Guia do Investidor
roberto campos neto
Notícias

Ministros de Lula se irritaram com a declaração de Campos Neto

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Ministros do governo Lula se irritaram com a declaração de Campos Neto, presidente do Banco Central, contra mudanças na meta de inflação, apesar de avaliarem positivamente os acenos feitos por ele ao governo, segundo a Folha.

De acordo com a reportagem, o presidente do BC teria defendido a mudança na meta de inflação para 2023 de 3,25% para 3,5% em conversas reservadas, mas fez declarações no sentido contrário na entrevista ao Roda Viva.

Os membros do governo consideram que a alteração de postura representa uma quebra de confiança e dificulta a melhora no diálogo entre o Executivo e o BC.

A relação entre o governo e o Banco Central tem sido um tema de destaque desde o início da gestão de Lula.

A irritação dos ministros com a declaração de Campos Neto evidencia a complexidade do diálogo entre as duas instâncias.

A independência do Banco Central é uma das principais pautas defendidas por Campos Neto, mas a postura do BC em relação aos planos do governo também tem impacto direto na economia do país. O diálogo aberto e transparente entre as duas instâncias é fundamental para que as políticas econômicas possam ser bem-sucedidas.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Dívidas renegociadas no Desenrola Brasil somam R$ 35,6 bilhões

Agência Brasil

Petrobras quer dividir gestão da Braskem com novo sócio, diz Prates

Agência Brasil

Receita alerta microempreendedor sobre erro na declaração anual

Agência Brasil

Em 2028, Petrobras começará a separar petróleo do CO2 no fundo do mar

Agência Brasil

Intenção de consumo das famílias cai 0,5% em fevereiro, aponta CNC

Agência Brasil

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

Agência Brasil

Deixe seu comentário