Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Criptomoedas Notícias

Brasil importa US$ 1,32 bi em criptomoedas

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O Banco Central do Brasil (BC) anunciou que o país atingiu um marco significativo no mercado de criptomoedas em agosto. Os brasileiros importaram um total de US$ 1,32 bilhão em ativos digitais, o equivalente a R$ 6,5 bilhões na cotação em reais. Este valor representa um impressionante aumento de 17,4% em comparação com o mês anterior, julho.

O relatório do BC revelou que as importações de criptomoedas incluem transações tanto de pessoas jurídicas (PJ) quanto de pessoas físicas (PF). O BC classifica como “importação” a compra de ativos por indivíduos ou empresas no Brasil de entidades estrangeiras.

Renato Baldini, chefe-adjunto do departamento de estatísticas do BC, enfatizou que esse recorde de importação em agosto é o maior registrado desde o início da série histórica em janeiro de 2016. O acumulado das importações de criptomoedas até agosto de 2023 alcançou incríveis US$ 7,42 bilhões, quase igualando o valor de todo o ano de 2022, que foi de US$ 7,495 bilhões.

Leia mais  Em busca da regulamentação das criptomoedas, Febraban se une a ABCripto

Paralelamente, as exportações de criptomoedas também atingiram níveis recordes, fechando agosto em US$ 184 bilhões. No acumulado do ano até agosto, as exportações totalizaram US$ 363 milhões, triplicando o valor registrado em todo o ano de 2022, que foi de US$ 127 milhões.

Apesar da recente baixa nas criptomoedas em relação ao seu auge em 2021, muitos ativos digitais apresentam um desempenho positivo no acumulado do ano de 2023. O Bitcoin, por exemplo, registrou um aumento de cerca de 60% desde o início do ano, indicando um crescente interesse e investimento no mercado de criptomoedas no Brasil.

Recorde: 4,1 milhões de brasileiros Investem em criptomoedas

O Brasil registrou também um novo recorde no número de investidores de criptomoedas, superando a marca de 4,1 milhões, de acordo com dados divulgados pela Receita Federal. Além disso, o número de pessoas jurídicas investindo em cripto também atingiu uma máxima histórica, com 92.105 cadastros únicos.

Entre abril e julho de 2023, o número de pessoas físicas investindo em criptomoedas e que declararam suas movimentações à Receita Federal aumentou em mais de 100%, saltando de 2 milhões para 4,1 milhões. No mesmo período, o total de pessoas jurídicas cresceu 27,5%.

Leia mais  Comissão vai debater privatização da empresa de saneamento de São Paulo

O mês de julho também marcou um aumento significativo em relação a junho, com quase um milhão a mais de investidores declarando suas movimentações com criptomoedas. Este é o quarto recorde em número de investidores registrado em 2023.

Comparado a julho de 2022, o número de pessoas físicas investindo em criptomoedas cresceu 174%, enquanto o crescimento no número de pessoas jurídicas atingiu 181%.

Esse crescimento acentuado pode ser atribuído, em parte, à conformidade das instituições financeiras tradicionais com as regulamentações da Receita Federal. Muitas delas passaram a reportar informações sobre os investidores de criptomoedas, o que aumentou a transparência do mercado.

Vale destacar que o número de investidores divulgado pela Receita Federal abrange apenas aqueles que movimentaram valores no mês, excluindo os que operam em plataformas descentralizadas e não declaram suas negociações. Portanto, o número total de investidores de criptomoedas no Brasil pode ser ainda maior, chegando a cerca de 10 milhões, de acordo com o Mercado Bitcoin.

Nos siga no Google News
Leia mais  Alerta: 62,8% das barragens brasileiras em situação de alerta ou emergência estão em Minas Gerais

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

O retorno dos Memes Coins: por que estão fazendo tanto sucesso?

Fernando Américo

Brasil amplia relações comerciais com a China

Fernando Américo

Ambiente político é o fator mais prejudicial à economia

Fernando Américo

O aumento da corrupção no país: Brasil, que país é este?

Fernando Américo

Economia cresce 0,8% em fevereiro; Destaque para o consumo

Fernando Américo

Halving do Bitcoin é a oportunidade de ‘ouro’ em 2024

Fernando Américo

Deixe seu comentário