Guia do Investidor
dividendos GDI
Notícias

Abra os bolsos: Taesa divulga pagamento de R$ 228 mi en dividendos

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Taesa (TAEE11) anunciou que realizará o pagamento de dividendos no valor total de R$ 228 milhões, conforme comunicado divulgado ao mercado nesta quarta-feira (27). De acordo com o aviso aos acionistas, o valor por ação unitária será de R$ 0,66184008000.

Os dividendos intercalares serão distribuídos aos acionistas no dia 16 de janeiro de 2024, com base na posição acionária registrada no dia 3 de janeiro de 2024. A partir do dia 4 de janeiro de 2024, as ações e units da Taesa passarão a ser negociadas “ex-dividendos”, ou seja, sem o direito aos dividendos anunciados.

Esse pagamento de dividendos representa um retorno financeiro para os investidores que detêm ações ou units da Taesa, contribuindo para a atratividade dos investimentos na empresa. É importante que os acionistas estejam cientes das datas-chave relacionadas ao pagamento e à negociação “ex-dividendos” para garantir que recebam os dividendos a que têm direito.

Leia mais  Queda! As ações que podem ir mal no curto prazo
Data do Aviso ao AcionistaData de PagamentoValor Total dos DividendosValor por Ação/Unit (TAEE11)
27 de dezembro de 202316 de janeiro de 2024R$ 228.000.000,00R$ 0,66184008000

O que são dividendos?

Dividendos são uma parcela do lucro de uma empresa que é distribuída aos seus acionistas. Eles são uma forma de a empresa recompensar os acionistas pelo investimento feito, e são geralmente pagos em dinheiro, mas também podem ser pagos na forma de mais ações da empresa.

A decisão de quanto do lucro será distribuído como dividendos é geralmente tomada pela diretoria da empresa e deve ser aprovada pelos acionistas em uma reunião anual. A outra parte do lucro é geralmente reinvestida na empresa para financiar o crescimento e a expansão.

O valor do dividendo que um acionista recebe depende do número de ações que ele possui. Por exemplo, se uma empresa paga um dividendo de R$1 por ação e você possui 100 ações, você receberá R$100 em dividendos.

Leia mais  Taesa (TAEE11) lucra R$ 146,6 milhões no resultado 1T22

Os dividendos são uma forma importante de retorno para os investidores, especialmente para aqueles que investem a longo prazo. Eles podem ser reinvestidos para comprar mais ações ou podem ser usados como uma fonte de renda.

Dividendos e Juros sobre Capital Próprio (JCP) são duas formas que as empresas têm de distribuir parte de seus lucros aos acionistas, mas eles têm diferenças significativas principalmente no aspecto tributário.

Dividendos: São distribuídos a partir do lucro líquido da empresa, após a dedução de todos os impostos. Portanto, os dividendos são isentos de imposto de renda para os acionistas que os recebem, pois a empresa já pagou todos os impostos devidos.

Juros sobre Capital Próprio (JCP): É uma forma alternativa de distribuição de lucros que tem um benefício fiscal para a empresa. O JCP é tratado como uma despesa operacional para a empresa e, portanto, reduz o lucro tributável da empresa, resultando em menos imposto de renda devido pela empresa. No entanto, ao contrário dos dividendos, o JCP é tributável para os acionistas que o recebem. A alíquota é de 15% e o imposto é retido na fonte.

Leia mais  Taesa (TAEE11) anuncia interrupção das Projeções de Capex Nominal para 2023 devido ao Avanço da Concessão Sant’Ana Transmissora de Energia

Conhece a Nova Agenda Dividendos do GDI? 

Por fim, se você é um investidor que gosta de estar ligado e antenado as empresas que mais pagam dividendos no mercado, precisa acessar a nova e repaginada Agenda de Dividendos do Guia do Investidor!

image 32
Agenda Dividendos do GDI

Lá é possível conferir as principais datas de pagamentos, as empresas que mais estão pagando dividendos acionistas e os tipos de dividendos que serão distribuídos nos próximos dias! Portanto, não deixe de clicar aqui para conferir e encher seu bolso!

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Taesa recebe licenças para projeto de Tangará

Miguel Gonçalves

Taesa (TAEE11) Aanuncia pagamento de dividendos e JCP

Miguel Gonçalves

Taesa recebe licença prévia para trecho de Transmissão de Energia

Leonardo Bruno

Taesa recebe Licença Prévia para empreendimento Pitiguari Transmissora de Energia Elétrica em Santa Catarina

Leonardo Bruno

Taesa (TAEE11) anuncia interrupção das Projeções de Capex Nominal para 2023 devido ao Avanço da Concessão Sant’Ana Transmissora de Energia

Leonardo Bruno

A Taesa (TAEE11) inaugura novo Centro de Operação do Sistema Taesa (COS)

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário