Guia do Investidor
cosan
Notícias

Descubra o plano de R$ 2,5 bilhões da Cosan para dominar o mercado

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Cosan está com uma estratégia ousada de planejamento para explorar novas vertentes de negócio. A holding com atuação em energia e logística detalha os primeiros resultados da Cosan Investimentos, veículo criado em 2021 e que já está investindo em mineração, gestão de terras e startups.

Em agosto do ano passado, a Cosan surpreendeu o mercado ao anunciar uma joint venture com o fundador e controlador da Aura Minerals, Paulo Brito, para atuar no setor de mineração.

Por conta do acordo, a companhia fechou a aquisição de um projeto para um porto em São Luís, no Maranhão, por R$ 720 milhões. Além de marcar a chegada da empresa de Rubens Ometto a um setor em que não tinha atuação, o investimento representou o nascimento da Cosan Investimentos, vertical que busca novas oportunidades de negócios para o grupo.

Leia mais  Moove, da Cosan (CSAN3), compra PetroChoice por US$ 479 mi

A ideia é que essa frente invista em empresas e projetos que complementem o portfólio da empresa em energia e logística, e que também capturem ganhos dos diferenciais competitivos brasileiros, como é o caso da mineração. E nesta quinta-feira, dia 26, pouco menos de um ano desde o surgimento desse braço, a Cosan apresentou aos investidores os primeiros resultados da iniciativa, que já tem R$ 2,5 bilhões investidos ou comprometidos em cinco empreendimentos.

“A Cosan Investimentos nos deu flexibilidade para realizar investimentos alinhados com nossas competências e negócios que consideramos fundamentais”.

Afirmou o vice-presidente de estratégia da Cosan, Marcelo Martins,

Segundo o executivo, a expectativa é de que essas iniciativas possam ganhar corpo no médio e longo prazo, eventualmente se tornando fundamentais para o futuro da empresa. “

A partir do momento em que elas ganharem relevância, e a gente veja sustentabilidade de longo prazo, elas podem se tornar verticais sim”, afirmou. Na apresentação a investidores, Leonardo Pontes, CEO da Cosan Investimentos, mostrou em que pé estão os investimentos e seus primeiros resultados. No caso da joint venture de mineração, que ganhou o nome de Ligga, a Cosan já tem as licenças aprovadas para a construção do porto para escoar a produção de três projetos localizados no Pará. Ele também citou um investimento realizado em hidrogênio para uso como combustível. Segundo Pontes, a Cosan Investimentos fechou um compromisso de realizar um aporte de US$ 25 milhões na empresa de venture capital Fifith Wall para explorar tecnologias e soluções viabilizem o uso do elemento químico como combustível.

Leia mais  Agenda de resultados do 3º trimestre: veja as datas
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Vibra cancela ações em tesouraria

Rodrigo Mahbub Santana

Petrobras e outras empresas têm notas de crédito elevadas; entenda

Miguel Gonçalves

Cosan anuncia Nelson Gomes como novo CEO

Miguel Gonçalves

CSAN3 Preço-Alvo 2024: Vale a Pena Comprar Ações da Cosan?

Leonardo Bruno

Cosan anuncia captação de bonds de sete anos ao mercado, ao redor de US$ 500 milhões

Leonardo Bruno

Cosan anuncia emissão de debêntures exclusiva para investidores profissionais

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário