Guia do Investidor
ripple xrp4
Criptomoedas Notícias

Ripple desiste de IPO nos EUA

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Após batalha legal, Ripple planeja recomprar ações e não abrirá capital nos EUA. Valor pode atingir US$ 11,3 bilhões.

A Ripple, emissora da criptomoeda XRP, tomou uma decisão significativa após encerrar uma batalha legal com a Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC). A empresa abandonou seus planos de abrir capital nos EUA, optando por recomprar ações de seus investidores originais por meio de uma oferta pública.

Essa movimentação busca aumentar a liquidez para os investidores e oferecer uma oportunidade de vender ações a grandes players do mercado de investimentos. Com isso, a Ripple espera alcançar uma avaliação superior a US$ 11 bilhões, segundo relatos da Reuters. A decisão de não abrir capital foi influenciada pela incerteza regulatória nos EUA e por uma recente vitória parcial da Ripple contra a SEC.

A Ripple, empresa por trás da criptomoeda XRP, surpreendeu o mercado ao anunciar sua desistência dos planos de abrir capital nos Estados Unidos. Esta decisão veio após a empresa encerrar uma longa batalha legal com a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC), na qual uma vitória parcial determinou que o XRP não é considerado um “contrato de investimento”.

Agora, a Ripple planeja recomprar ações de seus investidores originais por meio de uma oferta pública, uma estratégia que visa aumentar a liquidez e oferecer aos acionistas a oportunidade de vender suas participações para grandes players do mercado de investimentos.

Leia mais  Red Bull lança competição de doodles no Brasil com premiação em NFTs

A recompra proposta pela Ripple envolve um montante de US$ 285 milhões e poderia impulsionar a avaliação da empresa para além dos US$ 11 bilhões. Fontes próximas ao assunto sugerem que a empresa poderia alcançar uma avaliação de cerca de US$ 11,3 bilhões se o processo for concluído com êxito.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Brad Garlinghouse, CEO da Ripple, afirmou que a decisão de não abrir capital nos EUA foi influenciada pela incerteza regulatória no país. Ele também anunciou que a empresa planeja realizar recompras regulares de ações, fornecendo liquidez aos investidores.

Leia mais  Onda de frio afeta hashrate do Bitcoin

Além disso, a Ripple confirmou que a venda de participações pelos investidores está limitada a 6%, e a empresa pretende gastar mais US$ 500 milhões para cobrir os custos de conversão de unidades de ações restritas em ações, um benefício frequentemente oferecido aos funcionários como parte de sua remuneração.

Qual a ideia por trás da Ripple?

A Ripple é uma empresa de tecnologia financeira sediada em São Francisco, Califórnia, que se concentra principalmente em soluções de pagamento transfronteiriço e transferência de dinheiro. A criptomoeda associada à Ripple é chamada de XRP, embora a empresa e a moeda digital sejam frequentemente usadas de forma intercambiável.

A Ripple foi fundada em 2012 por Chris Larsen e Jed McCaleb. Ela se destaca por oferecer uma plataforma de pagamento global que permite que instituições financeiras, como bancos, processem pagamentos transfronteiriços de forma rápida e eficiente usando sua tecnologia blockchain. A RippleNet, a rede global da Ripple, é usada por uma série de bancos e instituições financeiras em todo o mundo para melhorar a velocidade e a eficiência das transações internacionais.

A XRP, por sua vez, é a criptomoeda nativa da rede Ripple e é usada como uma ponte de liquidação para facilitar transferências internacionais de valor. A característica distintiva da XRP é sua velocidade de transação extremamente rápida e baixo custo, tornando-a uma escolha atraente para instituições financeiras que desejam eficiência nas remessas transfronteiriças.

Leia mais  Apple bloqueia app da carteira da Coinbase devido às taxas de gás diz exchange

A Ripple ganhou atenção no mundo das criptomoedas e das finanças tradicionais devido à sua abordagem inovadora e parcerias com grandes instituições financeiras. No entanto, a empresa também enfrentou desafios legais, especialmente relacionados à classificação da XRP como um “título não registrado” pela Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC), o que levou a processos judiciais.

É importante notar que as informações sobre a Ripple podem estar sujeitas a mudanças, já que minha base de conhecimento foi atualizada pela última vez em janeiro de 2022, e eventos ou desenvolvimentos posteriores podem ter ocorrido desde então. Portanto, é aconselhável verificar fontes atualizadas para obter informações mais recentes sobre a Ripple e a XRP.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Novidade: Brasil Bitcoin expande sua lista com novos tokens; Confira

Lara Donnola

Brasil Bitcoin: é seguro? Como funciona? Conheça a exchange

Lara Donnola

O retorno dos Memes Coins: por que estão fazendo tanto sucesso?

Autor Convidado

Ethereum: por que essa criptomoeda que merece ser observada?

Autor Convidado

Empresa de Trump tem prejuízo de quase US$ 60 bi em 2023

Rodrigo Mahbub Santana

BTG Pactual rebaixa recomendação da Vale em meio a tumulto

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário