Guia do Investidor
FIAgro o que é
agronegócio Caixa Caixa Econômica Caixa Econômica Federal Notícias

Caixa empresta R$ 6,1 bilhões em maio para o agronegócio e bate recorde em crédito rural

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Valor é 392% maior do que o contratado no mesmo mês do ano anterior e 707% superior na comparação com 2018

A CAIXA registrou recorde histórico mensal de contratações de crédito rural em maio de 2022, quando foram concedidos R$ 6,1 bilhões para operações rurais. O número representa um aumento de 392% em comparação a maio de 2021, quando o banco contratou R$ 1,24 bilhão, e de 707% em relação ao mesmo mês em 2018, que teve R$ 755 milhões em contratações.

De janeiro a maio de 2022, o volume de crédito concedido atingiu a marca de R$16,8 bilhões, valor maior do que o realizado em todo o ano de 2021, quando as contratações totalizaram R$ 16,7 bilhões.

No âmbito do Ano Safra 21/22, entre julho de 2021 e maio deste ano, foram contratados R$ 27,1 bilhões em operações, valor 201% maior na comparação com o mesmo período do Ano Safra 20/21.

Os resultados destacam o posicionamento da CAIXA no apoio ao agronegócio brasileiro, beneficiando, especialmente, agricultores familiares, como pescadores e piscicultores, pequenos e médios produtores rurais, além de cooperativas e agroindústrias.

Investimentos no atendimento ao setor:

Também colaboraram para o resultado os investimentos realizados pelo banco nos últimos anos, como a abertura de 100 unidades especializadas no atendimento a produtores rurais e a participação da CAIXA em feiras Agro em todas as regiões do país.

De janeiro a maio, foram 27 participações nesses eventos, nos quais a CAIXA atua na ampliação e fortalecimento do relacionamento com produtores rurais de todos os portes, em especial os pequenos agricultores. Até o fim de 2022, o banco prevê participar de pelo menos 60 feiras de agronegócio.

Principais linhas:

Por meio do crédito rural, a CAIXA busca estimular os investimentos realizados pelas cooperativas e pelos produtores rurais, do plantio à comercialização, para fortalecer o desenvolvimento do campo. O banco possui diversas linhas de crédito voltadas para o setor agro e empresarial.

Entre as linhas disponíveis para o agronegócio, a CAIXA oferece o Custeio Antecipado, que auxilia o produtor no planejamento da próxima safra, com melhores condições para adquirir insumos e serviços por preços mais vantajosos. Os produtores rurais do Pronaf podem contratar com taxas de juros a partir de 3% ao ano. No Pronamp, a taxa de juros é a partir de 5,5% ao ano.

O banco oferece ainda a contratação de crédito rural com recursos da poupança, em que os agricultores podem utilizar o valor contratado para custeio, comercialização, industrialização e investimento. A taxa é a partir de 9,5% ao ano e financiamento de até 100% do projeto, com prazo de até 180 meses para pagar.

Para o setor pesqueiro, o banco oferece, para pescadores artesanais enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), crédito para custeio e investimento. Para as duas modalidades, a taxa de juros parte de 3% ao ano, com prazo para reembolso, na modalidade de custeio da atividade pesqueira, de até 12 meses e de até 120 meses para investimentos.

Na modalidade de custeio, o recurso pode ser utilizado para financiamento das despesas relacionadas à captura do pescado e à conservação das embarcações e equipamentos, sendo possível contratar até R$ 250 mil. Para investimento, o pescador pode financiar a aquisição e reforma de máquinas e equipamentos, bem como a construção ou ampliação de benfeitorias, sendo possível contratar até R$ 200 mil.

Mais informações sobre crédito rural em Agro CAIXA.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Charles River Capital detém agora 10,01% da BrasilAgro

Leticia Izabel

Brasil quer ser autossuficiente na produção de fertilizantes e isso é bom

Autor Convidado

Demanda por crédito caiu 13% em 2023

Guia do Investidor

KDOL11: Kinea lança o primeiro Fiagro do país atrelado ao dólar

Guia do Investidor

Venda de tratores despenca 20% em 2023

Guia do Investidor

Alerta: Onda de Calor extremo vai “derreter” estas ações

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário