Guia do Investidor
Bitcoin BTC Cripto
Notícias

Bitcoin registra queda após ataques do Oriente Médio

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O bitcoin caiu cerca de 8% neste final de semana, após ataques do Irã contra Israel.

Em informações divulgadas, foi reportado que o Bitcoin tomou um tombo no último final de semana, fazendo com que o seu preço tivesse uma queda de quase 8%, após ataques do Irã contra Israel.

A cotação da criptomoeda, estava girando em torno de US$ 70 mil no sábado (13), e caiu para US$ 62 mil, na manhã de domingo (14), o ativo foi negociado em torno de US$ 64 mil.

De acordo com informações, a criptomoeda chegou a cair 18%, atingindo a cotação de US$ 60,908, em relação ao recorde de meados Março, fazendo com que o Bitcoin registrasse a sua maior baixa em relação ao recorde de mais de US$ 73.700. 

Nesta segunda-feira (15), o bitcoin operou em uma alta de 1,55%.

Leia mais  Shell (RAIZ4) é alvo de investigação pelo Cade

Ataques do Irã contra Israel acaba prejudicando as bolsas

Enquanto Irã se preparava para atacar Israel, a tensão tomou conta e acabou prejudicando as bolsas na última sexta-feira (12) e impulsionou ativos de refúgio como o dólar e títulos americanos. Posições alavancadas ficaram completamente sobrecarregadas nesses últimos 03 dias, o que fez com que os preços se deteriorassem sensivelmente nos ativos digitais.

De acondo com informações, não só o Bitcoin, mas outras criptomoedas sofreram quedas. As moedas Ethereum (ETH) e Solana (SOL) chegaram a registrar uma queda de 9% e 18% no fim de semana.

Criptomoedas menos negociadas, como como avalanche, XRP e o token meme dogecoin, também sofreram quedas significativas.

Cenário do conflito entre Irã e Israel

A rivalidade entre os dois países já é de longa data, e ambos então envolvidos em guerras paralelas há anos.

O ataque que ocorreu neste fim de semana, de acordo com a missão do Irã na ONU, foi uma resposta à agressão do regime sionista contra instalações diplomáticas iranianas, em Damasco, capital da Síria.

Leia mais  Por que a nova "geração cripto" da América Latina pode parecer mais familiar do que nunca

As preocupações com o aumento do conflito entre os países, têm afetado os mercados dos EUA nos últimos dias. O índice Dow Jones apresentou uma queda de 475 pontos na sexta-feira (12). Jamie Dimon, CEO do JPMorgan Chase, expressou preocupações aos investidores sobre o conflito, destacando que poderia ter um impacto significativo na economia global se os preços do petróleo e gás aumentassem excessivamente, conforme relatado pela CNN.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais  EUA realizam maior apreensão de Bitcoin da história

Leia mais

Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história

Agência Brasil

Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 3

Agência Brasil

Intenção de Consumo das Famílias avança 1,3% em maio

Agência Brasil

Arrecadação federal cresce 8,26% e chega a R$ 228,87 bilhões

Agência Brasil

Tarifa de importação é zerada para garantir abastecimento de arroz

Agência Brasil

Previsões do mercado para Selic e juros sobem

Agência Brasil

Deixe seu comentário