Guia do Investidor
tag pedagio nubank
Tags Pedágio

Tag Pedágio Nubank: O que se sabe até o momento? Veja tudo sobre

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Tag Pedágio Nubank: Nos dias atuais, está se tornando cada vez mais variada a oferta de tags de veículos para agilizar a cobrança de pedágio, inclusive indo além das startups e empresas especializadas e também estando presente no portfólio de bancos e fintechs.

Nesse sentido, uma das principais pesquisas sobre o assunto envolvem a “Tag Pedágio Nubank”. Mas afinal, o Nubank oferece essa solução de pagamentos para pedágios e estacionamentos?

O Guia do Investidor reuniu todas as informações a respeito dessa dúvida para você ficar por dentro de tudo. Acompanhe os detalhes a seguir.

Tag Pedágio: o que é e como funciona?

Se você precisou fazer uma longa viagem de carro, sobretudo envolvendo viagens interestaduais, certamente sabe a importância de ter algum recurso separado consigo. Afinal, dependendo da rota, existirá a necessidade de pagar um pedágio no caminho.

No entanto, a forma de pagamento se diversificou e juntar os trocados espalhados pelo carro não é mais a única opção que o motorista tem a sua disposição.

Tag Pedágio Nubank
Tag Pedágio Nubank: existe?

A partir dos anos 2000, com a criação da empresa Sem Parar, o motorista pode contar com a opção de pagamento passando pelas vias de cobrança automática. Nesse sentido, o pagamento ocorre por meio de um adesivo — também chamado de tag — que conta com uma tecnologia que permite a identificação do veículo pelos sensores instalados nas pistas de cobrança automática dos pedágios em rodovias e estradas.

Mais do que isso, é possível utilizar essas tags em estacionamentos de shoppings, aeroportos, hospitais, parques, entre outros, bem como postos, lava-rápido, drive-thru e mais. Além disso, já existem diversas opções de tags oferecidas, tanto por empresas especializadas e startups, como por instituições financeiras através de parcerias.

E o Nubank, oferece Tag para Pedágio?

Conforme o portfólio de produtos e serviços financeiros do Nubank, a sua plataforma ainda não possui a oferta de Tag para Pedágio. Na verdade, ao se fazer uma pesquisa sobre esse tema, é bastante comum encontrar como resultado sugestões e ideias vindas dos usuários que participam da NuCommunity, o fórum da fintech.

Assim, mesmo que o banco digital não tenha a oferta de um produto do tipo de fato, há uma demanda por parte de sua própria base de clientes. Acompanhe a imagem a seguir.

Tag Pedágio Nubank
Tag Pedágio Nubank
(Imagem: Guia do Investidor).

Se não há tag para pedágio, o que o Nubank oferece?

Atualmente, o Nubank oferece aos seus clientes:

  • A NuConta, a conta digital individual da fintech;
  • O Roxinho, o cartão de crédito do banco;
  • O Nubank Ultravioleta, o cartão de crédito premium;
  • O Nu Invest, a corretora de investimentos (antiga Easynvest);
  • A Conta PJ, voltada para donos de pequenos negócios, autônomos e MEIs.

Hoje em dia, o Nubank é o maior banco digital do mundo, com valor de mercado de US$ 30 bilhões e atendendo uma base de mais de 40 milhões de clientes.

Quem são as principais marcas de Tag para Pedágio?

Em síntese, as principais empresas voltadas para a oferta de tags para facilitar o pagamento de pedágios e estacionamentos são as seguintes:

  • Sem Parar;
  • ConectCar;
  • Veloe;
  • Move Mais;
  • Zul Digital;
  • Taggy.

Sem Parar

Sem Parar: a melhor tag da categoria
Tag Pedágio Nubank

Criada em 2000, o Sem Parar foi a primeira a operar nesse segmento. Hoje, ela conta com funcionamento em todas as rodovias pedagiadas do Brasil.

Em síntese, a sua tag funciona para serviços como estacionamentos em mais de mil pontos como shoppings, aeroportos, hospitais, hipermercados, entre outros; abastecimento nos postos das redes Petrobras e Shell; bem como serve para pagamento do pedido feito no drive-thru do McDonald's.

Além da tag, a empresa conta com uma forma de pagamento via smartphone, que pode ser utilizada por motociclistas, por exemplo.

Sobre os planos, o Sem Parar conta com a opção pré-paga e sem mensalidade, cujo valor mínimo de recarga é R$ 30,00 além de exigir uma taxa de adesão de R$ 20,00; a Sem Parar Assistência Auto, com mensalidade de R$ 20,90; o Plano Flex Pedágio, com mensalidade de R$ 21,90; e o Plano em Todo Lugar, com mensalidade de R$ 33,90.o

ConectCar

image 71
Tag Pedágio Nubank

Com início em 2012, a ConectCar também funciona em 100% dos pedágios do Brasil. Ao mesmo tempo, é possível utilizar a sua tag em mais de 1.000 estacionamentos por todo o país, incluindo shoppings, aeroportos, hospitais, parques e mais.Como vantagem a empresa também oferece 5% de cashback no abastecimento em postos Ipiranga.

A respeito de seus planos, existem opções para frotas e motoristas individuais. Para o primeiro caso, existe o plano de 20,91, com taxa de adesão também é de R$ 35.

Enquanto isso, os planos para motoristas individuais contam com: Básico, com taxa de adesão de R$ 40,00 e sem mensalidade; Rodovias, com taxa de adesão de R$ 30,00 e mensalidade de R$ 14,90; Urbano, com taxa de adesão de R$ 30,00 e mensalidade de R$ 9,90; Completo, com taxa de adesão de R$ 30,00 e mensalidade de R$ 17,90; lembrando que a ConectCar oferece os primeiros 12 meses grátis em todos os casos.

Inclusive, vale mencionar a mais nova parceria da companhia com o Itaú Unibanco, que juntas oferecem a primeira tag de pedágio da instituição financeira (conheça tudo a tag aqui).

Veloe

Veloe | Passe Direto em Pedágios, Estacionamentos e Muito Mais
Tag Pedágio Nubank

Iniciando as operações em 2018, a Veloe é uma das mais novas empresas a atuar nesse segmento. Ainda assim, ela já compete com as principais companhias desse mercado.

Recentemente, a operadora passou a atender todas as rodovias pedagiadas do Brasil. Mas ela também permite a cobrança eletrônica em estacionamentos, centros comerciais, shoppings, hospitais e laboratórios. Também vale dizer que a companhia está desenvolvendo uma solução de pagamento automático para pedágios voltado para motos, que ainda está em fase de testes.

Em relação aos planos, a Veloe apresenta opções para empresas e motoristas individuais. No primeiro caso, a mensalidade é a partir de R$ 19,90 para uma frota de até 10 veículos. A partir de 11 veículos, a mensalidade é R$ 17,90. Em ambos os casos, a taxa de adesão é grátis e os 6 primeiros 6 meses isentos de cobrança.

Para os motoristas individuais, existem as opções: Plano estacionamento, com mensalidade a partir de R$ 9,90 (ou R$ 21,90 no mês que usar em pedágios); Plano Pedágios, com mensalidade a partir de R$ 14,90 (ou R$ 1,90 no mês por uso em estacionamentos); e Plano Pedágios e estacionamentos, com mensalidade a partir de R$ 18,90.

Em todos os casos, não há taxa de adesão, o valor mínimo da recarga automática é de R$ 50,00 e as 12 primeiras mensalidades grátis.

Move Mais

Move Mais | Tag de Pedágio | Sem Mensalidade
Tag Pedágio Nubank

Atuando desde 2015, a Move Mais também opera em 100% dos pedágios do Brasil. Diferente dos outros casos, a companhia foca apenas no pagamento eletrônico das tarifas de pedágio. Ao mesmo tempo, ela não cobra mensalidade.

Sendo assim, a empresa oferece planos com as opções pré-pago manual ou pré-pago automático. Para ambas, a taxa de adesão é de R$ 39,90 e a forma de pagamento é via cartão de crédito.

Para as recargas, a Move Mais oferece os valores de R$ 50, R$ 100, R$ 150, R$ 200, R$ 250, R$ 300, R$ 350, R$ 400, R$ 450 ou R$ 500, onde faz uma cobrança dessa operação, cuja taxa pode variar entre R$ 5 a R$ 22,40, dependendo do valor escolhido.

Zul Digital (Zul+)

Zul+ Tudo pra quem dirige
Tag Pedágio Nubank

Fundada em 2016, o Zul Digital teve início na cidade de São Paulo, quando a capital paulista adotou o modelo eletrônico de Zona Azul.

Com os resultados positivos de sua plataforma, a startup lançou o Zul+ o super app para carros permite consultar e pagar multas de trânsito, IPVA, estacionamento de shopping, licenciamento, calcular o valor de uma viagem e pagar com a tag de pedágio.

Assim, como o caso anterior, não há cobrança de pedágio. Na verdade, o Zul+ realiza uma cobrança de taxa de 10% sobre o valor da recarga.

Nesse sentido, as formas de pagamento aceitas são: Pix, Apple Pay, Google Pay, Masterpass, cartões de débito e crédito, transferência e boleto. Veja avaliação completa da empresa aqui.

Taggy

Taggy - Mobilidade
Tag Pedágio Nubank

A Taggy é um serviço de pagamento eletrônico de pedágios e estacionamentos pertencente à startup Greenpass, cujas operações iniciaram em 2019.

Embora seja jovem, a Greenpass conta com a experiência de João Cumerlato, fundador e presidente da startup, que propôs a compra de parte do Sem Parar quando era funcionário do Grupo Odebrecht e, mais tarde, ajudou na criação da ConectCar.

Por meio da Taggy, a empresa oferece uma plataforma white label para conectar bancos, fintechs, empresas de meios de pagamento, entre outras, com o sistema de cobrança automática de pedágios e estacionamentos.

Nesse sentido, a Taggy atua como um intermediário que fornece a plataforma e APIs (Application Programming Interface) para empresas que queiram entrar nesse mercado tags de pedágio. De acordo com a empresa, alguns de seus parceiros são: Banco Inter, Zul Digital, Sicredi, Ecorodovias, PagPedágio, entre outras.

Pedágio no Brasil

Caso não saiba, os pedágios se tratam de uma cobrança feita por empresas privadas para custear a administração e manutenção de uma via. Nesse sentido, o Governo transfere a administração dessas rodovias por meio de uma concessão, que se trata de um contrato que permite o direito de exploração daquela via por um determinado período de tempo.

Com isso, o Governo fica temporariamente isento de gastos com administração, manutenção, obras e melhorias de um trecho. Por outro lado, ele também não usufrui diretamente da receita advinda dos pedágios.

Ainda assim, o Governo pode revogar o contrato caso obrigações estabelecidas não sejam cumpridas (como obras de melhorias), bem como pode estabelecer um teto para valor de cobrança. Por isso, diferente de uma privatização, a concessão não retira o controle integral do Governo sobre o objeto do acordo.

Por fim, vale dizer que o Brasil é o país que mais possui praças de pedágio em todo o mundo, contando com 376. Desse total, quase metade (180) estão localizadas apenas no estado de São Paulo. Ao mesmo tempo, somente 48% dos estados brasileiros cobram essa taxa. Assim, a distribuição não é exatamente padronizada ou uniforme. Por exemplo: No Nordeste, há 15 praças de pedágio, mas na região Norte, por outro lado, não há algo do tipo.

Tag Pedágio Nubank
Tag Pedágio Nubank
Imagem: Unplash@redjohn45.
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Tag Sem Parar Pedágio: Como Funciona? Saiba se é sem taxa e mais

Arthur Piassetta

Motoristas com tag eletrônica têm descontos em 85 pedágios do país

Guia do Investidor

Tag Itaú beneficia mais de 1 milhão de clientes com isenção de mensalidade

Guia do Investidor

C6 Bank e Veloe renovam parceria para a oferta do C6 Tag por mais cinco anos

Guia do Investidor

Bradesco Seguros oferece isenção das seis primeiras mensalidades da Veloe

Guia do Investidor

Estapar (ALPK3) conclui compra da Zul Digital

Victor Rodrigues