Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Restoque (LLIS3) conclui aumento de capital social e reduz dívida bruta em 93%

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Restoque (LLIS3) divulgou importante comunicado na noite desta quinta-feira (27). A Companhia informou que o seu Conselho de Administração concluiu o aumento de capital social da organização em R$ 1,63 bilhão.

O fato impactou fortemente a dívida bruta da Restoque, que obteve uma baixa de 93%. Assim, a dívida que totalizava R$ 1,76 bilhão previamente à operação, resultou em um saldo remanescente de R$ 130 milhões. Desse total, R$ 117 milhões (corrigidos a CDI + 1,1% a.a.) deverão ser pagos em até 8 anos e R$ 13 milhões (corrigidos a TR + 1,0% a.a.) em até 20 anos.

A Companhia reitera o seu compromisso com o crescimento sustentável do negócio através de foco na experiência e satisfação do cliente, integração digital, eficiência operacional e posicionamento institucional, como forma de criar valor para seus stakeholders.”

Informou o comunicado.

Prejuízo da Restoque (LLIS3) disparou para R$ 59 milhões no primeiro trimestre de 2022

No início do ano, a Restoque (LLIS3) apresentou um importante aumento em seu prejuízo líquido, somando R$ 59 milhões no 1T22, contra prejuízo de -R$ 38 milhões no mesmo trimestre do ano anterior.

Leia mais  Resumo Resultados 1T21: SOJA3, MYPK3, PNVL3 e LLIS3

Confira os principais destaques dos resultados da Restoque do primeiro trimestre de 2022:

Indicador 1T22 4T21 % 1T21 %
Lucro Líquido (R$) -59 M -661,2 M -R$ 38 M
Margem Ebitda (%) 12,7% -4,3% 17 p.p. 1,9% 10,8 p.p.
Margem Bruta (%) 57,3% 50,1% 7,2 p.p. 49,1% 8,2 p.p.
Margem Líquida (%) -25,4% -230,1% 204,7 p.p. -22,7% -2,7 p.p.

A receita líquida da Restoque atingiu R$ 232,7 milhões no 1T22, apresentando alta de 38,6% na comparação com o 1T21.

O lucro bruto da Restoque atingiu R$ 133,4 milhões no 1T22, apresentando crescimento de 61,9% na comparação com o 1T21.

O custo do produto vendido totalizou R$ 97,5 milhões no 1T22, apresentando crescimento de 16,5% na comparação com o 1T21.

O Ebitda ajustado da Restoque atingiu R$ 29,5 milhões no 1T22, apresentando crescimento de 821,8% na comparação com o 1T21.

A margem Ebitda ajustada da Restoque atingiu 12,7% no 1T22, apresentando crescimento de 10,8 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

O resultado financeiro da Restoque totalizou um prejuízo de R$ 66,4 milhões no 1T22, contra prejuízo de R$ 25,6 milhões quando comparado ao 1T21.

Leia mais  Agenda de resultados da semana

No 1T22, as despesas gerais e administrativas recuaram 3,3% em relação ao 1T21.

A margem bruta da Restoque atingiu 57,3% no 1T22, apresentando crescimento de 8,2 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

O prejuízo líquido da Restoque atingiu R$ 59 milhões no 1T22, contra prejuízo de R$ 661,2 milhões na comparação com o 4T21 e prejuízo de R$ 38 milhões na comparação com o mesmo período do ano anterior.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais  Veste S/A Estilo (VSTE3): Com novo controlador, Restoque vai mudar de nome e ticker

Leia mais

Veste S/A Estilo (VSTE3): Com novo controlador, Restoque vai mudar de nome e ticker

Leonardo Bruno

Prejuízo da Restoque (LLIS3) dispara para R$ 59 milhões no resultado 1T22

Leonardo Bruno

Resumo Resultados 1T21: SOJA3, MYPK3, PNVL3 e LLIS3

Diego Marques

Quais ações de consumo podem bombar? Veja relatório do BB

Diego Dias

Deixe seu comentário