Guia do Investidor
DIVIDENDOS GDI 2
Notícias

Grana vindo: Raia Drogasil anuncia distribuição de divididos de R$ 87 milhões

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A Raia Drogasil S.A., uma das maiores redes de drogarias do Brasil, anunciou em comunicado oficial a distribuição de Juros sobre Capital Próprio (JCP) no valor bruto total de R$ 87.100.000,00. A decisão foi tomada durante a reunião do Conselho de Administração realizada em 01 de dezembro de 2023.

Segundo o comunicado, os acionistas da empresa terão direito a receber esses juros, que serão pagos até o dia 31 de maio de 2024. A data específica para o pagamento será definida pela Administração da Companhia e oportunamente divulgada aos interessados.

O valor bruto por ação referente a essa distribuição de JCP é de R$ 0,050805469 e não sofrerá qualquer atualização monetária. Essa medida representa um benefício aos acionistas da Raia Drogasil, contribuindo para o retorno financeiro dos investidores.

É importante destacar que esse benefício será aplicado à posição acionária registrada no dia 06 de dezembro de 2023. A partir do dia seguinte, em 07 de dezembro de 2023, as ações da Companhia serão negociadas “ex juros sobre capital próprio”. Isso significa que, a partir dessa data, quem comprar as ações não terá direito a receber os JCP anunciados.

No entanto, é necessário observar que haverá a retenção de Imposto de Renda na Fonte, conforme o artigo 9º da Lei 9249/95 de 26/12/1995. Essa retenção será aplicada a todos os acionistas, exceto às pessoas jurídicas que comprovadamente sejam imunes ou isentas desse imposto.

Os acionistas que se enquadram nessa categoria de imunidade ou isenção deverão apresentar a documentação comprobatória até o dia 08 de dezembro de 2023.

Essa distribuição de Juros sobre Capital Próprio reflete o compromisso da Raia Drogasil em recompensar seus acionistas, proporcionando-lhes uma parcela dos lucros gerados pela companhia. A medida também demonstra a saúde financeira da empresa, que continua a expandir suas operações no mercado de farmácias e drogarias.

O que são dividendos?

Dividendos são uma parcela do lucro de uma empresa que é distribuída aos seus acionistas. Eles são uma forma de a empresa recompensar os acionistas pelo investimento feito, e são geralmente pagos em dinheiro, mas também podem ser pagos na forma de mais ações da empresa.

A decisão de quanto do lucro será distribuído como dividendos é geralmente tomada pela diretoria da empresa e deve ser aprovada pelos acionistas em uma reunião anual. A outra parte do lucro é geralmente reinvestida na empresa para financiar o crescimento e a expansão.

O valor do dividendo que um acionista recebe depende do número de ações que ele possui. Por exemplo, se uma empresa paga um dividendo de R$1 por ação e você possui 100 ações, você receberá R$100 em dividendos.

Os dividendos são uma forma importante de retorno para os investidores, especialmente para aqueles que investem a longo prazo. Eles podem ser reinvestidos para comprar mais ações ou podem ser usados como uma fonte de renda.

Dividendos e Juros sobre Capital Próprio (JCP) são duas formas que as empresas têm de distribuir parte de seus lucros aos acionistas, mas eles têm diferenças significativas principalmente no aspecto tributário.

Dividendos: São distribuídos a partir do lucro líquido da empresa, após a dedução de todos os impostos. Portanto, os dividendos são isentos de imposto de renda para os acionistas que os recebem, pois a empresa já pagou todos os impostos devidos.

Juros sobre Capital Próprio (JCP): É uma forma alternativa de distribuição de lucros que tem um benefício fiscal para a empresa. O JCP é tratado como uma despesa operacional para a empresa e, portanto, reduz o lucro tributável da empresa, resultando em menos imposto de renda devido pela empresa. No entanto, ao contrário dos dividendos, o JCP é tributável para os acionistas que o recebem. A alíquota é de 15% e o imposto é retido na fonte.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Itaúsa (ITSA4) pagará R$ 5,6 bilhões de dividendos e JCP

Mateus Sousa

Apesar de quedas, Vale segue sendo a “queridinha dos dividendos”

Leonardo Bruno

R$ 1,12 por ação: Itaú divulga dividendos para encher o seu bolso

Leonardo Bruno

Cinco dicas para formar renda passiva com dividendos

Guia do Investidor

Grana Preta: Banco Inter revela melhores ações de Dividendos

Leonardo Bruno

As melhores ações de Dividendos para Janeiro

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário