Guia do Investidor
bancos GDI
Notícias

O pior? BTG lidera lista de reclamações do setor bancário

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O setor financeiro brasileiro, sempre em constante evolução, enfrenta também seus desafios, principalmente no que diz respeito à satisfação do cliente. Uma recente divulgação feita pelo Banco Central do Brasil, em 25 de janeiro de 2024, revela os índices de reclamações das maiores instituições financeiras e de pagamento do país referentes ao quarto trimestre de 2023. O destaque, embora negativo, fica por conta do conglomerado BTG Pactual/Banco Pan, que manteve a liderança no ranking de reclamações.

O BTG Pactual/Banco Pan registrou um índice de reclamações de 34,11, com 791 registros considerados procedentes, num universo de 23,184 milhões de clientes. Esse índice, calculado com base no número de reclamações procedentes dividido pelo número de clientes e multiplicado por um milhão, serve como um termômetro para avaliar a qualidade do serviço prestado pelas instituições financeiras.

Seguindo o BTG Pactual/Banco Pan, encontra-se o Pagbank-PagSeguro, com um índice de 20,35 e 633 reclamações procedentes. Esse dado é significativo, pois reflete as dificuldades que até mesmo as empresas focadas em soluções digitais enfrentam para manter um alto padrão de satisfação do cliente. Em terceiro lugar, aparece o Bradesco, com um índice de 18,96 e 2.007 reclamações procedentes, indicando desafios mesmo para as instituições financeiras mais estabelecidas.

Leia mais  BTG está "voando" no segmento de gestão de fortunas e vai expandir operações

Importante destacar que o ranking do Banco Central é uma ferramenta crucial para os consumidores na escolha de seus serviços bancários, sendo também um indicativo para as próprias instituições sobre áreas que necessitam de melhorias. A transparência desses dados contribui para uma maior responsabilização das empresas e para a promoção de um ambiente bancário mais justo e eficiente.

Entre as 15 maiores instituições, o Banco Inter figura em quarto lugar, com um índice de 18,61. O C6 Bank vem em seguida com 15,23, e o Santander fecha os seis primeiros com um índice de 14,94. Estes números mostram que até mesmo os bancos digitais, que muitas vezes são vistos como mais ágeis e menos burocráticos, ainda enfrentam desafios significativos na gestão de relacionamento com o cliente.

A Caixa Econômica Federal, tradicionalmente conhecida por seu grande número de clientes, ocupa a sétima posição com um índice de 11,52, seguida de perto pelo Neon, com 11,06, e pelo Banco Original, com 10,22. O Itaú Unibanco, um dos maiores conglomerados financeiros do país, está na décima posição, com um índice de 10,19, seguido pelo Nubank com 7,97 e pelo Banco Votorantim com 6,42.

Leia mais  Conta BTG Pactual é gratuita? Vale a pena? Rende? Saiba tudo

Fechando a lista, o Banco do Brasil se posiciona em 13º lugar com um índice de 5,94. O Mercado Pago e o Ame Digital, empresas que têm se destacado no segmento de pagamentos digitais, ocupam respectivamente a 14ª e 15ª posições, com índices de 5,35 e 1,84. Esses números mostram que, mesmo entre as instituições mais novas e tecnológicas, há espaço para melhorias na relação com o cliente.

As Melhores BDRs para Comprar em 2024: Um Olhar nas Gigantes da Tecnologia

Está pensando em investir em BDRs em 2024? O mercado acionário de 2023 foi dominado pelas “Magnificent Seven” – um grupo composto por Alphabet, Amazon, Apple, Meta, Microsoft, Nvidia e Tesla. Essas gigantes da tecnologia não só lideraram o índice S&P 500 com ganhos notáveis, mas também moldaram as tendências de investimento para o ano seguinte.

Até meados de julho, essas empresas viram suas ações aumentarem quase 100%, impulsionadas por inovações em Inteligência Artificial (IA) e computação em nuvem. A Apple, atingindo um valor de mercado impressionante de mais de US$ 3 bilhões, se destacou como a empresa de maior valor do mundo. Microsoft e Amazon também não ficaram atrás, com focos estratégicos em IA e serviços em nuvem, demonstrando um crescimento robusto.

Leia mais  Conta BB Digital é boa? Tem tarifa? Veja como abrir e se vale a pena

Nvidia, a líder em IA, registrou um aumento significativo de receita, enquanto Alphabet e Meta continuaram a expandir suas operações, fortalecendo ainda mais sua influência no mercado global. E não podemos esquecer da Tesla, a pioneira em veículos elétricos, que apesar dos desafios no setor, mostrou um crescimento notável.

Para aqueles interessados em investir nessas líderes do mercado, confira os tickers de BDR das “Magnificent Seven”: Apple: AAPL34, Microsoft: MSFT34, Amazon: AMZO34, Nvidia: NVDC34, Alphabet: GOGL34, Meta: META34, Tesla: TSLA34.

Aqui no Guia do Investidor, mantemos você informado sobre as rápidas mudanças do mercado financeiro global. Nossas atualizações constantes asseguram que você tenha acesso às mais relevantes e atuais informações sobre as melhores oportunidades de investimento internacional que 2024 tem a oferecer. Não deixe de clicar aqui para conferir!

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Bancos funcionarão neste feriado de sexta-feira da paixão (29)?

Fernando Américo

Resultado 4T23: COGNA (COGN3) – vale a pena ter suas ações?

Paola Rocha Schwartz

BTG Pactual (BPAC11) adquire 100% de participação da Signal Capital

Guia do Investidor

Efeito Lula? Analistas de 3 bancos cortam preço-alvo da Vale

Márcia Alves

Nubank registra lucro recorde de US$ 395,8 milhões no 4TRI23

Guia do Investidor

Bancos não repassam cortes da Selic e juros seguem estáveis

Guia do Investidor

Deixe seu comentário