Guia do Investidor
191029 enauta logomarca
Notícias

Membro do conselho da da Enauta (ENAT3) renuncia ao posto

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O executivo Bruno Pirim Baratta renunciou sua posição no conselho administrativo da Enauta. De acordo com o comunicado da empresa publicado nesta sexta-feira (01), a renúncia possui efeitos imediatos.

Enauta aprova emissão de debêntures no valor de R$ 1,1 bilhão para impulsionar projetos estratégicos

A Enauta (ENAT3), empresa atuante no setor de exploração e produção de petróleo e gás, tomou a decisão de aprovar a 2ª emissão de debêntures simples, não conversíveis, com garantia real, dividida em até 3 séries, com valor total de R$ 1,1 bilhão. Essa medida visa captar recursos para impulsionar projetos estratégicos da empresa e reforçar seu capital de giro.

Os recursos líquidos obtidos por meio da emissão das debêntures da primeira e da terceira série serão direcionados exclusivamente para o reembolso e/ou pagamento futuro de gastos, despesas ou dívidas relacionadas à implementação e desenvolvimento do Sistema Definitivo do Campo de Atlanta. Essa iniciativa demonstra o compromisso da Enauta em avançar com seus projetos de exploração e produção de petróleo, especialmente no Campo de Atlanta, que é uma área estratégica para a empresa.

Por sua vez, os recursos provenientes das debêntures da segunda série serão destinados exclusivamente para o reforço do capital de giro da companhia, além de atender a outros propósitos corporativos gerais. Esse reforço do capital de giro é fundamental para garantir a estabilidade financeira da Enauta e sua capacidade de operar de forma eficaz em um setor sujeito a flutuações de preços e desafios operacionais.

A emissão de debêntures é uma estratégia comum utilizada por empresas que buscam financiar projetos de expansão e melhorias em suas operações.

Sob nova direção: Enauta anuncia mudanças em sua presidência

A Enauta (ENAT3), empresa de exploração e produção de petróleo e gás, comunicou ao mercado nesta quinta-feira (31) que o seu Conselho de Administração elegeu Mateus Tessler como o novo Presidente do Conselho de Administração, em substituição a Antônio Augusto de Queiroz Galvão, que renunciou ao cargo por motivos pessoais. Antônio Galvão permanecerá como membro do Conselho de Administração da companhia.

Leia mais  Enauta recomprará até vinte milhões de ações ordinárias

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

A empresa informou também que a Sra. Ana Marta Veloso foi eleita Vice-Presidente do Conselho de Administração, ocupando a vaga deixada por Mateus Tessler.

Segundo o comunicado da Enauta, Mateus Tessler é sócio gestor dos fundos da Jive Investments, com experiência em áreas de fusões, aquisições, consultoria em finanças corporativas, private equity e venture capital, tendo atuado como executivo na Deloitte e na Invest Tech e DLM Invista.

Ana Marta Veloso é atualmente membro independente dos Conselhos de Administração da Vinci Partners, Rio Energy S.A., Oceânica Engenharia e Consultoria S.A., e Profarma S.A., com 20 anos de experiência no setor de Energia, incluindo os cargos de CEO da Light S.A. e diretora da Equatorial Energia S.A.

Resultados do segundo trimestre

A Enauta também divulgou os resultados financeiros do segundo trimestre de 2023, que mostraram uma queda no lucro líquido e na receita líquida em relação ao mesmo período do ano anterior, mas também uma melhora nos indicadores operacionais e na geração de caixa.

Leia mais  Enauta (ENAT3) tem alta de 351% no lucro no resultado do 3T21

O lucro líquido da companhia foi de R$ 41,1 milhões no segundo trimestre, uma redução de 85,4% em relação aos R$ 281 milhões registrados no mesmo período de 2022. A queda se deve principalmente a fatores não recorrentes, como a parada programada da plataforma FPSO Petrojarl I no campo de Atlanta, que afetou a produção de petróleo no período, e o imposto temporário sobre exportações de petróleo (ITEP), que foi instituído pelo governo brasileiro em janeiro deste ano para compensar a perda de arrecadação com a desvalorização do real frente ao dólar.

Além disso, a companhia também foi impactada pela queda na cotação média do petróleo tipo Brent no segundo trimestre, que foi de US$ 68 por barril, contra US$ 75 por barril no mesmo período do ano passado. Outro fator que influenciou o resultado foi a valorização do real frente ao dólar no período, que gerou um aumento nas despesas financeiras líquidas da companhia, que somaram R$ 83 milhões no segundo trimestre. A Enauta realizou uma emissão de títulos de dívida de longo prazo no mercado internacional em dezembro de 2022, no valor de US$ 500 milhões, com vencimento em 2032 e juros de 6% ao ano.

Por outro lado, a companhia apresentou uma melhora nos indicadores operacionais e na geração de caixa no segundo trimestre. A produção média diária de óleo equivalente (petróleo mais gás) foi de 14.600 barris por dia (bpd), um aumento de 8% em relação ao primeiro trimestre deste ano. A produção foi impulsionada pelo campo de Manati, na Bacia de Camamu-Almada, que teve um aumento na demanda por gás natural por parte das distribuidoras, em função do aumento do consumo de energia elétrica no país.

A geração de caixa medida pelo Ebitdax (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação mais despesas de exploração com poços secos ou subcomerciais) foi de R$ 319 milhões no segundo trimestre, uma queda de 34,9% em relação ao mesmo período de 2022, mas um aumento de 23,4% em relação ao primeiro trimestre deste ano. A margem Ebitdax foi de 76%, uma das mais altas do setor.

Leia mais  Bradesco converteu créditos em participação acionária na Enauta 

A receita líquida da companhia foi de R$ 420,1 milhões no segundo trimestre, uma redução de 41,8% em relação ao mesmo período do ano anterior, mas um aumento de 6,7% em relação ao primeiro trimestre deste ano. A receita foi afetada pela queda na cotação do petróleo e pelo ITEP, mas também beneficiada pelo aumento na produção e na demanda por gás natural.

Os investimentos da companhia somaram US$ 144 milhões no segundo trimestre, sendo US$ 132 milhões destinados ao campo de Atlanta e US$ 12 milhões aos demais ativos. A Enauta está avançando no desenvolvimento do campo de Atlanta, que é considerado um dos maiores projetos de exploração e produção em águas profundas do Brasil. A companhia espera iniciar a produção do segundo poço do campo no terceiro trimestre deste ano e do terceiro poço no primeiro trimestre de 2024. Com isso, a produção do campo deve aumentar dos atuais 10 mil bpd para cerca de 30 mil bpd.

A Enauta encerrou o segundo trimestre com uma posição de caixa líquido (caixa menos dívida) de R$ 1,3 bilhão, o que demonstra a solidez financeira da companhia e sua capacidade de investir em novos projetos e oportunidades.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Fusões e Tensões: Altas e Baixas no Mercado Brasileiro

Rodrigo Mahbub Santana

Ações da 3R Petroleum disparam com fusão com Enauta

Márcia Alves

Enauta e 3R iniciam incorporação de ações

Márcia Alves

Itaú Unibanco lidera ganhos na Bolsa com resultados recordes

Rodrigo Mahbub Santana

Enauta divulga dados operacionais de abril

Rodrigo Mahbub Santana

Petroreconcavo e Eneva poderão se fundir

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário