Guia do Investidor
ANIMA gdi
Notícias

Ânima (ANIM3) e DNA Capital fecham acordo de participação societária

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Na última sexta-feira (16), a Ânima (ANIM3) emitiu comunicado aos seus acionistas e ao mercado em geral, o ajuste de participação societária com a DNA Capital na Inspirali, subsidiária da Ânima Educação.  A gestora de investimentos agora detém o equivalente a 0,99% de participação na Inspirali, subsidiária da Ânima Educação. Ao todo, a DNA Capital possui uma participação equivalente a 25,99% do capital social total e votante da Inspirali.

Acordo de Investimentos

O ajuste de equity faz parte do termo de Acordo de Investimentos e Outras Avenças firmado e anunciado em 2021. Resulta na admissão da Inspirali ao montante de dívida líquida superior àquele inicialmente previsto. Agora, a empresa passa a contemplar títulos a pagamentos de aquisições, parcelamentos tributários, entre outros ativos e passivos. São considerados integrantes da dívida líquida na data do fechamento de 31/03/2022.

Leia mais  Ânima (ANIM3) tem alta de 168,2% no lucro do terceiro trimestre; entenda

Em 2021, Anima (ANIM3) aprovou o desdobramento de ações da companhia

No dia 18 de fevereiro de 2021, a Ânima Educação (ANIM3informou que a Assembleia Geral Extraordinária desta terça-feira aprovou o desdobramento de ações da companhia. Dessa forma, as ações da Ânima serão desdobradas na proporção de 3 ações para cada 1 ação.

Assim sendo, a companhia passará das atuais 134.622.935 ações ordinárias para o total de 403.868.805 ações. Contudo – é claro – seu capital social ainda será o mesmo, de R$ 2,569 bilhões.

“Conforme descrito na Proposta da Administração hoje [18/02] é a data base para fins de direito ao desdobramento e o crédito das ações será no dia 23 de fevereiro de 2021. As ações ordinárias resultantes do desdobramento conferirão aos seus titulares os mesmos direitos e vantagens das ações atualmente existentes incluindo dividendos e juros que vierem a ser declarados.”

afirmou a Ânima Educação no aviso aos acionistas.

O desempenho da Ânima

No terceiro trimestre de 2020 a Ânima reportou uma receita líquida no segmento ensino de R$ 334,8 milhões. Dessa forma, houve um crescimento de 19,3% em comparação com o mesmo período de 2019. De acordo com a Ânima o resultado positivo se deve a dois fatores. São eles:

  • A expansão inorgânica, por meio de aquisições, que cresceu mais de 12% no período; e
  • O aumento do ticket líquido, que subiu 8,2%. Esse crescimento ocorreu mesmo com a queda na base de alunos do segmento da graduação.
Leia mais  Justin Bieber vende direitos autorais por US$ 200 milhões para empresa de private equity

Quanto ao EBITDA, a Ânima (ANIM3reportou o valor de R$ 79,6 milhões. Portanto, o crescimento frente ao terceiro trimestre do ano anterior foi de 29,1%. Nos nove primeiros meses de 2020, o EBITDA ajustado ficou em R$ 310,5 milhões, crescendo 33,7%. Por fim, o lucro líquido da Ânima somou R$ 1,8 milhão, revertendo o prejuízo de R$ 2,5 milhões do mesmo período de 2019. No acumulado do ano – até setembro –, contudo, a perda é de R$ 8 milhões, ante um lucro de R$ 18,7 milhões no mesmo período de 2019.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ações da empresa de Trump continuam em queda

Rodrigo Mahbub Santana

Ânima (ANIM3) registrou prejuízo de R$ 101,5 milhões no 4T23

Paola Rocha Schwartz

Sondagem mostra piora na avaliação do Governo Lula

Paola Rocha Schwartz

A IA pode ser uma grande oportunidade no mercado financeiro

Márcia Alves

Nível de Incerteza na economia brasileira sobe em janeiro, aponta FGV

Guia do Investidor

Ânima (ANIM3) tem alta de 168,2% no lucro do terceiro trimestre; entenda

Miguel Gonçalves

Deixe seu comentário