Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Emprego cresce na construção civil, mas setor luta para preencher as vagas

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A construção civil criou 39.453 novos postos de trabalho com carteira assinada no Brasil somente no mês de fevereiro deste ano. Ao todo, no primeiro bimestre de 2022, o segmento gerou 75.615 novos empregos de acordo com o Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Apesar desses números demonstrarem reflexos positivos para o setor, a baixa oferta de mão de obra pode estagnar o bom momento. Essa é a análise de Bruno Fabbriani, CEO da Incorporadora BFabbriani.

O CEO destaca que o segmento está contribuindo significativamente para a expansão do emprego e da economia geral, mas está enfrentando desafios crescentes em termos de preencher vagas de emprego.

“E não estou falando apenas das ofertas para o canteiro de obra. Faltam pessoas capacitadas em diferentes áreas do setor, inclusive nos escritórios. É preciso ampliar as oportunidades de treinamento e educação para carreiras nessa área se quisermos diminuir a crescente escassez de trabalhadores qualificados na construção”

explica.

Para Fabbriani a categoria está em uma encruzilhada. Por um lado, a demanda por profissionais nunca foi tão grande. Por outro lado, desafios como produtividade, desempenho, digitalização, diminuição da força de trabalho e sustentabilidade, por exemplo, podem inviabilizar o crescimento da indústria.

“Embora a construção já esteja entre os maiores setores industriais do mundo, tais desafios estão começando a pressionar intensamente as empresas. Por isso é preciso tomar medidas proativas para minimizar o impacto para o setor e garantir mão de obra qualificada”

comenta.

Segundo o CEO da incorporadora, as bases de treinamento de carreira podem desempenhar um papel proeminente no preenchimento da lacuna no mercado de trabalho.

“Investir em centros de treinamento gera um custo a mais para as construtoras, mas possibilita qualificar os candidatos, desempenhando um papel essencial para ajudar as empresas a enfrentar a iminente escassez de mão de obra no setor de construção e garantir que o segmento continue a crescer ainda mais”

finaliza.

Leia mais  C6 Bank tem mais de 200 vagas de emprego abertas para diversas áreas do banco
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Emprego: Google abre centenas de vagas no Brasil

Rodrigo Mahbub Santana

Construção abre 35 mil novos empregos em fevereiro

Fernando Américo

Setor de construção tem queda de confiança em março

Fernando Américo

Sudeste é mais de 50% da distribuição de empregos no setor de casa e decoração

Guia do Investidor

Confiança da Construção recua -0,2 ponto em janeiro

Guia do Investidor

Mercado Livre gera 27 empregos por hora

Guia do Investidor

Deixe seu comentário