Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Randon (RAPT4) tem alta de 34,8% na receita líquida em maio

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A receita líquida consolidada da Randon (RAPT4) cresceu 34,8% em maio ante o mesmo mês do ano passado.

Isto é, para 932 milhões de reais, de acordo com dados divulgados pela fabricante de implementos rodoviários e autopeças nesta segunda-feira.

Nesse sentido, no acumulado dos primeiros cinco meses do ano, a receita totalizou 4,2 bilhões de reais. Ou seja, o que representa uma alta de 28,9% na comparação com igual período de 2021.

Desse modo, na avaliação da equipe da Genial Investimentos, os números vieram acima do esperado.

“Mesmo com a piora no cenário local, o segmento de implementos segue se mostrando resiliente”,

afirmou em comentário enviado a clientes por email

Randon (RAPT4) tem lucro líquido consolidado de R$ 130,1 mi no 1º tri de 2022, queda de 3%

A Randon (RAPT4) registrou um lucro líquido consolidado de R$ 130,1 milhões no primeiro trimestre de 2022. Isto é, uma queda de 3% na comparação com igual período de 2021.  

Leia mais  De olho no mercado americano, Randon anuncia aquisição da Hercules Enterprises

Assim sendo, a companhia destacou que o resultado foi impactado em grande parte pelo aumento das despesas financeiras, devido ao cenário de elevação de juros e variação cambial.

Ademais, a receita líquida consolidada atingiu R$ 2,5 bilhões no 1T22. Ou seja, avanço de 29,5% no comparativo com o 1T21. Isto é, impulsionada pelo maior preço médio dos produtos vendidos e pela adição das receitas de novos negócios e fusões e aquisições (M&As).

Desse modo, as receitas do mercado externo somaram US$ 99,9 milhões no 1T22, aumento de 48,2% no comparativo com o mesmo período de 2021.

Além disso, o lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) consolidado ficou em R$ 401,4 milhões no 1T22. Ou seja, crescimento de 15,0% frente ao 1T21.

Mais detalhes sobre o resultado da empresa

O Ebitda ajustado foi de R$ 401,35 milhões, alta de 20,2% na base de comparação ano a ano.

Já a margem Ebitda (Ebitda sobre receita líquida) ajustada foi de 16,2%, queda de 1,3 ponto percentual na base anual, sem impacto de eventos não recorrentes no período.

Leia mais  Agenda de resultados da semana

Desse modo, os investimentos somaram R$ 149,8 milhões, principalmente em integralização de capital (R$ 101,1 milhões) e capex, ou despesas com capital, (R$ 45,7 milhões), majoritariamente em máquinas e equipamentos.

Assim, a companhia destacou ainda aumento da dívida líquida (sem Banco Randon), que atingiu R$ 2,1 bilhões no final do 1T22 ante R$ 1,4 bilhão no 4T21, para suportar o avanço da NCG, decorrente do maior nível de atividade das operações e alavancagem de 1,58 vez o Ebitda dos últimos 12 meses.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais  Randoncorp (RAPT4) encerra programa de recompra de ações

Leia mais

Randon e Fras-le divulgam receitas de Março

Márcia Alves

BlackRock aposta na aquisição das ações da Randon

Miguel Gonçalves

Randoncorp (RAPT4) aprova pagamento de JCP no valor de R$ 73 milhões aos acionistas

Leonardo Bruno

Randoncorp (RAPT4) encerra programa de recompra de ações

Leonardo Bruno

Receita líquida da Randon cresce 7,3% no primeiro trimestre de 2023

Leonardo Bruno

Lucro da Randon (RAPT4) desaba 41% no resultado 4T22

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário