Guia do Investidor
Imagem/Reprodução Telefónica
Notícias

Governo espanhol adquire 10% da Telefónica

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • O governo espanhol, por meio da Sepi, finalizou a aquisição de 10% das ações da Telefónica.
  • A transação foi autorizada pelo Conselho de Ministros e conduzida para minimizar impactos no preço das ações, em conformidade com regulamentações de mercado.
  • A Telefónica é líder no setor de telecomunicações e desempenha um papel crucial na economia espanhola, incluindo atividades em segurança e defesa.
  • A participação adquirida pela Sepi visa proporcionar estabilidade acionária à Telefónica e proteger suas capacidades estratégicas.
  • O investimento reflete um compromisso de longo prazo do governo em apoiar empresas-chave e equilibrar interesses econômicos, estratégicos e políticos.
  • A ação da Sepi visa garantir a competitividade e eficiência do mercado, ao mesmo tempo em que resguarda os interesses públicos e estratégicos da Espanha.
Leia mais  Agentes econômicos: conheça o impacto deles na economia

O governo espanhol, por meio da Sociedade Estatal de Participações Industriais (Sepi), finalizou a aquisição de 10% das ações da Telefónica, em uma operação autorizada pelo Conselho de Ministros. O comunicado divulgado nesta segunda-feira informou que a transação foi conduzida de maneira a minimizar qualquer impacto sobre o preço das ações, seguindo as regulamentações dos mercados em que a Telefónica atua.

A Telefónica, uma das principais empresas do país, é líder no setor de telecomunicações e desempenha um papel crucial em áreas estratégicas. A empresa contribui significativamente para a economia espanhola, incluindo atividades relacionadas à segurança e defesa, além de possuir sólidas capacidades industriais e conhecimento especializado.

A participação adquirida pela Sepi visa proporcionar estabilidade acionária à Telefónica, reforçando seus objetivos e protegendo suas capacidades estratégicas. A Sepi demonstra um compromisso de longo prazo ao investir na empresa, garantindo que ela possa continuar desempenhando seu papel vital no cenário econômico e produtivo do país.

Essa ação do governo espanhol reflete uma abordagem proativa para proteger empresas-chave e equilibrar interesses econômicos, estratégicos e políticos. A Sepi assume um papel fundamental na garantia da competitividade e eficiência do mercado.

Movimentos da Telefonica Brasil

A Telefônica Brasil (VIVT3) anunciou no início do mês passado que realizou um investimento de R$ 10 milhões na startup Klubi. Ou seja, por meio do seu fundo de capital de risco corporativo Vivo Ventures.

Leia mais  Fitch: Agência de Risco reduz classificação do Brasil

De acordo com a empresa, o Klubi é uma fintech autorizada pelo Banco Central para operar como administradora de consórcios no Brasil. Isto é, que atualmente oferece consórcio de automóveis.

Desse modo, o objetivo do investimento é reforçar a presença da marca Vivo na área de soluções financeiras. Isto é, impulsionando a plataforma de crédito pessoal Vivo Money, a conta digital Vivo Pay e outros serviços.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Governo deve receber “ajuda” de R$ 20 bilhões da Petrobras

Márcia Alves

Após suspeitas de fraude, leilão de arroz tem nova data

Márcia Alves

Governo Lula tem rombo fiscal recorde e prejuízo em estatais

Márcia Alves

Déficit do Governo Lula e mais: confira o resumo do dia

Rodrigo Mahbub Santana

Ibovespa abriu em queda: confira o resumo do dia

Márcia Alves

Ações da Suzano sofrem queda: confira o resumo do dia

Márcia Alves

Deixe seu comentário