Guia do Investidor
br distribuidora brdt3 muda nome para vibra energia
Notícias

Vibra Energia promove nova Joint Venture no mercado de Etanol

A companhia (ex-) continua a sua recente política agressiva de e assim celebrou uma nova parceria: a criação de uma nova para comercializar Etanol! Confira agora mais detalhes!

A nova iniciativa da Vibra Energia

A antiga BR Distribuidora está decida a tomar as rédeas do desde sua desvinculação com a . A segue a sua temporada de novidades com o anúncio de mais uma parceria estratégica, dessa vez com a Copersucar. A nova parceria tem como objetivo a criação de uma joint venture que vai atuar como Empresa Comercializadora de Etanol (ECE).

Assim, a joint venture terá estrutura de gestão independente e governança corporativa própria. Ademais, a Vibra vai comprar da Copersucar 49,99% do capital da ECE por R$ 4.999.000,00, enquanto a Copersucar terá participação de 50,01%.

Desse modo, a sociedade será constituída com capital social de R$ 10 milhões, por determinação regulatória. Além disso, posteriormente, as acionistas farão aporte de mais R$ 440 milhões.

A Vibra movimenta entre 6 bilhões e 6,5 bilhões de litros de etanol, enquanto a Copersucar comercializa entre 4,5 bilhões e 5 bilhões de litros de etanol produzidos por usinas vinculadas à Cooperativa de Produtores de Cana-de-Açúcar, Açúcar e Álcool do Estado de São Paulo.

Leia mais  BB Seguridade (BBSE3): lucro dispara no 4T21 e é o maior desde o IPO

A mudança da Br Distriubuidora para Vibra energia

Assim, a companhia segue dando continuidade a reformulação, com a adoção da nova marca e identidade corporativa, agora com o nome de Vibra Energia.

Desse modo, segundo comunicado ao mercado, a nova marca tem “orientação ao cliente; confiança que conecta, parcerias genuínas; e evolução constante”.

O novo nome e design fazem referência ao movimento “necessário para impulsionar pessoas e negócios, sem abrir mão de remeter a um que faz, realiza e vai além”. O documento, publicado no site da CVM, informa também que a empresa vai adotar, oportunamente, as medidas necessárias para as demais alterações em sua razão social e outros identificadores.

LULA OU BOLSONARO? Não corra o risco das eleições no Brasil: abra sua conta no exterior e proteja seu patrimônio

Recomendações no seu e-mail

Nossas redes:

Leia mais

Pediu para sair: Wilson Ferreira Júnior pede para deixar cargo de CEO da Vibra Energia

Leonardo Bruno

Vibra (VBBR3) inova no setor de carros elétricos e investe em eletropostos

Cristiane Luzio Rodrigues

VBBR3: Em meio a mercado a queda, fundos reduzem participação na Vibra

Cristiane Luzio Rodrigues

Vibra fecha acordo para aquisição de 50% da Zeg Biogás

Fernando Américo

Vibra (VBBR3) disponibiliza Diesel Inverno na região Sul

Guia do Investidor

Vibra investe R$ 70 milhões em obras de ampliação no Porto de Miramar, em Belém (PA)

Guia do Investidor

Deixe seu comentário