Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Selic caiu: 5 dicas para pequenas e médias empresas conseguirem crédito

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A busca por financiamento pode ser um desafio significativo para pequenas e médias empresas (PMEs), mas com as orientações certas, esse processo pode se tornar mais prático e acessível. Segundo David Mourão, CEO e cofundador do banco para MEI e pequenas e médias empresas, Linker, conseguir crédito é um dos processos mais burocráticos e demorados para empreendedores, inclusive a simples simulação de crédito corporativo pode ser uma barreira.

De acordo com Mourão, a recente queda de 0,5% da Taxa Selic abre margem para novos empreendedores buscarem capital. “A queda da taxa de juros além de possibilitar o investimento e crescimento das empresas, ela também aumenta o número de novos empreendedores que resolvem iniciar um novo negócio, já que passam a ter acesso menos custoso a capital”, comenta o especialista. Pensando nessas dificuldades enfrentadas pelas PMEs, David compartilha cinco dicas essenciais para empreendedores que estão procurando obter crédito.

Leia mais  Mercado imobiliário segue impactado pela alta na taxa Selic

Prepare uma apresentação financeira sólida: Antes de buscar crédito, é crucial apresentar informações financeiras claras e precisas. Isso inclui demonstrações de resultados, balanços patrimoniais e fluxos de caixa. Ter uma compreensão profunda de sua situação financeira ajudará a construir confiança com os credores e demonstrar que você está tomando decisões conscientes.

Conheça suas necessidades e objetivos: Defina claramente por que você está buscando crédito e como pretende usá-lo para impulsionar o crescimento do seu negócio. Ter metas específicas e um plano bem definido mostra aos credores que você é um tomador de empréstimo responsável e capaz de maximizar os recursos recebidos.

Explore diferentes opções de crédito: Existem várias opções de crédito disponíveis para as PMEs, desde empréstimos tradicionais até linhas de crédito rotativo e soluções de financiamento alternativas em fintechs especializadas neste mercado. Pesquise e compare as opções para encontrar aquela que melhor se alinha às suas necessidades e capacidade de pagamento.

Mantenha um bom histórico de crédito empresarial: Um histórico de crédito empresarial saudável é fundamental para conseguir boas taxas e termos de empréstimo. Certifique-se de pagar suas obrigações financeiras pontualmente e de forma consistente. Isso construirá uma reputação positiva aos olhos dos credores e facilitará a obtenção de crédito no futuro.

Leia mais  Qual a melhor ação pra investir em 2020?

Utilize tecnologia financeira a seu favor: A tecnologia está transformando o setor financeiro, tornando processos mais ágeis e eficientes. Fintechs especializadas no mercado de PMEs oferecem soluções de gerenciamento financeiro, acesso a crédito e ferramentas de análise que podem ajudar os empreendedores a se destacarem na busca por crédito. Utilizar essas ferramentas pode agilizar o processo e aumentar suas chances de aprovação.

O CEO e cofundador do Linker enfatiza que o acesso ao crédito é fundamental para impulsionar o crescimento das PMEs, e seguir essas dicas pode fazer toda a diferença na obtenção de financiamento de forma bem-sucedida. Com preparação adequada, conhecimento das opções disponíveis e uma abordagem estratégica, as PMEs podem navegar pelo processo de busca de crédito com confiança.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais  Com possível queda da Selic, CDB prefixado e pós-fixado são boas opções de investimentos, indica Paraná Banco Investimentos

Leia mais

Incerteza nos EUA e tensões no Oriente Médio impactam o mercado

Rodrigo Mahbub Santana

Itaú alerta que ciclo de queda pode terminar antes do previsto

Paola Rocha Schwartz

Santander eleva recomendação da B3

Rodrigo Mahbub Santana

Copom faz redução de 0,50 pp na taxa Selic

Márcia Alves

Taxa Selic deve atingir ao menor nível em dois anos

Márcia Alves

B3: produtos ligados a juros batem recorde em 2023

Guia do Investidor

Deixe seu comentário