Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

CASH de volta: Méliuz sai do vermelho e volta a lucrar no 3T23

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Meliuz divulgou seus resultados financeiros do terceiro trimestre de 2023, destacando uma estratégia de otimização de margens e alcançando um resultado líquido positivo, apesar da redução na receita. Saiba como a empresa está se preparando para um futuro sustentável.

A Meliuz, uma empresa brasileira de tecnologia focada em oferecer soluções de cashback e compras online, divulgou seus resultados financeiros do terceiro trimestre de 2023. Embora a empresa tenha enfrentado um desafio em relação à sua receita líquida, destacou-se por sua estratégia de otimização de margens e conseguiu alcançar um resultado líquido positivo, sinalizando um caminho para a sustentabilidade financeira.

Receita Líquida em Queda, Foco na Otimização de Margens:

No terceiro trimestre de 2023, a receita líquida total da Meliuz foi de R$ 70,4 milhões, o que representa uma redução de 8% em comparação com os R$ 77,0 milhões registrados no mesmo período de 2022 e uma diminuição de 2% em relação ao segundo trimestre de 2023, quando atingiu R$ 72,2 milhões. Essa queda na receita líquida reflete uma mudança estratégica da empresa, que priorizou a otimização das margens em detrimento do aumento no volume de vendas.

Desagregação da Receita Líquida:

  • Shopping Brasil: No segmento de Shopping Brasil, a receita líquida atingiu R$ 50,1 milhões no terceiro trimestre de 2023, representando uma queda de 17% em relação ao mesmo período do ano anterior. Essa redução está alinhada com a estratégia da empresa de focar na melhoria das margens, mesmo que isso impacte o volume de vendas. Como resultado, a margem do Shopping Brasil aumentou significativamente, passando de R$ 18,5 milhões no terceiro trimestre de 2022 para R$ 23,1 milhões no terceiro trimestre de 2023.
  • Shopping Internacional: O segmento de Shopping Internacional, representado pelo Picodi, registrou uma receita líquida de R$ 4,7 milhões no terceiro trimestre de 2023, uma redução em relação aos R$ 5,9 milhões e R$ 5,1 milhões registrados no terceiro trimestre de 2022 e no segundo trimestre de 2023, respectivamente. Essa queda era esperada devido à transição da operação de cupons de desconto para cashback, uma estratégia que deve gerar resultados mais significativos a longo prazo com o acúmulo de usuários.
  • Serviços Financeiros: A receita líquida dos serviços financeiros, incluindo parcerias com o banco BV, o cartão próprio da Meliuz e o cartão co-branded legado, totalizou R$ 8,5 milhões no terceiro trimestre de 2023, em comparação com os R$ 9,1 milhões registrados no segundo trimestre do mesmo ano. Essa variação reflete a transição entre os produtos próprios e a parceria com o banco BV.
  • Outros: O segmento de outros serviços gerou uma receita líquida de R$ 7,1 milhões no terceiro trimestre de 2023, representando um aumento de 11% em relação ao mesmo período do ano anterior.
Leia mais  Méliuz (CASH3) fecha acordos com Banco Votorantim e lidera as altas do Ibovespa

Redução de Despesas Operacionais:

A Meliuz manteve sua estratégia de redução de custos e despesas operacionais. No terceiro trimestre de 2023, as despesas operacionais totalizaram R$ 71,9 milhões, uma redução significativa de 36% em relação ao final de 2022 e de 17% em comparação ao segundo trimestre de 2023, quando atingiram R$ 86,1 milhões. A empresa está buscando encerrar o ano com uma base de custos e despesas ainda mais enxuta, preparando-se para um crescimento sustentável em 2024.

Resultados Positivos e Caminho para Sustentabilidade:

A Meliuz alcançou um marco significativo em sua busca por sustentabilidade financeira. O EBITDA da controladora saiu de um resultado negativo de R$ 25,1 milhões no terceiro trimestre de 2022 para um valor positivo de R$ 4,8 milhões no terceiro trimestre de 2023, uma melhora de 119%. Excluindo gastos extraordinários, o EBITDA ajustado atingiu R$ 7,0 milhões no terceiro trimestre de 2023.

Considerando o resultado financeiro, a amortização, a depreciação e os impostos, a Meliuz encerrou o terceiro trimestre de 2023 com um lucro líquido consolidado (excluindo o Bankly) de R$ 7,6 milhões. Esse resultado representa uma virada significativa em relação ao prejuízo de R$ 6,3 milhões no segundo trimestre de 2023 e ao prejuízo de R$ 9,1 milhões no terceiro trimestre de 2022.

Leia mais  Sem grandes novidades no Brasil, Ibovespa abraça NY para subir nesta manhã

Posição Financeira e Futuro:

Excluindo o Bankly, a Meliuz aumentou sua posição de caixa de R$ 395,8 milhões no segundo trimestre de 2023 para R$ 418,9 milhões no terceiro trimestre de 2023. Essa geração de caixa se deveu principalmente ao resultado financeiro do período, aos recebíveis que entraram no caixa após um atraso e à geração de caixa da empresa e de suas adquiridas.

Em resumo, a Meliuz enfrentou desafios em relação à receita líquida, mas demonstrou uma clara estratégia de otimização de margens. Com um EBITDA positivo e um lucro líquido consolidado, a empresa está caminhando em direção à sustentabilidade financeira. Além disso, a geração de caixa e a redução de despesas operacionais reforçam seu compromisso com um crescimento sustentável no futuro.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais  Méliuz tem prejuízo de R$ 20,7 mi em resultado do 4T23

Leia mais

Méliuz tem prejuízo de R$ 20,7 mi em resultado do 4T23

Márcia Alves

CASH-IN: Méliuz volta a disparar após BC aprovar transferência do Bankly

Leonardo Bruno

Ibovespa: Méliuz (CASH3) sai do índice para entrada de PetroRecôncavo (RECV3) e Vamos (VAMO3)

Leonardo Bruno

Sem CASH: Méliuz leva tombo e prejuízo dispara em 73% para R$ 6 milhões no resultado 2T23

Leonardo Bruno

Ainda há CASH3? Méliuz lidera quedas do Ibovespa em realização de Lucros

Leonardo Bruno

Conta Digital Méliuz vale a pena? Conta Meliuz é seguro e boa?

Karine Freitas

Deixe seu comentário