Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Corra para não ficar de fora: Fleury (FLRY3) irá pagar R$ 92 milhões em JCP

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Na quarta-feira, 30 de agosto, o Conselho de Administração da Fleury (FLRY3), reconhecida empresa do setor de saúde e medicina diagnóstica, deliberou sobre uma decisão de relevância para seus acionistas. Foi aprovado o pagamento de juros sobre o capital próprio (JCP), no montante de R$ 92,5 milhões, equivalente a um valor bruto de R$ 0,16922113206 por ação.

Essa medida reafirma o compromisso da empresa em recompensar seus acionistas e compartilhar os resultados positivos alcançados. O JCP é uma forma de remuneração aos investidores, que é tributada na fonte, diferente dos dividendos, que têm incidência do Imposto de Renda retido na fonte a uma alíquota de 15%.

O direito ao pagamento dos juros sobre o capital próprio será concedido aos acionistas da Fleury que estiverem registrados como tal no fechamento do pregão do dia 04 de setembro de 2023. Isso significa que os investidores que detiverem ações da empresa nessa data terão direito a receber essa remuneração.

O cronograma estabelecido indica que o pagamento dos proventos aos acionistas será realizado em 31 de outubro de 2023. Essa data marca o momento em que os investidores beneficiados receberão o valor correspondente aos JCP aprovados pelo Conselho de Administração.

A decisão do Conselho de Administração da Fleury em aprovar o pagamento de JCP é uma estratégia comum adotada por empresas que desejam recompensar seus acionistas de forma diferenciada, levando em consideração as particularidades tributárias. Além disso, essa medida também demonstra a confiança da empresa em sua saúde financeira e na geração de resultados sólidos, a ponto de poder compartilhar parte desses ganhos com seus investidores.

Leia mais  6 razões para as empresas se internacionalizarem para fins de crédito

O que são dividendos?

Dividendos são uma parcela do lucro de uma empresa que é distribuída aos seus acionistas. Eles são uma forma de a empresa recompensar os acionistas pelo investimento feito, e são geralmente pagos em dinheiro, mas também podem ser pagos na forma de mais ações da empresa.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

A decisão de quanto do lucro será distribuído como dividendos é geralmente tomada pela diretoria da empresa e deve ser aprovada pelos acionistas em uma reunião anual. A outra parte do lucro é geralmente reinvestida na empresa para financiar o crescimento e a expansão.

Leia mais  Semana do Brasil vai promover descontos de até 80% com 300 lojas

O valor do dividendo que um acionista recebe depende do número de ações que ele possui. Por exemplo, se uma empresa paga um dividendo de R$1 por ação e você possui 100 ações, você receberá R$100 em dividendos.

Os dividendos são uma forma importante de retorno para os investidores, especialmente para aqueles que investem a longo prazo. Eles podem ser reinvestidos para comprar mais ações ou podem ser usados como uma fonte de renda.

Dividendos e Juros sobre Capital Próprio (JCP) são duas formas que as empresas têm de distribuir parte de seus lucros aos acionistas, mas eles têm diferenças significativas principalmente no aspecto tributário.

Dividendos: São distribuídos a partir do lucro líquido da empresa, após a dedução de todos os impostos. Portanto, os dividendos são isentos de imposto de renda para os acionistas que os recebem, pois a empresa já pagou todos os impostos devidos.

Juros sobre Capital Próprio (JCP): É uma forma alternativa de distribuição de lucros que tem um benefício fiscal para a empresa. O JCP é tratado como uma despesa operacional para a empresa e, portanto, reduz o lucro tributável da empresa, resultando em menos imposto de renda devido pela empresa. No entanto, ao contrário dos dividendos, o JCP é tributável para os acionistas que o recebem. A alíquota é de 15% e o imposto é retido na fonte.

Leia mais  "Precifique?" Provedora de Internet Unifique expande operação e se joga no segmento financeiro

Conhece a Nova Agenda Dividendos do GDI? 

Por fim, se você é um investidor que gosta de estar ligado e antenado as empresas que mais pagam dividendos no mercado, precisa acessar a nova e repaginada Agenda de Dividendos do Guia do Investidor!

image 32
Agenda Dividendos do GDI

Lá é possível conferir as principais datas de pagamentos, as empresas que mais estão pagando dividendos acionistas e os tipos de dividendos que serão distribuídos nos próximos dias! Portanto, não deixe de clicar aqui para conferir e encher seu bolso!


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Vale investe US$ 3,3 bilhões em produção de cobre e níquel

Rodrigo Mahbub Santana

Casas Bahia tem plano de recuperação aprovado

Rodrigo Mahbub Santana

Nvidia supera Microsoft e Apple em valor de mercado nos EUA

Rodrigo Mahbub Santana

Vale é Removida da “Lista Suja” por Decisão Judicial

Rodrigo Mahbub Santana

Musk desiste de ação contra OpenIA

Rodrigo Mahbub Santana

Spotify estuda novo plano premium mais caro, entenda

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário