Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

CSN (CSNA3) aprova emissão de R$ 1,5 bi em debêntures

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O Conselho de Administração da CSN (CSNA3) aprovou sua 12ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, em série única, com esforços restritos, no valor de R$ 1,5 bilhão.

Segundo comunicado, os recursos líquidos obtidos por meio da emissão serão integralmente utilizados para amortização antecipada de cédulas de crédito bancário emitidas em favor da Caixa Econômica Federal e recomposição de caixa da emissora.

Debêntures terão prazo de vencimento de 62 meses.

O que é uma DEBÊNTURE? 

Uma debênture, de forma resumida, é um título de dívida. Ou seja, investimento em debêntures nada mais é que um empréstimo para empresas que não sejam uma instituição financeira ou uma instituição de crédito imobiliário. No entanto, ao invés de recorrer aos bancos e suas altas taxas para estes empréstimos, a companhia recorre aos investidores do mercado de capitais. 

Em outras palavras, funciona da seguinte forma: uma empresa necessita de uma quantidade de dinheiro para fazer algum investimento de expansão dos negócios ou, até mesmo, pagar débitos. Dessa forma, em vez de procurar um empréstimo no banco (que costuma ter custos mais altos), ela lança debêntures no mercado para captar recursos. 

Leia mais  Ibovespa abre em alta, mas segue de olho na Guerra
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ações da Vale fecham em queda

Rodrigo Mahbub Santana

CVM fecha acordo de R$3,2 milhões com diretor executivo da CSN

Paola Rocha Schwartz

CSN Mineração sai na frente da Vale para 2024?

Leonardo Bruno

VALE3 ou CSN? Apesar de destaques, itaú BBA escolhe VALE como sua favorita no setor

Leonardo Bruno

Vale a pena? CSN recebe reforço em suas notas de crédito pela Fitch

Leonardo Bruno

CSN aprova emissão de debêntures no valor de R$ 700 milhões

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário