPR11), contudo, também anunciou que realizará o pagamento dos juros sobre o capital próprio referentes ao 1º e ao 2º semestre de 2023. Dessa forma, no próximo dia 27 de junho.

Em reunião realizada em 27 de junho do ano passado, o conselho de administração aprovou a distribuição de R$ 268,9 milhões, contudo, correspondente a R$ 0,166785468 por ação ordinária e R$ 0,183464015 por ação preferencial.

Terão direito a esses JCP, portanto, aqueles que detinham ações em 30 de junho de 2023.

Tim anuncia pagamento de R$ 300 milhões em JCP

Cada ação dará direito a um JCP de R$ 0,124069241 bruto.

Na última sexta-feira (14), a Tim anunciou que o seu Conselho de Administração, aprovou em comunicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o pagamento de R$ 300 milhões em JCP (Juros sobre Capital Próprio), com valor bruto de R$ 0,124069241.

Leia mais  Sanepar (SAPR11) prorroga cobrança de contas, para clientes cadastrados na categoria “Água Solidária”

De acordo com comunicado, o pagamento irá ocorre até o dia 23 de julho de 2024, sendo a data de 21 de junho de 2024 como aquela que servirá para identificar os acionistas com direito a receber tais valores e vale lembrar que, as ações adquiridas após a referida data estarão ex-direito de distribuição de JSCP. O valor bruto por ação poderá ser modificado em razão da variação na quantidade de ações em tesouraria para atendimento ao Plano de Incentivo de Longo Prazo da Tim.

Distribuição de JCP

A distribuição de Juros sobre Capital Próprio (JCP) é uma forma de remuneração dos acionistas de uma empresa. Quando uma empresa distribui JCP, ela está repassando parte de seus lucros para os acionistas, de acordo com a quantidade de ações que cada um possui.

Essa distribuição não gera impacto no patrimônio líquido da empresa, pois os JCP são contabilizados como despesa financeira. Isso significa que o valor pago em JCP é deduzido do lucro líquido da empresa antes do cálculo dos impostos.

Leia mais  Caixa vai fazer IPOs de Seguridade e Caixa Cartões

Os JCP são uma alternativa ao pagamento de dividendos. No entanto, eles têm a vantagem de tributação na fonte, ou seja, a empresa retém o imposto de renda na data do pagamento, o que reduz a carga tributária dos acionistas.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Acionista da Americanas eleva participação à 12,5% das ações

Paola Rocha Schwartz

BlackRock lucra US$ 1,5 bi no 2T24 e supera expectativas

Paola Rocha Schwartz

Eletrobras oferta ações da ISA Cteepe e movimenta R$ 3,5 bi

Paola Rocha Schwartz

Inflação na Argentina cai, mas ainda impacta o bolso da população

Paola Rocha Schwartz

Dólar opera em queda nesta sexta, devido à inflação nos EUA

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário