Guia do Investidor
Calendário de resultados 3T22
Resultados

Calendário Resultados 2T22: Veja agenda completa

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O calendário resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22) finalmente está vindo aí. A temporada de resultados expõe ao mercado os detalhes do desempenho operacional de todas as companhias que possuem ações listadas na bolsa de valores (B3). Assim, nós investidores podemos analisar profundamente os nomes mais populares e favoritos do mercado de capitais e decidir se determinado ativo vale ou não nosso investimento.

O que esperar do mercado?

Se o calendário de resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22) , os investidores também já começam a analisar as principais expectativas do mercado, e o que deve afetar a bolsa de valores nesta nova temporada operacional das empresas do mercado.

As empresas brasileiras vêm observando o crescimento do desempenho nos últimos trimestres e isto não deve ser diferente no calendário de resultados 2T22 .

Isso reflete muitos fatores, como: Aumentar a confiança das empresas e dos consumidores; estímulo econômico fornecido pelo governo; reabrir a economia após a pandemia; altos preços das commodities; O desemprego caiu. Esses fatores, juntamente com outros, têm contribuído para a melhora geral do desempenho das empresas B3.

Afinal, o movimento é observado desde o início de 2021 até o primeiro trimestre de 2022. No entanto, com o aumento do ruído político e fiscal no Brasil no 2T22, o otimismo foi deixado de lado, deixando espaço para que os preços caíssem.

calendario de resultados 2T22

O cenário de mercado em baixa se intensifica à medida que os riscos para os mercados internacionais aumentam devido às consequências da inflação global, aumento das taxas de juros nos EUA e a guerra na Rússia e na Ucrânia.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Pensando nisso, nós da redação do Guia do Investidor elaboramos este calendário de resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22), que expõe diretamente as datas esperadas para os anúncios das principais empresas brasileiras no calendário de resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22).

2T22: o que são os resultados trimestrais?

A escolha de um ativo para investir deve ser feita após uma criteriosa análise da companhia. Deve-se levar em consideração os aspectos financeiros do mercado em que ela atua, cadeia de fornecedores, impacto das variáveis macroeconômicas e governança corporativa.

É por isso que os resultados trimestrais são esperados com ansiedade pelos investidores que enxergam neles a oportunidade real de verificar as condições gerais da organização com a qual desejam adquirir ações ou permanecer posicionados.

Mas o que são esses relatórios de resultados trimestrais? Basicamente, são um conjunto de informações, administrativas, financeiras e patrimoniais, que devem, por lei, ser divulgadas por empresas de capital aberto, ou seja, que têm as suas ações negociadas em Bolsa de Valores. Nesse documento, são divulgados o desempenho geral do negócio no período de três meses.

Sempre auditados, os resultados trimestrais possuem datas agendadas para divulgação estabelecidas por cada empresa, esta que precisa estar constantemente atualizando seu calendário corporativo junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A temporada do 2T22, por exemplo, começa em julho, assim como você pode consultar na agenda abaixo, e deve encerrar no mês seguinte.

A temporada do segundo trimestre é sempre especial porque conta também com o desempenho do primeiro semestre do ano, trazendo dados acumulados que mostram um cenário ainda mais completo sobre a empresa. Da mesma maneira, no último relatório trimestral, do 4º trimestre, são apontadas informações do segundo semestre e do ano todo.

Leia mais  Receita da Claro sobe 7,6% e chega a R$ 10,6 bilhões no 2T22

Calendário de resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22) : Julho

Desse modo, o calendário de resultados 2T22 (Agenda de resultados 2T22) se inicia neste mês de Julho e se estende até o mês de agosto, onde as principais companhias estão agendando a divulgação de seus dados. Portanto, confira abaixo as principais divulgações de julho:

Por fim, confira no calendário de resultados 2T22, as companhias que esperam anunciar o desempenho operacional no mês de agosto:

Ticker Empresa Data de divulgação do resultado
WEGE3 Weg 20/07/2022
CRFB3 Carrefour Brasil  26/07/2022
NEO3 Neoenergia  26/07/2022
INTB3 Intelbras  27/07/2022
KLBN11/KLBN3/KLBN4 Klabin  27/07/2022
SUZB3 Suzano 27/07/2022
ENBR3 EDP Brasil  27/07/2022
PCAR3/PCAR4 Pão de Açúcar 27/07/2022
ASAI3 Assaí 27/07/2022
ODPV3 Odontoprev  27/07/2022
DXCO3 Dexco  27/07/2022
RENT3 Localiza  28/07/2022
VULC3 Vulcabrás  28/07/2022
CESP3/CESP5/CESP6 Cesp  28/07/2022
ECOR3 Ecorodovias 28/07/2022
PETR3/PETR4 Petrobrás  28/07/2022
VALE3 Vale  28/07/2022
LOGG3  Log  28/07/2022
MULT3  Multiplan  28/07/2022
GOLL11/GOLL4  Gol  28/07/2022
TRPL3/TRPL4  CTEEP  28/07/2022
EMBR3  Embraer  28/07/2022
EALT4 Resultado Electro Aço  28/07/2022
USIM3/USIM5/USIM6  Usiminas  29/07/2022
HYPE3  Hypera  29/07/2022
RANI3/RANI4  Celulose Irani  29/07/2022
Agenda resultados 2T22

Agenda de resultados: agosto

Ticker Empresa Data de divulgação do resultado
PRIO3  PetroRio  01/08/2022
MOVI3  Movida  01/08/2022
SBFG3  Grupo SBF 01/08/2022
 POMO3/POMO4  Marcopolo 01/08/2022
PGMN3  Pague Menos  01/08/2022
TIMS3  TIM  01/08/2022
CIEL3  Cielo  02/08/2022
RADL3  Raia Drogasil  02/08/2022
IGTA3  Iguatemi  02/08/2022
 LJQQ3  Lojas Quero-Quero 03/08/2022
 TGMA3  Tegma 03/08/2022
RRRP3  3R Petroleum  03/08/2022
CMIN3  CSN Mineração  03/08/2022
TOTS3  Totvs  03/08/2022
 BPAN4  Banco Pan 03/08/2022
GGBR3/GGBR4  Gerdau  03/08/2022
GOAU3/GOAU4  Gerdau Metalúrgica  03/08/2022
UGPA3  Ultrapar  03/08/2022
BBDC3/BBDC4  Bradesco  04/08/2022
BRPR3  BR Properties  04/08/2022
ALPA3/ALPA4  Alpargatas  04/08/2022
TEND3  Tenda  04/08/2022
CEAB3  C&A  04/08/2022
 EGIE3  Engie Brasil 04/08/2022
JHSF3  JHSF 04/08/2022
FLRY3  Fleury 04/08/2022
AESB3  AES Brasil  04/08/2022
 SAPR11/SAPR3/SAPR4  Sanepar 04/08/2022
PSSA3  Porto Seguro  04/08/2022
LREN3 Lojas Renner  04/08/2022
TUPY3 Tupy 04/08/2022
GRND3  Grendene  04/08/2022
CLSC3/CLSC4  Celesc  05/08/2022
NGRD3  Neogrid  08/08/2022
 BBSE3  BB Seguridade 08/08/2022
ITUB3/ITUB4  Itaú Unibanco  08/08/2022
DIRR3  Direcional  08/08/2022
TECN3  Technos  08/08/2022
AMAR3 s Lojas Marisa  08/08/2022
 BLAU3  Blau Farmacêutica 08/08/2022
MTRE3  Mitre  08/08/2022
TTEN3  3Tentos  08/08/2022
JSLG3  JSL 08/08/2022
 ABCB4  Banco ABC Brasil 08/08/2022
MODL11  Banco Modal  08/08/2022
DOTZ3  Dotz  08/08/2022
CXSE3  Caixa Seguridade  09/08/2022
 CBAV3  CBA 09/08/2022
TESA3  TERRASANTAPA  09/08/2022
CARD3  CSU Cardsystem  09/08/2022
 LOGN3  Log-In 09/08/2022
VLID3  Valid  09/08/2022
 CVCB3  CVC 09/08/2022
CURY3 Cury Construtora 09/08/2022
ETER3  Eternit 09/08/2022
TASA3/TASA4  Taurus Armas  09/08/2022
SCAR3  São Carlos 09/08/2022
CASH3  Méliuz  09/08/2022
ALUP11/ALUP3/ALUP4  Alupar  09/08/2022
QUAL3  Qualicorp  09/08/2022
NUTR3  Nutriplant  09/08/2022
ARML3  Armac  09/08/2022
BPAC11/BPAC3/BPAC5  BTG Pactual  09/08/2022
GUAR3  Guararapes  09/08/2022
PNVL3/PNVL4  DIMED  10/08/2022
RECV3  PetroRecôncavo  10/08/2022
MYPK3 Iochpe-Maxion  10/08/2022
 ALPK3  Estapar 10/08/2022
MDNE3  Moura Dubeux  10/08/2022
RDNI3  RNI  10/08/2022
KRSA3  Kora Saúde  10/08/2022
STBP3  Santos Brasil  10/08/2022
BBAS3  Banco do Brasil  10/08/2022
LEVE3  Mahle  10/08/2022
SLCE3  SLC Agrícola  10/08/2022
PINE3/PINE4  Banco Pine  10/08/2022
ALSO3  Aliansce Sonae  10/08/2022
DMVF3  d1000  10/08/2022
 MRVE3  MRV 10/08/2022
PFRM3  Profarma  10/08/2022
RSID3  Rossi Residencial  10/08/2022
AALR3 Alliar  10/08/2022
MATD3  Hospital Mater Dei  10/08/2022
TAEE11/TAEE3/TAEE4 Taesa  10/08/2022
 BRFS3 BRF 10/08/2022
CPLE3/CPLE5/CPLE6 Copel  10/08/2022
POSI3 Positivo Tecnologia  10/08/2022
 BEEF11/BEEF3 Minerva 10/08/2022
SULA11/SULA3/SULA4 Sul America  10/08/2022
FRAS3 Fras-le  10/08/2022
EQTL3 Equatorial  10/08/2022
LWSA3 Locaweb  10/08/2022
FIQE3  Unifique  10/08/2022
BRKM3/BRKM5/BRKM6  Braskem  10/08/2022
TRAD3  TC Traders Club  10/08/2022
ELMD3 Eletromidia 10/08/2022
 VITT3  Vittia 10/08/2022
SMFT3 SmartFit  10/08/2022
APER3  Alper  10/08/2022
ALLD3  Allied  10/08/2022
 ELET3/ELET5/ELET6  Eletrobrás 10/08/2022
WSON33 Wilson Sons  10/08/2022
 BRBI11 BR Partners 11/08/2022
 ARZZ3 Arezzo 11/08/2022
RAIL3 Rumo  11/08/2022
SBSP3 Sabesp  11/08/2022
VVEO3 Viveo  11/08/2022
VIVA3 Vivara  11/08/2022
SEQL3 Sequóia Logística  11/08/2022
HBOR3 Helbor  11/08/2022
LIGT3 Light  11/08/2022
JBSS3 JBS  11/08/2022
AGXY3 Agrogalaxy  11/08/2022
DEXP3 Resultado Dexxos Participações  11/08/2022
LLIS3  Restoque  11/08/2022
FESA3/FESA4  Ferbasa  11/08/2022
GGPS3  Grupo GPS  11/08/2022
PARD3  Hermes Pardini  11/08/2022
MGLU3  Magazine Luiza  11/08/2022
DASA3  Dasa  11/08/2022
SOMA3  Grupo Soma  11/08/2022
UCAS3  Unicasa  11/08/2022
GMAT3  Grupo Mateus  11/08/2022
BBML3  BBM Logística  11/08/2022
BRSR3/BRSR5/BRSR6  Banco Banrisul  11/08/2022
TRIS3  Trisul  11/08/2022
BMOB3  Bemobi  11/08/2022
AERI3  Aeris Energy  11/08/2022
BMGB3  Banco BMG  11/08/2022
ENAT3  Enauta  11/08/2022
SQIA3  Sinqia  11/08/2022
B3SA3  B3  11/08/2022
BRML3  BR Malls  11/08/2022
CYRE3  Cyrela Realty  11/08/2022
 ENGI11/ENGI3/ENGI4  Energisa 11/08/2022
EZTC3  Eztec  11/08/2022
PLPL3  Plano & Plano  11/08/2022
PTBL3  Portobello  11/08/2022
ENJU3  Enjoei  11/08/2022
IFCM3  Infracommerce  11/08/2022
CPFE3  CPFL  11/08/2022
ENEV3  Eneva  11/08/2022
TFCO4  Track & Field  11/08/2022
SGPS3  Springs  11/08/2022
BKBR3 Burger King Brasil  11/08/2022
AZUL4 Azul  11/08/2022
LAME3/LAME4 Lojas Americanas  11/08/2022
OFSA3 Ouro Fino  11/08/2022
RAPT3/RAPT4 Randon Part  11/08/2022
SIMH3 Simpar  11/08/2022
CCRO3 CCR  11/08/2022
BRAP3/BRAP4 Bradespar  11/08/2022
MLAS3  Multilaster  11/08/2022
TCSA3  Tecnisa  11/08/2022
SHOW3  Time For Fun  11/08/2022
TPIS3  Triunfo  11/08/2022
COGN3  Cogna  11/08/2022
BOAS3  Boa Vista  11/08/2022
OIBR3/OIBR4  Oi  11/08/2022
RDOR3  Rede D’or  11/08/2022
MRFG3  Marfrig  11/08/2022
VIVR3  VIVER Construtora  11/08/2022
MEAL3  IMC  11/08/2022
PRNR3  Priner  11/08/2022
QUSW3  Quality Soft  11/08/2022
PETZ3  Petz  11/08/2022
BTOW3/AMER3  B2W  11/08/2022
EEEL3  CEEE-T  11/08/2022
PDTC3  Padtec  11/08/2022
STTR3  Stara  11/08/2022
SYNE3  Syn Prop Tec  11/08/2022
VVAR3  VIA VAREJO   11/08/2022
OPCT3  Oceanpact  11/08/2022
BIOM3  BIOMM  11/08/2022
BPAR3  Banco Banpará  11/08/2022
NTCO3  Natura  11/08/2022
HAPV3  Hapvida  11/08/2022
HBSA3  Hidrovias do Brasil  11/08/2022
WIZS3  Wiz  11/08/2022
WEST3  Westwing  11/08/2022
MBLY3  Mobly  12/08/2022
BRIT3  Brisanet  12/08/2022
LCAM3  Unidas  12/08/2022
VAMO3  Vamos  12/08/2022
BRQB3  BRQ Informática  12/08/2022
CSAN3  Cosan  12/08/2022
BMEB3/BMEB4  Banco Mercantil  12/08/2022
MDIA3  M.Dias Branco  12/08/2022
LUPA11/LUPA3  Lupatech  12/08/2022
MSRO3  Maestro Frotas  12/08/2022
SEER3  Ser Educacional  12/08/2022
FHER3  Fertilizantes Heringer  12/08/2022
OSXB3  OSX Brasil  12/08/2022
CSMG3  Copasa  12/08/2022
INNT3  Inter Construtora  12/08/2022
 CMIG3/CMIG4  Cemig 12/08/2022
PDGR3  PDG Realty  12/08/2022
FRTA3  Pomifrutas  12/08/2022
 EUCA3/EUCA4  Eucatex 12/08/2022
IGSN3  Igua Saneamento  12/08/2022
RNEW11/RNEW3/RNEW4  Renova  12/08/2022
MSPA3/MSPA4  Melhoramentos  12/08/2022
CSAB3/CSAB4  Aliança da Bahia  12/08/2022
FLEX3  Flex  12/08/2022
LMED3  Lifemed  12/08/2022
TESA3  Terra Santa  12/08/2022
AZEV3/AZEV4  Azevedo  12/08/2022
 PEAB3/PEAB4  Aliança da Bahia Participações 12/08/2022
FRIO3  Metalfrio  14/08/2022
 SLED3/SLED4  Saraiva 14/08/2022
MILS3  Mills  15/08/2022
LPSB3  Lopes  15/08/2022
EVEN3  Even  15/08/2022
MELK3  Melnick  15/08/2022
ANIM3  Anima  15/08/2022
AVLL3  Alphaville  15/08/2022
AMBP3  Ambipar  15/08/2022
VBBR3  Vibra   15/08/2022
CEDO3/CEDO4/CEBR6  Cedro Têxtil  15/08/2022
CNSY3  Cinesystem  15/08/2022
 ITSA3/ITSA4  Itaúsa 15/08/2022
GFSA3  Gafisa  15/08/2022
BIDI11/BIDI4/BIDI3  Banco Inter  15/08/2022
IRBR3  IRB Brasil Resseguros  15/08/2022
CLSA3  Clearsale  15/08/2022
ATMP3  Atma Participações  15/08/2022
ESPA3  Espaçolaser  15/08/2022
NINJ3  GetNinjas  15/08/2022
HBRE3  HBR Realty  15/08/2022
ONCO3  Oncoclínicas  15/08/2022
SOJA3  Boa Safra  15/08/2022
CSED3  Cruzeiro do Sul  15/08/2022
ORVR3  Orizon  15/08/2022
BAHI3  Bahema Educação  15/08/2022
BSLI3/BSLI4  Banco de Brasília  15/08/2022
DESK3  Desktop  15/08/2022
MEGA3  Omega Energia  15/08/2022
YDUQ3  Estácio Participações  15/08/2022
VBBR3  Vibra Energia  15/08/2022
LVTC3  WDC NETWORKS  15/08/2022
Agenda resultados 2T22

O que é importante olhar nos resultados?

Lucratividade: O que se deve olhar, primeiramente, é o lucro. Ele tem sido constante ou tem crescido? O lucro foi fruto de receitas recorrentes ou inéditas?

Leia mais  Alta dos combustíveis afetou margens da Petrobras? Descubra na prévia do resultado 2T22

Não se deixe enganar por informações tão positivas. Primeiro, o investidor tem que ver a origem da melhora do resultado da empresa.

Dívidas: Outra coisa importante em um balanço é avaliar a estrutura e o controle de custos da companhia. A empresa mantém um padrão? Houve aumento exagerado de custos? A dívida é muito alta comparada a geração de caixa? Se sim, então pode ser um sinal de uma má administração.

Cabe ressaltar que endividamento normalmente é visto como algo negativo para as pessoas físicas, no entanto, para alguns casos pode ser bom, por exemplo se o custo de captação dos recursos é baixo em relação aos retornos que este capital está gerando com o crescimento dos resultados da empresa.

Periodicidade: Os relatórios trimestrais são uma forma de orientar o investidor sobre os rumos da empresa.

Caso pense em investir a longo prazo, nunca deve-se olhar para a divulgação de resultados separadamente e sim comparar as informações com aquelas que foram divulgadas no mesmo período do ano anterior, para ter uma noção de evolução em termos de despesas e receitas.

É interessante somar os últimos quatro trimestres e comparar com o período anterior, para analisar se a companhia está em crescimento e, principalmente, se ela está entregando o que promete.

Agenda de calendário resultados 2T22: Dados essenciais nos relatórios

Busque dentro dos relatórios algumas informações essenciais que pode ser úteis na hora de avaliar e comparar (entre períodos anteriores ou até entre concorrentes).

  • Lucro Líquido:

Lucro é tudo aquilo que se ganha a partir de alguma transação. É entendido como rendimento, privilégio ou vantagem em relação a algo.

A economia entende lucro como tudo o que foi ganho ou recebido a partir de um ato de comercialização financeira.

Em resumo, lucro é a diferença positiva entre o que foi gasto e o que foi recebido por uma empresa ou por alguém. E dentro de uma companhia, é ele quem define o desempenho do negócio.

  • Faturamento:

Faturamento é a soma total das vendas de uma empresa, em um certo período, a partir de sua atividade comercial – seja comércio de bens, prestação de serviços ou indústria.

O faturamento mensal de uma pessoa que trabalha como cabeleireira, por exemplo, é o valor total que recebeu de seus clientes ao longo do mês. Se ela fez 150 cortes em um mês no valor de R$ 50 cada, seu faturamento mensal será de R$ 7.500.

  • Gastos:

Todos os bens e serviços adquiridos por uma empresa são considerados gastos em algum momento de sua existência. Ou seja, qualquer saída de caixa é considerada gasto antes de ser classificado em custos, despesas, investimento ou perda.

Porém, para fins de contabilidade, permanecerá como gasto toda a quantia despendida pela empresa para suprir um evento inesperado ou financiar algo fora do normal. Como o gasto tem natureza imprevisível, ele não pode ser repassado para o cliente no preço do produto e significará prejuízo.

Outros pontos são:

  • Crescimento de receitas:
Leia mais  Technos (TECN3) 'dobra' o lucro no resultado 2T22

O crescimento da receita começa com o entendimento da demanda do mercado e a análise de vendas. Em seguida, passa por entender toda a jornada do cliente antes da decisão de compra. Finalmente, vender e reter o cliente para gerar fluxos contínuos de receita.

  • Margens operacionais:

A margem operacional mede a eficiência operacional de uma determinada empresa, ou seja, o quanto de suas receitas líquidas provenientes de vendas e serviços vieram de suas atividades operacionais.

Basicamente, esse indicador ajuda ao investidor ou analista entender qual é a participação das suas receitas operacionais, ou seja, que foram originadas pelas atividades principais da organização, se transformam em lucros depois de abatidos os custos (com exceção dos impostos). Ou, melhor dizendo, nos diz qual é a parte do caixa gerado que foi produzido pela sua atividade principal.

  • Retorno sobre o capital investido:

O Retorno Sobre Capital Investido, conhecido como ROIC (sigla em inglês) é um indicador que analisa a eficiência de uma empresa em gerar retorno com o uso do seu capital.

Para que uma empresa cresça, pague dívidas ou faça investimentos, ela necessita de capital, sendo o capital próprio muitas vezes insuficiente para tal ação, obrigando a adoção de recursos de terceiros.

  • Endividamento:

Índices de endividamento são métricas que mostram o nível de endividamento de uma empresa. Sua interpretação mostra, por exemplo, quanto de seus recursos vêm de terceiros. Os índices de endividamento são analisados por investidores para analisar a saúde financeira de empresas com potencial ou não de investimento.

Agenda Calendário resultados 2T22: Como os relatórios impactam os seus investimentos?

A divulgação dos relatórios trimestrais deve servir como fator confirmador de uma estratégia de longo prazo. Afinal, ter acesso aos documentos é como espiar dentro da empresa para ver se está tudo em ordem.

O investidor que faz análise fundamentalista deve ler os relatórios em muita atenção, pois eles podem ditar a sua carteira. Por exemplo, suponha que uma empresa específica registra um Ebitda em queda há 3 ou 4 trimestres. É sinal de que ela está com dificuldades para gerar caixa. Portanto, pode ter problemas à frente.

Talvez mais importante do que isso, no entanto, é o fato de que as ações das empresas costumam ter correlação positiva com seus lucros. Portanto, um relatório trimestral negativo pode derrubar o preço de um papel, o que afetará a sua carteira de investimentos.

É claro que somente um relatório trimestral não é o suficiente para modificar o curso de uma estratégia de longo prazo. Por outro lado, vale a pena ligar o sinal de alerta e acompanhar aquela empresa com mais atenção.

E o consenso de mercado?

Provavelmente você já deve ter reparado em notícias de resultados, que há frases como “Seu lucro veio acima do consenso”. Consenso de mercado nada mais é um conjunto de expectativas e projeções em relação ao resultado trimestral de uma empresa, que provavelmente já está precificado no valor da ação. 

Logo, quando uma empresa divulga um resultado que vem acima do consenso, suas ações tendem a subir. O inverso também é verdadeiro.

Portanto o investidor deve buscar oportunidades de investimentos que estejam fora do consenso do mercado, com preços atrativos e boas assimetrias, ou seja, com maior potencial de retorno do que espaço para queda e aguardar, com paciência, as teses se efetivarem.

Debêntures: o que são?
Agenda resultados 2T22

Debêntures: o que são?

A debênture é uma aplicação que muitos investidores médios desconhecem. Entretanto, elas representam um volume importante de investimentos relacionados ao mercado financeiro no Brasil. O papel oferta um rendimento mais atrativo do que os títulos de renda fixa emitidos pelas instituições financeiras.

Debêntures são um tipo de investimentos em renda fixa e são títulos de dívida emitidos por empresas com capital aberto na bolsa de valores e funcionam como uma captação de recursos dessas empresas. Assim, é como se os investidores tivesse “emprestando” dinheiro em troca de rendimento futuro.

Em 2021, a procura por esse investimento dobrou em relação ao ano anterior, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

As debêntures podem ser uma alternativa mais rentável do que as outras opções de renda fixa, mas envolvem riscos de crédito e prazos que devem ser considerados pelos investidores.

Debêntures: como funciona?
Agenda resultados 2T22

Debêntures: como funciona?

Como dito antes, uma Debênture é um título de dívida emitido por empresas que oferecem direito de crédito ao investidor. Funciona como um empréstimo feito para que as companhias consigam realizar os seus planos.

Assim, as Debêntures são valores mobiliários que representam a dívida de médio ou longo prazo da companhia. Logo, quem detém o título assegura o direito de crédito que deve ser pago pela empresa emissora.

Nessa modalidade, o investidor é remunerado por meio de juros, que podem ser prefixados, pós-fixados ou híbridos. Um ponto de destaque é que essa é uma aplicação com rentabilidade superior a muitos investimentos de renda fixa.

Como você empresta dinheiro para empresas, elas costumam pagar juros maiores do que instituições financeiras oferecem ao investidor. Por outro lado, os riscos são considerados superiores, já que não há proteção do Fundo Garantidor de Crédito.

Se você ainda não o conhece, o FGC protege o saldo de algumas aplicações de renda fixa em até R$ 250 mil por CPF ou CNPJ e por instituição financeira. O investidor tem essa quantia garantida em caso de quebra ou intervenção na instituição emissora.

Também há um limite total de R$ 1 milhão por CPF ou CNPJ. Ele engloba todos os pagamentos que podem ser solicitados, atrelados a diferentes instituições financeiras. O limite global é recomposto a cada 4 anos.

Assim, as Debêntures não contam com tal vantagem. O FGC cobre investimentos como:

  • Certificado de Depósito Bancário (CDB);
  • Letra de Crédito Imobiliário (LCI);
  • Letra de Crédito do Agronegócio (LCA).
Qual é a diferença entre debêntures e ações?
Calendário resultados 2T22

Qual é a diferença entre debêntures e ações?

As regras relacionadas aos prazos e ao formato da remuneração das debêntures estão definidas e registradas desde o momento da emissão pela empresa. Portanto, quem investe em uma debênture já sabe desde o início por quanto tempo o dinheiro precisará ficar aplicado e também de quanto serão os juros que receberá até lá. Por essas características, as debêntures são classificadas como investimentos de renda fixa, como os CDBs.

Essa é uma diferença fundamental entre as debêntures e as ações – que, é verdade, também são definidas genericamente como títulos emitidos por uma empresa. Só que enquanto as debêntures são papéis de dívida, as ações representam frações do capital de uma empresa.

Quem investe em ações se torna sócio de uma empresa – e não credor, como é o caso de quem compra debêntures. Se ela crescer e tiver lucro, o investidor poderá receber dividendos e ganhar com a valorização das ações. Já se registrar prejuízos, os papéis podem desvalorizar. Como o retorno do investimento pode mudar segundo a performance da companhia e as condições do mercado, as ações são classificadas como investimentos de renda variável.

Outra diferença entre ações e debêntures está no prazo do investimento. As debêntures têm uma data de vencimento definida – normalmente, de pelo menos dois anos, podendo chegar a cinco ou dez anos. Isso não existe nas ações, que podem ser mantidas pelo investidor por quanto tempo quiser, se desfazendo delas no momento que parecer mais conveniente.

Quais são os tipos de debêntures?

Embora a aquisição dos títulos de dívidas seja feita de uma única forma, existem vários modelos de debêntures no mercado brasileiro. As principais são as seguintes:

Debênture simples: modelo mais encontrado nos bancos e corretoras, tem como principal característica o prazo de vencimento longo, entre 2 e 10 anos. Dá ao investidor o direito de receber, em dinheiro, a quantia acrescida de juros acumulados durante o período.

Debênture conversível: diferente da simples, depois do vencimento, o investidor consegue resgatar seu valor convertido em ações. Nesse caso, ele passa a ser acionista, e não mais credor, segundo as regras previstas no Fato Relevante.

Debênture permutável: em vez do dinheiro ou ações da companhia que emitiu, é possível converter o valor em ações de outras empresas. Essa transação também é prevista no contrato que garante a permuta no final do período.

Debênture incentivada: isenta de imposto de renda, é uma das modalidades mais vantajosas, pois oferece maior possibilidade de rendimento. Esse tipo de título é exclusivo para empresas que tenham algum projeto de infraestrutura, que beneficie a sociedade, por isso contam com o incentivo tributário.

calendário resultados 2T22
Calendário resultados 2T22

Entenda um pouco mais como funciona o rendimento das Debêntures

Você já percebeu que as Debêntures contam com tipos e regras diferentes. Diante disso, o rendimento das Debêntures pode variar bastante, assim como o formato da rentabilidade. Como vimos, título pode ser prefixado, pós-fixado e híbrido.

Abaixo, entenda melhor cada um deles:

Prefixado: Em uma Debênture prefixada, há o pagamento de um percentual de juros anuais definidos antes da compra. O rendimento, nesse caso, é conhecido no momento da aplicação. Você poderá calcular quanto receberá no vencimento antes mesmo de investir.

Pós-fixado: A Debênture pós-fixada tem um rendimento que não pode ser previsto com exatidão na hora do investimento. Ela é atrelada a um indexador, demonstrando como será feita a correção do título para calcular a rentabilidade.

É comum que a rentabilidade siga o CDI (Certificado de Depósito Interbancário), a Taxa Selic ou outro índice. Assim, é possível que, no vencimento, a aplicação pague retornos relativos a um determinado percentual da variação do CDI no período.

Híbrido: O rendimento híbrido é aquele que tem características presentes nos títulos prefixados e pós-fixados. Ou seja, ele é atrelado a um indexador e ainda conta com uma taxa fixa de juros.

Nesse caso, normalmente o índice escolhido é a inflação oficial do país, atrelando a correção ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Já os juros fixos variam conforme o título. O benefício é que ele blinda o investidor em relação à inflação e garante aumento de seu poder de compra.

Além de conhecer os tipos de rentabilidade das Debêntures vale saber que elas podem pagar os juros no vencimento ou apresentar cupons semestrais. Nesse último caso, o investidor recebe a rentabilidade a cada seis meses, mantendo o valor principal aplicado.

Como investir em debênture?

A compra de títulos de dívidas acontece do mesmo modo que os demais produtos: na corretora onde se mantém a conta. O primeiro passo é abrir um cadastro em uma instituição que oferece o produto e preencher um questionário de suitability que define o perfil de cada investidor.

Na sequência, basta abrir o home broker de investimentos, clicar na opção de renda fixa e escolher a debênture mais atrativa, com base nas informações disponíveis. Esses títulos não oferecem a possibilidade de compra fracionada, portanto, o investidor deve pagar o valor cheio de cada unidade, que pode variar entre empresas.

Outra aspecto das debêntures é que algumas opções só podem ser compradas pelos chamados “investidores qualificados”, aqueles que, segundo norma da CVM, são profissionais, experientes ou já investiram mais de R$ 1 milhão.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Do sonho ao pesadelo? Ânima sai do lucro para prejuízo de R$ 24 milhões no 2T22

Leonardo Bruno

Temporada de balanços 2T22: Confira 24 resultados que você perdeu

Leonardo Bruno

Investidores ignoram prejuízo de R$ 135 milhões no 2T22 da Magazine Luiza? Ação dispara 18%

Leonardo Bruno

Veja resumo do Resultado 2T22 de mais de 50 empresas da bolsa

Leonardo Bruno

Lucro do Banco do Brasil dispara 54,8% e chega a R$ 7,8 bilhões no 2T22

Leonardo Bruno

Acabou a luz? Ebitda da Alupar cai R$ 256,9 milhões no resultado 2T22

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário