Guia do Investidor
Free Freepik@jcomp
Tags Pedágio

Tag Pedágio Moto: como funciona? Veja as opções disponíveis

Hoje em dia, está se tornando cada vez maior a oferta de tags de veículos para agilizar a cobrança de pedágio, inclusive indo além das opções para carros, como é o caso da Moto.

Nesse sentido, as ofertas de tags para facilitar a cobrança do pedágio de moto são uma novidade, mas que contam com perfis bem distintos, possibilitando diferentes métodos para facilitar essa situação comum do trânsito. Fique por dentro de algumas opções e mais.

Antes de tudo, saiba disso

Em primeiro lugar, é importante saber que o Governo Federal promoveu algumas mudanças em relação às cobranças de pedágio para motos.

De acordo com o Diário Oficial da União, publicado em 12 de agosto, o Ministério da Infraestrutura determinou uma nova diretriz política que isenta as motocicletas do pagamento da tarifa de pedágio nos projetos de concessão de rodovias federais, que estão em fase interna de licitação.

Mas o que isso quer dizer? Em resumo, as novas concessões em rodovias federais não irão promover a cobrança de pedágio para motos. Por outro lado, as concessões atuais e em rodovias estaduais com pedágio para motocicletas, a cobrança irá continuar normalmente.

Tag Pedágio Moto
Tag Pedágio Moto: como funciona?
(Imagem: [email protected]).

Sendo assim, a novidade irá atingir os seguintes projetos de licitação:

Lista de estados dos projetos de licitação
BR-116/101, entre Rio de Janeiro e São Paulo
BR-381/262, entre Minas Gerais e Espírito Santo
BR-116/465/493, entre Rio de Janeiro e Minas Gerais
Lotes um a seis das Rodovias Integradas do Paraná
Lotes em estruturação pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)
BR-040/495, entre Minas Gerais e Rio de Janeiro
BR-040/DF/GO/MG (relicitação)
BR-158/155, entre Mato Grosso e Pará
BR-163/267, no Mato Grosso do Sul (relicitação)
BR-135/316, no Amazonas
BR-060/153/262, entre Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais (relicitação)
Fonte: Ministério da Infraestrutura.

Como funciona uma Tag de pedágio para Moto?

Basicamente, uma tag de pedágio para moto tem muitas similaridades na prática, mas também características e detalhes diferentes.

Leia mais  Tag Pedágio Caminhão: como obter a sua, valores e mais

A respeito das semelhanças, a Tag funciona da seguinte forma: o motociclista terá a possibilidade de utilizar as pistas de cobrança que estarão preparadas para fazer o reconhecimento do dispositivo e, consequentemente, permitir o pagamento automático. Ao mesmo tempo, algumas opções também são aceitas por estacionamentos, aeroportos, shoppings e mais.

Conforme a imagem a seguir, a dinâmica na prática é bem simples e rápida.

Tag Pedágio Moto: como funciona?
(Imagem: Motopay).

Sobre o dispositivo, ele pode funcionar por meio de um aplicativo que deve estar ativo ou através de uma pulseira específica que o equipamento de pedágio irá reconhecer para fazer a cobrança.

A respeito dos adesivos, que são comuns para carros e demais veículos, ainda não existe a versão para motocicletas.

Dessa forma, se você procurar pelas principais marcas dessa modalidade de pagamento — como , , , , , , etc. — vai perceber que elas destacam o uso restrito dos adesivos para veículos de passeios, utilitários, ônibus e caminhões, por exemplo.

Quais são as opções de Tag Pedágio Moto existentes?

Consultando as alternativas de Tag para pagamento de pedágio oferecidas para uma moto, existem até o momento as seguintes opções: Sem Parar, Veloe e Motopay.

Sem Parar

  • Como o Sem Parar Pay funciona? R: Em resumo, basta instalar o aplicativo — disponível tanto para o sistema Android, como o sistema iOS — e fazer o cadastro. Em seguida, é necessário fazer uma recarga no app e aguardar até 6 horas para ter um saldo válido para pagamento. A partir daí, após fazer o login e deixar o Bluetooth ativado, é necessário ir para as cancelas manuais, onde o sistema detectará o smartphone e irá fazer a cobrança do pedágio. Mas vale dizer que o sistema ainda não permite a passagem na pista automática.
  • Quem pode usar o Sem Parar Pay? R: Até o momento, são veículos de passeio ou motocicletas.
  • Quais são os valores cobrados pelo Sem Parar Pay? R: Não informado. Assim, é possível descobrir apenas acessando o app, que disponibiliza o sistema em algumas regiões apenas.
  • Onde o Sem Parar Pay funciona? R: Por enquanto, a plataforma está em funcionamento para alguns pedágios do Rio Grande do Sul (praças de pedágio da CCR Via Sul) e algumas praças de Mato Grosso. Mesmo assim, o Sem Parar conta com planos para expandir a abrangência dessa forma de pagamento, sem uma expectativa de prazo informada.

Veloe

image 58
Tag Pedágio Moto: como funciona?
(Imagem: Veloe).

Anunciada em 2019, a Veloe conta com uma alternativa para pagamento de pedágios focada em quem utiliza motocicletas que ficar de olho. Em suma, se trata de uma pulseira com tecnologia Near Field Communication (NFC) — ou seja, pagamento por proximidade — que poderá ser utilizada nas cabines de pedágio.

Embora a novidade não tenha muito espaço em seu site oficial, é possível saber mais informações pelo SAC da Veloe, através dos telefones: 0800 208 2010, para Capitais e regiões metropolitanas, e 0800 208 2020, para atendimento PCD (Deficiente auditivo/fala).

Leia mais  Tag Pedágio Zul+ vale a pena? Veja valores, Reclame Aqui e tudo sobre

Entrando em contato por esse canal, o Guia do Investidor coletou algumas informações. A pulseira está em período de testes e a Veloe permite o cadastro via telefone. Nessa etapa, será necessário informar seus dados pessoais e aguardar um retorno da Veloe por e-mail, que pode ocorrer em até 3 dias úteis. Em caso de aprovação, a empresa enviará uma pulseira para testes.

Motopay

Motopay

O Motopay é mais uma opção que os motociclistas podem se deparar ao pesquisar “Tag Pedágio Moto“, por exemplo. Mas vale dizer que a empresa ainda está em período de testes, permitindo aos usuários o preenchimento de cadastro para ser Beta Tester Motopay para depois aguardar um convite, sem período de espera informado.

De acordo com o Motopay, o seu Tag funciona para Pedágios, Drive-thrus, Estacionamentos e Postos de Combustíveis com cobertura nacional.

No entanto, uma observação: a companhia não é ativa em suas redes sociais há algum tempo. Em seu Instagram, a última postagem ocorreu em 08 de setembro de 2020, por exemplo. Enquanto isso, o Facebook da empresa tem sua postagem mais recente datada de 20 de maio de 2021. No YouTube, por sua vez, há apenas um único vídeo, postado em 19 de março de 2020.

  • Como o Motopay funciona? R: Em resumo, basta instalar o aplicativo — disponível apenas para o sistema Android — e fazer o cadastro. Em seguida, é necessário aguardar o envio da Tag de pedágio. A partir daí, é necessário fazer o desbloqueio e começar a usar.
image 57
Tag Pedágio Moto: como funciona?
(Imagem: Motopay).
  • Quem pode usar o Motopay? R: Até então, o produto possui foco para motocicletas.
  • Quais são os valores cobrados pelo MotoPay? R: Não informado.
  • Onde o Motopay funciona? R: Conforme o Motopay, a sua tag tem cobertura nacional, sendo possível utilizar em Pedágios, Drive-Thrus, Estacionamentos e Postos de Combustíveis.
  • OBS: Há um tempo a empresa não se pronuncia sobre o andamento de sua fase de testes ou novidades, embora seja um dos primeiros resultados de pesquisa sobre o tema.

LULA OU BOLSONARO? Não corra o risco das eleições no Brasil: abra sua conta no exterior e proteja seu patrimônio

Recomendações no seu e-mail

Nossas redes:

Leia mais

Bradesco Seguros oferece isenção das seis primeiras mensalidades da Veloe

Guia do Investidor

IPVA 2022 – Veloe disponibiliza parcelamento em até 12 vezes via App

Diego Marques

Tag Pedágio Grátis: Saiba quais são as melhores opções

Victor Rodrigues

Tag Pedágio C6 Bank vale a pena? Veja os valores, Reclame Aqui e mais

Tag Pedágio ConectCar: vale a pena? Veja valores e Reclame Aqui

Tag Pedágio Move Mais vale a pena? Veja avaliação completa