Guia do Investidor
VAMOS GDI
Notícias

Vamos divulga lucro líquido

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Vamos (VAMO3) divulgou os resultados do consensos do mercado, com uma receita líquida de R$1,4 bi no 4T23, representando uma alta de +4,4% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Em 2023 a receita totalizou R$6 bilhões, um crescimento de +23,9%.

Analistas previam um fim de ano turbulento para a Vamos, expectativa que se concretizou com a divulgação de resultados cda companhia nesta segunda-feira (18). A companhia entregou um lucro líquido de R$195,5 milhões, queda de 23% em relação ao mesmo período do ano passado. O número, aliás, ficou acima das expectativas do BTG Pactual que tinha projeções em R$145 mi.

O segmento de concessionárias impactou o resultado, com queda de 28% em receita comparado com o mesmo período de 2023, totalizando R$484,3 milhões. O efeito engoliu parte dos ganhos da divisão de locação (maior parte do faturamento da companhia) que cresceu dois dígitos altos. O setor avançou 38% na comparação anual (para R$881,3 mi). No consolidado, receita líquida avançou 4,7 para 1,4 bilhão.

Leia mais  4 motivos para o MEI ter uma conta PJ

Queda

O declínio no segmento de concessionária reflete o comportamento da divisão dedicada ao agronegócio. No caso da Vamos, a companhia trabalha tanto com concessionárias de caminhões quanto com as voltadas ao agronegócio – comércio de máquinas e veículos específicos para o agro.

Mesmo não divulgando as informações das áreas de atuação, a Vamos afirma que somente as concessionárias de caminhões apresentaram um desempenho dentro do esperado.

“Saímos do melhor trimestre da história para o segmento de concessionárias, em 2022, para um trimestre que não foi bom, puxado pelo desempenho do agronegócio”.

Afirma Gustavo Couto, CEO da empresa em declaração a E.Insight.

A Vamos sentiu os efeitos da restrição de crédito para produtores. Sem contar os efeitos do El Niño. A companhia possui lojas concentradas principalmente no Mato Grosso e Goiás, estados cuja economia está totalmente voltado ao agronegócio. O Ebitda da divisão, por sua vez, foi negativo em R$35,8 milhões no quarto trimestre, ante resultado positivo de R$65 mi no mesmo período do ano retrasado.

Leia mais  Dólar e bolsa fecham estáveis à espera de juros no Brasil e nos EUA

O CEO da Vamos, antevê que a normalização nos resultados, ocasionando na melhora do setor, deve se concretizar em abril. Em janeiro a receita líquida de concessionárias somou R$238 milhões e, em fevereiro, R$205 mi, abaixo dos mesmos meses do ano passado.

Subida

Diferente do segmento de concessionárias que enfrenta um período adverso, o de locação de veículos contribuiu para amortizar o baque. A divisão aumentou sua participação dentro do Ebitida da companhia. O indicador de geração de caixa totalizou R$661 milhões no quarto trimestre, um aumento de 16% em relação ao mesmo período de 2023. Do total, mais de 90% veio da divisão de locação.

A divisão de core business a da companhia deve continuar em ritmo acelerado. Os novos contratos assinados no quarto trimestre (capex contratado) somam R$1,1 bi, alta de 9,5% em relação ao mesmo período do ano passado, o que corrobora a resiliência do modelo de negócio da Vamos.

“Há expectativa de crescimento em aproximadamente 15% no volume de novos licenciamentos de caminhões em 2024, o que deverá fomentar ainda mais o segmento de locação”.

Gustavo Couto

Para este ano, a meta da Vamos é manter o indicador em cerca de três vezes a 3,5 vezes. A maior parte da dívida da empresa está no longo prazo (prazo médio de cinco anos) com um custo médio de 9,4%.

Leia mais  Sete dos 30 países da Otan cumpriram meta de gastos em 2022

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

IGP-M: índice usado no reajuste do aluguel sobe 0,89% em maio

Agência Brasil

Brasil fecha abril com 240 mil empregos criados, aponta Caged

Agência Brasil

Vendas do Tesouro Direto somaram R$ 5,72 bilhões em abril

Agência Brasil

Mesmo na pandemia, emprego na construção cresceu 21,6%

Agência Brasil

Importações em alta e Vendas em queda na Indústria de máquinas brasileira

Rodrigo Mahbub Santana

Cosan anuncia prejuízo de R$ 192,2 milhões no 1º trimestre

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário