Guia do Investidor
Uniao Europeia Meta Apple Alphabet
Notícias

Alphabet anuncia faturamento de US$ 80 bilhões no 1T24

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

De acordo com informações os resultados superaram as expectativas dos analistas, impulsionadas pelo crescimento de sua unidade de computação em nuvem.

A Alphabet, matriz do Google, registrou um faturamento de mais de US$ 80 bilhões (R$ 413 bilhões, na cotação atual) no 1T24 e um lucro líquido de US$ 23,7 bilhões (R$ 122,4 bilhões).

O lucro líquido por ação foi de US$ 1,89 e a receita total foi de US$ 80,53 bilhões, registrando uma alta de 15% na comparação com o 1T23.

Na quinta-feira (25), a gigante das buscas on-line, que está investindo fortemente em inteligência artificial (IA), também alegrou Wall Street com o anúncio de pagamento de dividendos, com valores de US$ 0,20 centavos e uma recompra de US$ 70 bilhões de suas ações “considerando o melhor interesse da empresa e de seus acionistas”.

Além do crescimento de suas receitas e lucros, o negócio de computação em nuvem da empresa também teve um lucro operacional de US$ 900 milhões (R$ 4,65 bilhões) no período de Janeiro a Março. Já a receita de publicidade em buscas aumentou 14%, US$ 46,2 bilhões – a estimativa média era de US$ 45 bilhões.

“As coisas estão indo bem para o Google. Sua nuvem prosperou, como esperado e o YouTube se beneficiou dos investimentos em esportes ao vivo, de uma melhor gestão do problema de bloqueio de anúncios e de uma melhor monetização do Shorts, os vídeos curtos e divertidos copiados do TikTok”, reagiu Evelyn Mitchell-Wolf, da Emarketer.

O serviço de streaming registrou sua maior taxa de crescimento em 02 anos e segundo o CEO da Alphabet, Sundar Pichai, o desempenho sólido da bigtech no 1T em áreas-chave como Search, YouTube e Nuvem, impulsionam a transição para a “era Gemini”, a ferramenta de inteligência artificial do Google.

Leia mais  Cielo registra lucro líquido de R$ 503,1 milhões no 1T24

Os investidores estão entusiasmados com as perspectivas da IA, mas querem que as empresas de tecnologia continuem a se concentrar nas receitas e nos lucros.

Ações da Alphabet subiram com possível parceria com a Apple

As ações da Alphabet, empresa controladora Google, registraram um aumento de 2,7% nas primeiras negociações do pré-mercado, impulsionadas por relatos de uma potencial colaboração com a Apple. Segundo fontes próximas à situação, as duas gigantes da tecnologia estão em discussões ativas para licenciar o Gemini, o avançado sistema de Inteligência Artificial (IA) da Alphabet, para os próximos modelos de iPhones.

A notícia surge em meio a um contexto de intensa competição entre as principais empresas de tecnologia, destacando a crescente importância da IA na experiência do usuário e na inovação tecnológica. A Apple, além disso, recentemente considerou a possibilidade de integrar o modelo de IA desenvolvido pela OpenAI, empresa por trás do ChatGPT, em seus futuros dispositivos, embora as negociações com a OpenAI ainda não tenham progredido.

Leia mais  Conab espera crescimento de 17,4% na produção de graos da safra 2022/2023

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Mercado voluntário de carbono no Brasil recua em 2023; falta confiança

Agência Brasil

Banco Central faz ajustes para aperfeiçoar segurança do Pix

Agência Brasil

BNDES conclui financiamento para exportação de 32 jatos da Embraer

Agência Brasil

Geração de energia no Brasil tem expansão recorde de 18,7%

Agência Brasil

Intenção de consumo das famílias cai 0,2% em julho

Agência Brasil

Dólar se aproxima de R$ 5,60 com incertezas políticas e fiscais no Brasil

Agência Brasil

Deixe seu comentário