Guia do Investidor
Imagem/Reprodução
Notícias

Mills adquire JM, visando alcance e diversificação

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Mills concluiu a aquisição da empresa de empilhadeiras JM por R$ 279 milhões, após um processo de negociação de quatro meses. Com essa transação, a Mills entra em uma nova vertical de negócios, ampliando seu mercado endereçável de R$ 45 bilhões para R$ 59 bilhões.

A transação foi fechada a um múltiplo de 4,3 vezes o EBITDA da JM, abaixo do múltiplo em que a própria Mills negocia, que é de 5,4 vezes. O pagamento será feito em três etapas: 50% à vista e em dinheiro, 30% ao longo de três anos e 20% por meio de um earnout até 2030.

A compra ainda está sujeita à aprovação do CADE, com um prazo estimado de 60 dias para conclusão do processo regulatório.

Leia mais  Bancos em alta; Yduqs registra maior baixa

A JM, sediada em Lençóis Paulista, interior de São Paulo, possui cinco filiais e atua em todo o território nacional. Com a aquisição, a Mills espera aumentar sua participação na linha amarela, que inclui tratores e retroescavadeiras. Atualmente, essa linha representa 15% do faturamento da Mills, com uma meta de atingir 20% até o final do ano.

A JM também contribuirá para o aumento do duration dos contratos da Mills, com contratos médios variando entre 3 a 5 anos.

Após a conclusão da compra, a alavancagem da Mills aumentará de 0,5x para 0,8x. O CEO da empresa afirmou que planejam continuar buscando novas aquisições.

No entanto, os resultados do primeiro trimestre da Mills ficaram aquém das expectativas, especialmente em termos de receita. A empresa atribuiu isso ao impacto sazonal das chuvas e da entressafra no agronegócio, bem como às vendas de maquinários após o término de alguns contratos.

A Mills teve a Artica como assessor financeiro e a Veirano como assessor jurídico, enquanto a JM foi assessorada pela VGRI Partners.

No mercado, as ações da Mills acumulam um aumento de 47% nos últimos 12 meses, com a empresa alcançando uma capitalização de mercado de R$ 3,4 bilhões na Bolsa.

Leia mais  TC (TRAD3) comunica a aquisição de quotas de emissão da Sfoggia, consultoria tributária

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Lojas Marisa aprova capitalização de até R$ 750 milhões

Paola Rocha Schwartz

Burger King adquire Starbucks por R$120 mi no Brasil17:29

Rodrigo Mahbub Santana

Faturamento do setor de estética cresce em todo mundo

Anna Oliveira

Grupo Mateus assina acordo para adquirir Novo Atacarejo

Rodrigo Mahbub Santana

B3 já possui 19,4 milhões de investidores

Guia do Investidor

Deixe seu comentário