Guia do Investidor
Em dia de bolsa fechada
Notícias

NY fecham em queda após PIB do 4TRI ficar abaixo do esperado

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Mercado acionário de NY fecha no vermelho após revisão do PIB do 4TRI mostrar crescimento abaixo das expectativas.

As bolsas de valores de Nova York tentaram se recuperar, mas fecharam em queda nesta quarta-feira, reagindo negativamente à revisão do Produto Interno Bruto (PIB) americano do quarto trimestre. O crescimento reportado ficou aquém das estimativas dos analistas, o que desencadeou uma onda de vendas, especialmente nos setores de tecnologia e serviços de comunicação. Grandes empresas, como Nvidia e Alphabet, registraram perdas significativas, refletindo o desânimo dos investidores. O Nasdaq recuou 0,55%, enquanto o Dow Jones e o S&P 500 também fecharam em território negativo. Paralelamente, os rendimentos dos Treasuries recuaram, sinalizando uma cautela crescente entre os investidores.

Leia mais  Dólar abaixo de R$ 5? Confira os destaques da Bolsa

Tecnologia e Comunicação Lideram Perdas em Wall Street

Em uma sessão de altos e baixos, as bolsas em Nova York lutaram por uma recuperação, mas encerraram o dia no vermelho, influenciadas pela revisão do PIB do quarto trimestre nos Estados Unidos, que revelou um crescimento menor do que o esperado. Essa atualização econômica trouxe um sinal de alerta para o mercado, levando a uma retração, especialmente nos setores mais sensíveis a expectativas de crescimento econômico, como tecnologia e serviços de comunicação.

Empresas como Nvidia e Alphabet estiveram no centro das atenções, com quedas de 1,32% e 1,91%, respectivamente. Essas baixas contribuíram para o desempenho negativo do Nasdaq, que fechou a sessão com um recuo de 0,55%. O Dow Jones e o S&P 500 não ficaram muito atrás, registrando quedas modestas, mas significativas para os investidores.

A movimentação dos mercados foi acompanhada por uma queda nos rendimentos dos Treasuries, um indicador do sentimento de risco no mercado. Especificamente, o rendimento do T-bond de 30 anos caiu, assim como o das T-notes de 2, 5 e 10 anos. Essa retração nos juros sinaliza uma busca por ativos considerados mais seguros, refletindo a incerteza dos investidores diante do cenário econômico atual.

Dólar Fortalece com Perspectiva de Política Monetária do Fed

A moeda americana registrou um aumento significativo em sua cotação nesta última quarta-feira, em meio a uma conjuntura marcada pela revisão de indicadores econômicos chave dos Estados Unidos. O reajuste nos números do PIB e do PCE jogou luz sobre a resiliente condição econômica e inflacionária do país, pavimentando o caminho para que o Federal Reserve adie a redução da taxa de juros para o segundo semestre do ano.

Leia mais  Nasdaq sobe impulsionado por avanço da IA; S&P500 atinge novo recorde

Essa perspectiva de política monetária mais rígida por um período prolongado alimentou a valorização do dólar em relação a uma cesta de moedas, com o índice DXY registrando uma modesta alta.

O cenário doméstico brasileiro também jogou a favor da escalada do dólar, com a formação da PTAX de fevereiro, a rolagem de contratos de câmbio no mercado futuro, e o clima negativo na bolsa de valores, principalmente devido às incertezas que cercam os futuros dividendos da Petrobras.

O dólar à vista fechou o dia em alta, tocando a marca de R$ 4,9700, após variar entre R$ 4,9430 e R$ 4,9754 ao longo da sessão. No mercado futuro, a valorização também foi evidente, com o dólar para março subindo 0,72%, a R$ 4,9680.

A dinâmica internacional complementou o quadro, com o euro e a libra sofrendo desvalorizações frente ao dólar, refletindo a fortaleza da moeda americana em um contexto de expectativas de política monetária e econômica.

Nos siga no Google News
Leia mais  A Bolsa brasileira está barata e é o momento de investir "pesado", afirma Franklin Templeton

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Crise na Bolsa de Valores? Um alerta para a economia brasileira

Fernando Américo

O que acontece com uma nova bolsa de valores no Brasil?

Fernando Américo

Ministro critica “lucro exorbitante” da Petrobras e nega interferência

Rodrigo Mahbub Santana

Empresa de Trump tem prejuízo de quase US$ 60 bi em 2023

Rodrigo Mahbub Santana

BTG Pactual rebaixa recomendação da Vale em meio a tumulto

Rodrigo Mahbub Santana

Milei quer demitir 70 mil funcionários públicos

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário