Guia do Investidor
valeGDI 1
Notícias

Apesar de quedas, Vale segue sendo a “queridinha dos dividendos”

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio


A ação da Vale (VALE3) continua a ser a preferida dos analistas quando o assunto é investir em ações para receber dividendos, mesmo após uma queda de 15% ao longo do ano anterior. Um levantamento realizado pelo Money Times revelou que a Vale recebeu 15 recomendações para o mês de fevereiro, sendo a escolha principal entre 22 carteiras de bancos, corretoras e casas de análise.

Os analistas do BTG Pactual antecipam um ambiente operacional mais favorável para a Vale em 2024. Isso se deve, em grande parte, à expectativa de que os mercados de minério de ferro continuem enfrentando déficits e às contínuas revisões positivas de lucros. A produção chinesa de aço bruto também deve manter-se acima de 1 bilhão de toneladas, graças à demanda por infraestrutura/manufatura e exportações, o que compensará um mercado imobiliário ainda fraco.

“Estamos mais confiantes de que a performance operacional mais fraca da empresa ficou para trás e que a produção/vendas e o desempenho de custos devem continuar a melhorar. Acreditamos que há muito pouco precificado nas ações neste momento”, afirmam os analistas do BTG Pactual.

O Banco Safra também destaca que a mineradora deve continuar gerando um fluxo de caixa sólido e manter níveis atrativos de remuneração aos acionistas. As projeções do banco apontam um dividend yield esperado para a Vale de 8,8% neste ano.

Além da Vale, outras ações que se destacam no ranking de recomendações para dividendos em fevereiro incluem o Banco do Brasil (BBAS3), que ocupa o segundo lugar com 13 recomendações, e a Vivo (VIVT3), com 11 indicações.

Leia mais  B3 anuncia pagamento de meio bilhão de reais em dividendos e JCP

No caso do Banco do Brasil, os analistas do Safra enfatizam que a instituição entregou resultados fortes no terceiro trimestre de 2023, confirmando um bom desempenho ao longo do ano. Além disso, diante de um cenário desafiador em termos de qualidade de crédito, o perfil defensivo da carteira de crédito do banco, com maior exposição ao agronegócio e a um perfil de pessoa física menos arriscado, proporciona segurança e previsibilidade de resultados.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

A Vivo, que ocupa a terceira posição no ranking de recomendações para dividendos, também é vista com otimismo pelos analistas. O Santander ressalta o “valuation atraente” da Telefônica Brasil, juntamente com o “maior dividend yield do setor”. Além disso, o banco tem expectativas positivas para o crescimento real de faturamento da empresa, impulsionado pelos segmentos móvel e fixo, bem como para a evolução positiva na geração de fluxo de caixa livre, com a margem de fluxo de caixa operacional prevista para atingir 18% em 2024.

Leia mais  Quais foram as empresas mais lucrativas da Bolsa no 3T?

Outras ações recomendadas para investidores em busca de dividendos em fevereiro incluem a BB Seguridade (BBSE3) e a Petrobras (PETR4), ambas com 10 indicações, seguidas pela Copel (CPLE6) com 9, Engie (EGIE3) e Itaú Unibanco (ITUB4) com 8 recomendações cada, e Eletrobras (ELET3) com 5 indicações.

O que são dividendos?

Dividendos são uma parcela do lucro de uma empresa que é distribuída aos seus acionistas. Eles são uma forma de a empresa recompensar os acionistas pelo investimento feito, e são geralmente pagos em dinheiro, mas também podem ser pagos na forma de mais ações da empresa.

A decisão de quanto do lucro será distribuído como dividendos é geralmente tomada pela diretoria da empresa e deve ser aprovada pelos acionistas em uma reunião anual. A outra parte do lucro é geralmente reinvestida na empresa para financiar o crescimento e a expansão.

O valor do dividendo que um acionista recebe depende do número de ações que ele possui. Por exemplo, se uma empresa paga um dividendo de R$1 por ação e você possui 100 ações, você receberá R$100 em dividendos.

Os dividendos são uma forma importante de retorno para os investidores, especialmente para aqueles que investem a longo prazo. Eles podem ser reinvestidos para comprar mais ações ou podem ser usados como uma fonte de renda.

Leia mais  Procurando por JCP? Compre as ações da Sinqia (SQIA3) hoje

Dividendos e Juros sobre Capital Próprio (JCP) são duas formas que as empresas têm de distribuir parte de seus lucros aos acionistas, mas eles têm diferenças significativas principalmente no aspecto tributário.

Dividendos: São distribuídos a partir do lucro líquido da empresa, após a dedução de todos os impostos. Portanto, os dividendos são isentos de imposto de renda para os acionistas que os recebem, pois a empresa já pagou todos os impostos devidos.

Juros sobre Capital Próprio (JCP): É uma forma alternativa de distribuição de lucros que tem um benefício fiscal para a empresa. O JCP é tratado como uma despesa operacional para a empresa e, portanto, reduz o lucro tributável da empresa, resultando em menos imposto de renda devido pela empresa. No entanto, ao contrário dos dividendos, o JCP é tributável para os acionistas que o recebem. A alíquota é de 15% e o imposto é retido na fonte.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

China anuncia nova medida e anima ações da Vale

Márcia Alves

Ibovespa abre com queda seguido por baixas da B3 e Eletrobras

Paola Rocha Schwartz

Petrobras faz atualização do valor de dividendos

Márcia Alves

Ibovespa abre com queda com recuo da Petrobras e bancos

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa abre em leve alta e sinais mistos para Eletrobras

Paola Rocha Schwartz

Vale descaracteriza barragem B3/B4

Márcia Alves

Deixe seu comentário