Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

De lixo a energia: Confira o investimento milionário da Orizon em reciclagem

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Se as tendências ESG ditam o mercado de capitais no mundo da sustentabilidade, as companhias de gestão de resíduos são as líderes destes mercado. Afinal, tem como modelo de negócio, promover soluções sustentáveis para toda a cadeia produtiva. E se o foco e gerar novas receitas enquanto gera benefícios a sociedade, a Orizon (ORVR3) não brinca em serviço.

A companhia acaba de anunciar um investimento de R$ 240 milhões em um aterro de Paulínia, localizado no interior de São Paulo e parte dos ativos da Estre, para gerar biometano e energia elétrica a partir de resíduos.

“Faz parte da mola mestra da Orizon a aquisição de aterros para acessar a matéria-prima, o lixo que chega ali, e agregar valor com investimento em tecnologia”.

É o que afirma o CEO da companhia, Milton Pilão, em entrevista exclusiva ao NeoFeed.

Leia mais  Os melhores e os piores IPOs de 2021: Veja o ranking

Este será o primeiro aterro da Orizon a produzir biometano. Até o momento, os ecoparques da companhia utilizavam exclusivamente o biogás extraído para a geração de energia elétrica.

Previsto para começar a operar já no segundo trimestre, o Ecoparque de Paulínia irá aplicar parte do investimento anunciado na infraestrutura necessária para captura do biogás e na sua transformação em biometano, produzido por meio da purificação do gás gerado nos ecoparques.

Uma parte do biometano vai ser vendida de forma gasosa, injetado na rede da distribuidora da região. O plano é comercializar para a distribuidora e também diretamente para as indústrias, dentro do formato do mercado livre de energia, negociando preços e volumes diretamente com a Orizon.

Com Paulínia, a Orizon quer aproveitar os efeitos da valorização do gás natural no País e no mundo e do avanço da agenda ESG nas empresas, que cada vez mais são cobradas a adotarem matrizes energéticas limpas e renováveis.

Segundo Pilão, boa parte do biometano a ser produzido já está contratado, em contratos firmes, com previsibilidade de reajuste, considerando que o preço não segue as cotações internacionais para o gás natural.

Leia mais  Orizon aprova aumento de capital em oferta primária de R$ 91,1 milhões.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Orizon (ORVR3) anuncia detalhes sobre aquisição de parte da Divisão de Destinação Final da Revert

Leonardo Bruno

Orizon (ORVR3) reduz prejuízo em 72%, mas ainda perde R$ 10,3 milhões no resultado 2T23

Leonardo Bruno

Orizon aprova aumento de capital em oferta primária de R$ 91,1 milhões.

Leonardo Bruno

Orizon anuncia follow-on de R$ 400 milhões

Leonardo Bruno

Ações Setor Saúde Bolsa (B3): Lista de empresas

Arthur Piassetta

Orizon tem prejuízo de R$ 55,8 milhões no 4T22, mas Ebitda contábil cresce 3%

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário