Guia do Investidor
tesla e nvidia
Notícias

Nvidia supera Tesla como ação mais negociada com avanço na IA

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Nvidia ultrapassa Tesla em Wall Street com receita anual crescendo 265% impulsionada pela demanda em IA, alcançando US$ 22,1 bilhões.

A Nvidia, gigante das GPUs, superou a Tesla, de Elon Musk, tornando-se a ação mais negociada em Wall Street, refletindo seu crescimento fenomenal impulsionado pela demanda por inteligência artificial (IA). A empresa registrou um aumento impressionante de 265% em sua receita anual, alcançando US$ 22,1 bilhões no quarto trimestre de 2023. Esse avanço foi atribuído ao aumento global por computação acelerada e IA generativa, consolidando a Nvidia com uma capitalização de mercado de US$ 1,67 trilhão. Esse sucesso coincide com planos da Tesla de investir em hardware da Nvidia para seus projetos de IA, destacando a posição dominante da Nvidia no mercado de IA.

Nvidia Ascende no Mercado com Demanda Crescente por Tecnologia de IA

A Nvidia alcançou um marco notável ao ultrapassar a Tesla como a ação mais negociada nos Estados Unidos, com cerca de US$ 30 bilhões em ações movimentadas nos últimos 30 pregões. Este feito é um testemunho do crescente interesse e demanda por tecnologias de inteligência artificial, um setor no qual a Nvidia emergiu como líder incontestável. Com um aumento de 265% em sua receita anual, a empresa registrou US$ 22,1 bilhões no último trimestre de 2023, um salto significativo tanto em relação ao trimestre anterior quanto ao ano anterior.

Leia mais  Participações em bitcoin da Tesla aumentaram para R$ 10,5 bilhões no ano passado

Jensen Huang, o visionário fundador e CEO da Nvidia, creditou este sucesso espetacular ao avanço global na busca por soluções de computação acelerada e IA generativa. A empresa, com uma robusta capitalização de mercado de US$ 1,67 trilhão, solidificou sua posição de liderança, superando até mesmo a Tesla de Elon Musk em termos de volume de negociações em Wall Street.

A colaboração entre a Nvidia e a Tesla, com esta última planejando gastar mais de US$ 500 milhões em hardware de IA da Nvidia, sublinha a importância estratégica da Nvidia no ecossistema de IA. Além disso, a dominância da Nvidia foi reconhecida por líderes da indústria, como Yann LeCun da Meta, que destacou a empresa como um fornecedor chave na atual “guerra de IAs”.

A Nvidia continua a definir o padrão no desenvolvimento de IA com sua série RTX, considerada uma plataforma de referência para entusiastas, jogadores e criadores de IA. Com receitas impressionantes e uma posição estratégica crucial no mercado de tecnologia de IA, a Nvidia está bem posicionada para manter seu crescimento e influência no futuro previsível.

Leia mais  O tempo está nublado para a Tesla: entenda porque as ações caem

Nvidia registra lucro histórico e receita dispara 265%

A Nvidia anunciou resultados financeiros impressionantes para o quarto trimestre fiscal de 2024, com um lucro líquido que alcançou os US$ 12,285 bilhões, um aumento de 769% em comparação ao mesmo período do ano anterior. Este resultado extraordinário foi acompanhado por um salto de 265% na receita, que chegou ao recorde de US$ 22,10 bilhões.

O crescimento substancial da Nvidia foi amplamente impulsionado pelo desempenho de sua divisão de Data Center, que viu um aumento de 409% em sua receita, destacando a crescente demanda por soluções avançadas de computação.

A plataforma NVIDIA Hopper GPU tem sido um componente crítico neste sucesso, atendendo à demanda por aplicações em inteligência artificial, como modelos de linguagem e mecanismos de recomendação. Este avanço tecnológico coloca a Nvidia na vanguarda da inovação em semicondutores, reforçando sua posição no mercado global.

Além dos resultados robustos, a Nvidia também superou as expectativas com suas projeções para o primeiro trimestre fiscal de 2025. A empresa prevê uma receita de US$ 24 bilhões, significativamente acima da expectativa dos analistas de US$ 20,4 bilhões. Este otimismo reflete não apenas a solidez atual da Nvidia, mas também a confiança em sua capacidade de continuar crescendo em um mercado competitivo e em rápida evolução.

Leia mais  Tesla (TSLA34) cancela feira de empregos na China depois de Elon Musk alertar sobre cortes na empresa
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Elon Musk anuncia corte de 10% dos funcionários da Tesla

Paola Rocha Schwartz

Queda de braço: STF X Musk

Rodrigo Mahbub Santana

Tesla está abandonando carro elétrico barato, Musk nega

Rodrigo Mahbub Santana

Tesla (TSLA34) registra primeira queda em vendas desde 2020

Paola Rocha Schwartz

Tesla quer cortar pela metade custo de fabricação

Rodrigo Mahbub Santana

Preço-alvo da NVIDIA aumenta e pode valer US$1.100

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário