Guia do Investidor
tanque de diesel r5 na rpbc foto wilson melo agencia petrobras.jpg
Notícias

Petrobras anuncia que não vai mexer nos preços do combustível

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Jean Paul Prates, presidente da Petrobras, não deu nenhum sinal de que pretende aumentar os preços da gasolina e do diesel.

Nesta quinta-feira (18), Jean Paul Prates, presidente da Petrobras, informou que a petroleira monitora todas as condições de mercado e até o momento não vê nenhuma razão para mexer nos preços de combustíveis.

“Estamos avaliando todas as condições do mercado. Não há razão para pânico nenhum agora”, afirmou Prates, após participar de evento no Rio de Janeiro.

A Petrobras não altera os preços da gasolina há mais de 06 meses. Os preços do petróleo têm valorização de 20% no acumulado do ano e são negociados na casa dos 88 dólares por barril. O dólar sobe 9% no ano e está cotado a 5,26 reais, o maior patamar desde Dezembro de 2022.

“Nós estamos avaliando o cenário internacional e, por enquanto, não há nada que faça a gente mover (preços), e o próprio preço do petróleo indica isso”, acrescentou Prates.

Aumento do petróleo Brent

Nesta semana, foi anunciado que a cotação do petróleo Brent, referência global, chegou a fechar acima de 90 dólares o barril em alguns dias da semana passada.

Na véspera, o Brent recuou, fechando um pouco acima de US$ 87, patamar de negociação desta quinta-feira (18).

Leia mais  Veja como funciona importação por pessoas físicas

Mas o Brent registrou maior volatilidade ao longo de abril, marcando no dia 5 uma máxima de fechamento desde outubro do ano passado, a US$ 91,17, em meio a preocupações com um conflito entre Israel e Irã.

A Petrobras disse que não aumentou os preços da gasolina e do diesel este ano, com integrantes do mercado apontando um aumento da defasagem. Além disso, a volatilidade dos preços do petróleo, fez o dólar se valorizar frente ao real, outro fator que impacta nas contas da defasagem dos combustíveis em relação aos valores externos.

De acordo com informações, na tarde desta quinta-feira (18), o dólar teve leve alta frente ao real. No acumulado do ano, a moeda registra alta de cerca de 8%.


Leia mais  Benefícios do INSS acima do mínimo terão reajuste de 3,71%
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história

Agência Brasil

Petrobras anuncia cumprimento do plano de negócios

Márcia Alves

Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 3

Agência Brasil

Intenção de Consumo das Famílias avança 1,3% em maio

Agência Brasil

Arrecadação federal cresce 8,26% e chega a R$ 228,87 bilhões

Agência Brasil

Tarifa de importação é zerada para garantir abastecimento de arroz

Agência Brasil

Deixe seu comentário